Seu nome determina a quantidade de spam que você recebe

Por , em 1.09.2008

A quantidade de spam que você recebe pode depender da primeira letra do seu e endereço de e-mail. A análise de 550 milhões de lixos eletrônicos revelou as letras que mais recebem o lixo do que o restante.

Ataque às letras

A análise foi feita pelo Dr. Richard Clayton, cientista da computação da Universidade de Cambrige, do Reino Unido, em uma tentativa de entender as grandes discrepâncias nas quantidades de lixo eletrônico, ou spam, que pessoas diferentes recebem.

Foram analisados os dados de 550 milhões de e-mails enviados para clientes do serviço de internet Demon entre 1 de fevereiro a 27 de março de 2008.

Ao olhar para o misto de mensagens chegando nas caixas de entrada, Dr. Clayton descobriu uma grande discrepância nas quantidade de lixo que diferentes endereços recebiam, o que pareceu estar conectado às suas letras iniciais.

As letras mais populares para os spammers foram “A”, “M”, “S” e “P”. Cerca de 40% de todas as mensagens que chegavam às caixas postais de contas com endereços que tinham uma destas letras como a primeira, era lixo. As letras menos populares eram “Q”, “Z” e “Y”. Nestes casos o spam ficava entre 20% ou menos.

A razão para a diferença pode ser parcialmente explicada, disse o Dr. Clayton, pela maneira com que os spammers geram as listas de e-mails para os quais enviam lixo eletrônico.

Comumente, ele disse, eles realizam ataque tipo “dicionário”. Nestes casos, os spammers usam palavras conhecidas como prefixos de e-mails (o que vem antes da “@”) e adicionam outros domínios como sufixo para gerar um novo endereço para o qual tentam enviar mensagem. Por exemplo, spammers que sabem que o emal maria@exemplo.com.br existe podem tentar maria@outro.com.br.

Como resultado, a relativa abundância de nomes começando com “M”, comparado com “Q” pode explicar algumas das disparidades, já que há maior chance dos spammers reutilizarem nomes populares e enviar mais lixo para eles.

O Dr. Clayton disse que a pesquisa mostrou algumas anomalias que precisam de mais pesquisa. Por exemplo, ele disse, endereços começando com “U” parecem receber mais de 50% de spam apesar de existirem relativamente poucos endereços começando com essa letra. [BBC]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

4 comentários

  • Luis Fernando:

    Meu e-mail é muito estranho, acho que por isso que nunca recebi Spam =]!!!

  • Michele:

    Interessante…
    Mas eu não recebo muitos spans…
    A média é so de 1 por mes…tem mes que nem vem…
    e meu mail toodos começam com M…rsrs
    No yahoo a media é maior…
    Masss….eu acho que registros em dominios independente de quais sejam aumentam a quantidade…rsrsrs
    Pq so no yahoo que tenho o mail registrado em varios dominios…rsrsr…mas até aiiii…hehe

  • Ana:

    O meu começa com A…
    Mas recebo mais spam no e-mail do ig (um absurdo de volume de spam!) do que no hotmail, por exemplo.
    Na minha opinião, nada tem a ver com primeira letra e sim com a política anti-spam que é adotada.

  • H. Fernando:

    Ih, Karaca, HFERNANDOS Não é por acaso, não tinha FERNANDO disponivel,
    se assim recebo um monte, imaginna “fernando”

    uffa
    rrs

Deixe seu comentário!