Religiosos são mais felizes quando as circunstâncias são ruins

Publicado em 15.08.2011

Uma nova pesquisa sugere que em sociedades com problemas sociais as pessoas religiosas são mais felizes do que os seus colegas não religiosos. Onde a paz e a abundância são normas, no entanto, a religiosidade é mais baixa, e todas as pessoas são mais felizes – sendo religiosas ou não.

O estudo foi o primeiro a analisar a religião e a sua relação com a felicidade em uma escala global. Foram levantados dados de pessoas de mais de 150 países, que incluíram perguntas sobre filiação religiosa, satisfação com a vida, respeito, apoio social e sentimentos positivos e negativos.

Estudos anteriores sugeriram que as pessoas religiosas tendiam a ser mais felizes do que as não religiosas. As novas descobertas indicam, no entanto, que a religiosidade e a felicidade estão intimamente ligadas às características das sociedades em que as pessoas vivem.

As circunstâncias acabam prevendo a religiosidade. Circunstâncias difíceis levam as pessoas a serem mais religiosas. Em sociedades com menos mazelas sociais, as pessoas religiosas – em menor quantidade – não são as únicas felizes: nessas localidades, todos são mais felizes.

De acordo com os pesquisadores, a religiosidade parece aumentar a felicidade e o bem-estar nas sociedades que não fornecem alimentação adequada, emprego, saúde, segurança e oportunidades educacionais. Além disso, as pessoas religiosas que vivem em sociedades também religiosas têm mais probabilidade de se sentirem respeitadas, receber mais apoio social e serem mais positivas.

Já nas sociedades laicas – que em muitos casos são ricas e têm mais suporte social – as pessoas religiosas e não religiosas relatam bem-estar maior e sentimentos positivos. Surpreendentemente, as pessoas religiosas relataram mais sentimentos negativos do que as não religiosas nessas sociedades. [ScienceDaily]

Autor: Stephanie D’Ornelas

É estudante de jornalismo, adora um café e um bom livro. Curte ciência, arte, culturas e escrever, mesmo que sejam poesias para guardar na gaveta.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

66 Comentários

    • A idéia é justamente o contrário, nessas sociedades menos desenvolvidas, a religião tem o papel de apaziguadora, deixa a população conformista e acomodada, menos propensa a buscar mudanças e desenvolvimento!

      Thumb up 2
  1. Bem como em outra matéria já disse o cérebro tende a te levar para o que ele acha mais fácil, confortável e que te traga felicidade, se você desde pequeno viveu em uma cultura que Deus é o confortável vai viver acreditando nele, se você achou que Deus não é o suficiente e quer desbravar o mundo, seja bem vindo ao mundo cético, existe varias religiões culturas e toda a diversidade por que isso nos faz felizes, nós sentimos bem em dialogar e dar nossa opinião mesmo que isso seja uma critica ou um elogio está tudo em seu cérebro caro amigo honre essa qualidade que nos foi dada!

    Não tente entender o mundo, universo ou mente, tente desbrava-los!

    Thumb up 6
  2. sabe tudo né? haha.
    Ao contrario das suas afirmações impostas sem argumentação, a ciência é cética e até hoje nunca refutou ateísmo nem religiosidade (*refuta casos de extremismo como achar que o mundo tem 6 mil anos, etc.) Ateísmo não impõe, apenas divulga ideias de acordo com uma filosofia cética, ao contrario da religiosidade que precisa que seus dogmas sejam aceitos. Ninguem sabe tudo, deixe de arrogância.

    Thumb up 7
  3. Menina de 2 anos atropelada e abandonada
    Um dos motoristas que atropelaram a menina chegou a dar a constrangedora declaração de que, se ela morresse, teria de pagar US$ 1,5 mil. Se sobrevivesse, o valor poderia ser dez vezes maior.

    … ainda cita o primeiro sociólogo chinês, Fei Xiaotong, que aponta o egoísmo como o principal defeito da sociedade chinesa.

    No Brasil, talvez o equivalente ao ditado chinês seja o famoso “não se meta onde não é chamado”. O problema é o limite entre quando é válido ou não se envolver. No caso de uma criança ferida em meio a uma via, o comportamento coletivo de desprezo inevitavelmente acende o debate acerca de valores morais. A China parece viver uma crise nesse sentido.

    Para Lijia, a falta de uma estrutura de valores aumenta essa crise. Antes, diz a escritora, o egoísmo já estava presente no tecido social, mas era amenizado pela moral tradicional e pela religião. Ambos foram vigorosamente atacados durante os anos de governo de Mao Tsé-tung (1949-1959), especialmente durante a Revolução Cultural, que durou de 1966 a 1976. O comunismo naquele tempo transformou-se na religião. Hoje, esse sistema faliu e deu lugar a uma ecomomia de mercado, com todas as características capitalistas. Segundo Lijia, é daí que se criou um vácuo espiritual.

    Thumb up 7
  4. Como ateia, acredito que a religião, em situações difíceis, funcionem de forma a dar uma justificativa para a situação vivida. A velha história do frio não ser maior que o cobertor é um anestésico para a conformidade. Aqui no Brasil, se vê tanta gente rezando pelos que precisam e muito pouca gente fazendo de fato para melhorar pelos mesmos. É um alívio na consciência pensar que tudo vai melhorar sem a necessidade de fazer coisa alguma, mas nenhuma grande mudança, nem a difusão das grandes religiões, aconteceu sem a participação ativa dos homens.

    Thumb up 10
  5. A APOSTA DE PASCAL !

    Uma das formas mais usadas pelos crentes em Deus para tentar provar a existência dele ou para tentar fazerem as pessoas acreditarem no suposto deus é se utilizando da aposta de PASCAL em que ele faz as seguintes afirmações:

    * Se você acredita em Deus e nas Escrituras e estiver certo, será beneficiado com a ida ao paraíso.
    * Se você acredita em Deus e nas Escrituras e estiver errado, não terá perdido nada.
    * Se você não acredita em Deus e nas Escrituras e estiver certo, não terá perdido nada.
    * Se você não acredita em Deus e nas Escrituras e estiver errado, você irá para o fogo eterno.

    Posso provar facilmente que PASCAL ESTAVA ERRADO, para começarmos todas as religiões que acreditam na salvação eterna exige muito mais do que o simples fato de que a pessoa acredite em Deus.

    Judeus: Exigem a circuncisão

    Cristãos: Não se pode sexo antes do casamento

    Mulçumanos: Parte destes são capazes até de se suicidar e matar por causa de sua religião.

    Foram só pequenos exemplos das obrigatoriedades das religiões. Primeiramente deveríamos escolher a religião correta para se seguir levando em conta que atualmente existem nove principais: Cristianismo, Judaísmo, Hinduísmo, Islamismo, Xintoísmo, Sikhismo, Bahai, Jainismo, Mormonismo… a nossa chance de ir para o suposto e hipotético paraíso cai para 11,1%.

    Levando em consideração que dentro destas religiões existem vários seguimentos como no Cristianismo existe o catolicismo, o protestantismo, a igreja ortodoxa, a igreja anglicana a probabilidade cai para menos de 1%.

    Pascal ainda afirmou que caso Deus não exista e acreditássemos nele nada perderíamos isto é mais pura e falsa mentira, pois muitas religiões exige a automutilação como forma de se alcançar a salvação e seguimentos como As testemunhas de Jeová, exigem que você não doe sangue nem mesmo para o seu filho a beira da morte.

    Resumindo: Mesmo se Deus existisse a probabilidade de que você fosse salvo é de 0,00000(alguma coisa) e não de 50% pelo raciocínio de Pascal bastando acreditar para ser salvo e crendo em Deus e tendo uma religião você vai perder muita coisa sim, podem ser 10% do seu salário, mulheres, homens, felicidade, conhecimento, momentos de alegria e a verdadeira liberdade que nos foi concedida pela natureza.

    Autor: Paulo Silva muito cético sempre do lado do bem e da verdade.

    Fonte: http://livrespensadores.org/artigos/refutando-a-aposta-de-pascal/

    Thumb up 16
  6. Por que será que um ateu se acha mais racional do que um cristão ou religioso qualquer, mesmo que o uso frequente da racionalidade (cérebro? rs) cause cansaço, lhe proporcionando um fardo chamado moral, uma carga chamada sobrevivência, uma bagagem chamada bem-estar e outra chamada autoproteção, visando tudo, no fim, ao poder, resultando em orgulho, hipocrisia, amor fingido e etc., para, no fim, ele ir pro túmulo só com o próprio corpo e com a moral que construiu aqui, caindo no nada existencial? Será que é porque ele necessita fazer um mundo melhor AQUI, que nunca vai se tornar melhor, pensando que só há o aqui e o agora? Será que ele se acha racional porque, derivado de tudo isso, passa pelo reflexo condicionado de usar em demasia a própria racionalidade? E ainda que se ache mais racional, como isso me importaria ou importaria a religiosos, cristãos ou não, se não há mundo melhor, se isso é pura metidice (contação de vantagem), se o mal nunca acabará, se a vida do sujeito que se diz racional acabará (e o que ele conquistou se desfará ou será deixado à geração seguinte)… só sobrando algum pós-morte como opção? Na boa, não sei como algum sujeito racional consegue ver racionalidade num Universo que só dá cansaço à sua criatura acidentalmente vinda à existência e lhe concede todas essas cargas. O ateísmo não tem um sistema moral e intelectual e não tem sentido, a não ser por atribuição psicológica do sujeito que se diga ateu. Niilismo na cabeça. Desesperança. Acho que Pascal, com sua Aposta, já é uma boa razão, além de várias outras existentes, para que o ateísmo se torne falido (mais do que já é). :)

    Thumb up 8
    • R.S.

      começar com uma falácia não é o melhor jeito de se começar um texto. Você começou generalizando todos os ateus. Nem todos os ateus se acham mais racionais que os outros até porque temos que ser humildes o suficiente para reconhecer que não temos evidencias o suficiente para determinar a verdade ao contrario de quem segue algum dogma, que acha que são os fodões e já sabem de tudo de antemão sem precisar pesquisar nem testar hipótes e formular teorias só porque está escrito em um livro ultra retrógrado. E quanto ao fato de acharmos que não há nada após a morte, que é isso e acabou, se deve ao fato de que não queremos viver sob algo reconfortante que nos deixe aliviados em saber que teremos uma vida após essa se isso não for comprovadamente verdadeiro. Não queremos nos iludir!! Queremos a realidade nua e crua! não é por que somos superficiais que acreditamos nisso mas por que as evidencias científicas apontam para uma unica vida. E mais. Não é o universo que dá cansaço até porque universo não é necessariamente um ser vivo. Nós estamos aqui por consequencia da evolução! Acreditar que estamos aqui por algum propósito é puro egocentrismo humano!
      Afirmar que o sistema ateismo não tem moral foi muito infeliz. Até porque acreditamos que a moral não vem de nenhum ser imaginário e sim do próprio ser humano. Evidências disso é que grupos humanos que não tinham contato com nenhuma religião tinham suas leis e morais como ocorre até hoje em tribos indígenas na Amazonia que ainda não tiveram nenhum contato com a nossa civilização. Sendo assim, sociologos poderiam sim, criar um sistema moral muito melhor que um sistema machista, homofóbico, e vingança presentes em livros religiosos;
      Para terminar vou falar de Pascal, que ja fora refutado por muitos filósofos mas vou refutá-lo tambem: Pascal Apostou na religião por medo. pois se apostasse no ateísmo e perdesse iria ao inferno. Mas não se deve apostar em algo sem nenhuma evidencia só porque é reconfortante. Pascal não considerou houver outras religiões o que é falho. um exemplo bom seria o de uma pessoa espírita falasse pra você apostar entre acreditar em espiritos ou não acreditar e se você não acreditar algum vai puxar seu pé todas as noites. Se usassemos o argumento de pascal escolheriamos ser espíritas por medo o que é ridiculo em qualquer situação e constitui uma falácia por apelo. Ser ateu não é uma má opção, você só estará libertando sua mente.

      Thumb up 13
    • Então, evite essa prolixidade e excesso de teoria, em me responder, e melhore o mundo de forma que ele não piore.

      Thumb up 2
    • …Eu também…

      Thumb up 1
  7. Religião foi criada para que os pobres não matam os ricos. Quando Deus criou o homem disse apenas: crescer e multiplicar.

    Thumb up 2
  8. É amigos…

    É óbvio que que em apuros pedimos ajuda, seja lá para quem for! A diferença é que na hora do aperto, uns preferem (recorrem) à ciência, outros à seu “Deus” e outros ainda seus deuses.
    Esse lance de religião é puro preconceito. Precisamos respeitar o credo das pessoas. Uns confiam em seu CPF, outros em Buda, outros ainda em Maomé e etc… Isso é fato! Precisamos respeitarmos mutuamente. Prova disso é que, numa discussão como essa, o respeito não existe. Quanto à teoria da evolução, prefiro acreditar na teoria da involução, porque até agora, historicamente falando, é o que temos de mais concreto e evidente! Não encontramos mais a “PAZ” nos corações dos seres humanos, a natureza está em declínio constante e evidente, matamos por motivos fúteis, a traição na relação homem/mulher (a carne da nossa carne), é a coisa mais natural, cada vez mais a corrupção toma conta do nosso país entre outros incontáveis exemplos que temos. Outra coisa que precisamos discernir e deixar bem claro é diferença entre religião e vida com Deus. Religião é tentativa infrutífera de aproximar-se à Deus. E vida com Deus, é auto explicativa, essa é sublime e “BEM PESSOAL”! Só quem sabe é quem vive! Não entrarei nesse mérito por um motivo bem claro, não há como explicar uma experiência particular, é minha! Quanto à expressão “pirulito de pobre”, podemos dizer que pirulito é uma coisa boa porque se não o fosse ninguém iria gostar! Em todo caso, deixo para os críticos de plantão a verdade: “Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto.” Isaías.55:6. FONTE: Palavra de Deus (Bíblia).

    Thumb up 3
    • Como diria o amigo X_Mister (ou algo assim): Pura falácia sua afirmação.

      Thumb up 7
    • Até mesmo o mais ferrenho “cristão” na hora do aperto chama pela ambulância…

      Thumb up 3
  9. Ou seja, quando as pessoas realmente são testadas e provadas, se percebe a força da religião.

    Como sempre digo… o que tem produzido nos paises de primeiro mundo e os em desenvolvimento um monte de ateus e anti-cristãos… é a “comodidade”. As pessoas já tem seu consolo, logo, facilmente colocam “pra que religião?”

    Thumb up 6
    • Na verdade, como provado a décadas, “a religião é o ópio do povo”. Quando em situações ruins, o povo tende a ser muito mais religioso pois, sem força para mudar a própria situação, baseia sua felicidade no primeiro e mais confortante conto que lhe prometa felicidade após a (tão próxima) morte.
      Quando em uma situação confortável, o ser humano não sente necessidade de basear sua felicidade em algo inexistente, pois sua felicidade é real.

      Thumb up 1
  10. Enquanto o ser humano andar atrás de religião para “resolver”
    seus problemas pessoais, estará ainda mais distante de Deus.
    Entendam: não devemos buscar religião, e, sim, devemos ser buscados por Deus.
    A Viviane dos Reis disse uma grande verdade: não se deixem
    “depenar” pelos pastores.
    O único pastor se chama Jesus Cristo, o resto, é RESTO.

    Thumb up 3
  11. Eu não acredito em Deus, Mas acredito que cada um tem direito de acreditar no que quiser.
    MAS RELIGIÃO e sinonimo de Decadência, Se vocês acreditam em Deus façam isso longe de religião !

    O Inverso de Religião não e ateísmo, Sim Conhecimento.
    Respeito e o principio básico de tudo.

    Thumb up 14
    • Leonardo, voce tem razão religião nada tem a ver com Deus.
      Deus é amor , conhecimento, sabedoria, jamais acreditar cegamente. Por isso necessitamos estudar a palavra de Deus, ver o contexto, da época da maneira de viver daquele povo. religião é o garnde mal de tudo.

      Thumb up 2
  12. querendo ow nao a religiao sempre é uma alternativa, nos momentos dificieis quando não há saida é o ultimo grito do ser humano a religião.

    Thumb up 13
    • Um das afirmações mais falaciosas usadas pelos teístas é a de que “não existe ateus em avião caindo”. Este argumento hipotético é baseado na hipótese de que na hora do “aperto”, todos se convertem ao deus que a pessoa tem mais simpatia.
      É como se algum teísta te dissesse: “Eu não consigo te provar que Deus existe, mas no momento em que você não estiver raciocinando e também não estiver exercendo suas faculdades mentais, você vai perceber que eu estou certo”.

      Certo que às vezes costumamos utilizar interjeições religiosas como: “Meu Deus”, “Nossa Senhora”, mas isto, em momento algum, demonstra a crença em algum Deus.

      Recentemente, um ateu, que durante as férias, foi para uma pousada no Rio de Janeiro que sofreu um deslizamento, e em nenhum momento ele sequer lembrou-se de deuses ou coisas deste tipo, a única coisa que ele fez foi salvar a sua família mediante esforços.

      Cada dia, vemos novos argumentos (falácias) que visam tentar provar a existência de deuses e divindades.

      Agora eu pergunto: será que estes teístas do Deus Judaico-Cristão, mediante a sua casa pegando fogo, eles confiam no salmo 91 ou no corpo de bombeiros?

      Thumb up 15
  13. Quando a vida está difícil para um religioso, o jeito de buscar a solucao dos problemas e a felicidade é se apegar na fé sempre sabendo que haverá uma luz no fim do túnel.
    A fé é como um escudo contra o mal.
    E quando a vida de um nao religioso complica, ele fica que nem uma barata tonta e o primeiro pensamento de solucao que pode vir é cometer suicidio, homicidio, sempre sabendo erradamente que nao xiste vida apos a morte.
    A fé é um escudo contra a armadilha de Satanas querendo a sua alma de qualquer custo.

    Thumb up 2
    • Falácias… pra que te quero.
      Vou corrigir um pouco esse comentário:

      “Quando a vida está difícil para um religioso, o jeito de buscar a solução dos problemas e a felicidade é se apegar na fé sempre achando que haverá uma solução mágica no final do túnel.
      A fé é como uma varinha de condão contra o mal.
      E quando a vida de um não religioso complica, ele procura de todas as formas uma solução racional para sua situação, não pensando em suicídio ou assassinato, pois sabe que não existe vida após a morte e tentar fazer tanto um quanto outro é burrice.

      A fé é como uma bicicleta para um peixe.”

      Generalizando legal, mas é essa a situação em boa parte das vezes.

      Thumb up 1
  14. O que acontece é o seguinte – pelas pesquisas que tenho realizado – as sociedades “laicas” são mais felizes porque elas têm tudo o que precisam.

    O único problema é o que elas fazem para conseguir isso (tudo o que precisam). Enquanto que o “religioso” ora a Deus para resolver seus problemasm o “laico” assassina crianças e retira seus corações e devoram-no, para poder disporem do favor dos “deuses” (demônios).

    Isso porque eles não acreditam em Deus: acreditam em Satanás.

    Enquanto que Deus diz: “Bata na porta, que Eu abrirei”, a exigência do Satanás é: “Mate o flho do seu vizinho se quiser subir de gerente para diretor na sua empresa”.

    Garanto a qualquer um aqui, que é mais fácil e mais inteligente servir a Deus, do que a Satanás.

    Pois, do que adianta “Ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma”.????

    Acordem pessoal: você são obras da mão de Deus. No entanto,não se deixem “depenar” pelos pastores.

    Um abraço a todos.

    Thumb up 10
    • E o que seu comentário tem em relação a matéria? Desenhe por favor pois não achei ligação alguma.

      Thumb up 7
    • ahuahuuah ri muito com seu post, rsrs

      Thumb up 3
    • totalmente demente “””!”!!

      Thumb up 7
    • “o “laico” assassina crianças e retira seus corações e devoram-no, para poder disporem do favor dos “deuses” (demônios)”

      Ein? Se eu sou ateu e não acredito em deus porque diabos eu acreditaria em satanás? Não faz sentido nenhum.

      Thumb up 8
    • Dorgas mano. Muitas dorgas.
      huieaheuiaheiau

      Thumb up 0
  15. Isso é mais do que evidente.
    Quando a vida tá boa, sou ATEU.
    Quando o sapato aperta, AI MEU DEUS.

    Thumb up 34
    • Hehehehe, boa =D

      Thumb up 6
    • Bovidino e glauco, por acaso vcs pediriam ajuda ao deus chiva lá dos indianos em ultimos casos? não né, pq vcs acham que não passa de lenda, certo? no meu caso nem pro chiva nem pro deus de vcs, pq eu acho que todos são lendas.

      Thumb up 12
    • Não tenho religião, bixo! Não adoro deuses, pois não é isso o que eles querem.

      Chiva é um Deus muito importante, mas o seu real significado não é conhecido pela grande maioria das pessoas.

      Thumb up 2
    • importante só se for na questão cultural, poruqe no mundo real não tem lógica. vc diz que não tem religião, mas parece ter dúvidas quanto a existencia de deuses. só acho uma coisa, pedir ajuda a algum deus ou a minha ferradura da sorte o efeito é o mesmo, ou seja, nenhum!

      Thumb up 6
    • É isso mesmo, mais uma evidência de que somos frutos da evolução, pois quando “a coisa aperta”, a adrenalina rola solta no organismo e a parte racional do cérebro (Neocórtex) é “desligada” e a instintiva acionada para nos prepararmos para o famoso “lutar ou fugir”. Isso acontece pois em situações de perigo, o instinto (Se não me engano controlada pela amigdala) tem um tempo de reação muitíssimo mais rápido que a parte racional, e o que importa no momento é somente o maior dom da evolução: a sobrevivência.

      Então com a parte racional desligada, a natureza instintiva faz o ser humano fazer tudo que estiver ao alcance para sobreviver ao perigo (Como um avião caindo, por exemplo), isso inclui rezar para algum ser mágico. Mas logo o perigo passa e o neocórtex começa a retomar o controle do cérebro, tudo volta ao normal.

      Thumb up 5
    • Discordo.

      Thumb up 4
    • Porque?

      Thumb up 4
    • se comeu peixe, bacalhau, ou outro que dê sinonimo à semana santa, mesmo sendo tradiçao catolica, parabens o senhor é um cristao.

      Thumb up 0
    • ôpa, esqueci uma coisa: se voce pensa em receber presentes ou presentear alguem no natal( que celebra o nascimento de jesus cristo) parabens voce é cristao e nao está longe do reino de Deus. voce entao cre em Deus.

      Thumb up 0
    • Putz… seu comentário é tão nada a ver, mas tão nada a ver, que me doeu a cabeça só de imaginar que vc realmente acredita no que disse.

      Thumb up 0
  16. Esse pessoal tem mto medo das religiões.

    O que aconteceria se essas pessoas fossem condenadas ao fuzilamento? Será que pediriam ajuda de Deus?

    Eu não acredito em ateus. No último momento, todos viram tementes do desconhecido.

    Thumb up 17
    • Vai que funciona, é claro que dentro de um avião caindo todos pedem ajuda a “Deus”, isso não quer dizer que tu acredite no tal ser.

      É aquela velha estória do ateu no lago ness, o monstro aparece pronto pra matar o ateu e ele chama por deus, aí tudo para e deus pergunta “Ateu, nunca acreditou em mim, porque agora?” e o ateu responde “Dá um tempo né até pouco tempo eu também não acreditava no monstro do lago ness”.

      Thumb up 3
    • è verdade o ateu não acredita em Deus até que precise verdadeiramente Dele, aí, Deus aje e ele passa a acreditar, conheço muitas pessoas que passaram por esta situação.

      Thumb up 6
    • É a pura verdade.

      Thumb up 4
    • Quando um ateu se torna religioso no momento de tristeza,
      um religioso se torna ateu no momento de felicidade.

      Thumb up 1
  17. A religião é o ópio do povo… Quando a vida está difícil, o jeito de ser feliz é fazer de conta que há uma luz no fim do túnel, e tudo fica melhor, mais fácil de suportar.

    O que mostra que a esperança é uma força poderosa, e uma necessidade muito forte no ser humano. Quando não há nenhum motivo real para ter esperança, o ser humano inventa um motivo.

    Thumb up 24
    • Não é a religião que é o apoio do povo, é a Fé em Deus, pois Deus é verdadeiro!

      Thumb up 9
  18. Eu escolho a pílula vermelha, prefiro um verdade dura do que uma felicidade falsa.

    Thumb up 24
  19. Eu vejo por outro ponto de vista.

    Os religiosos estão sujeitos a mais provações do que os não religiosos.

    Thumb up 16
  20. É o resultado da ilusão, ex:
    deus proverá, deus vai resolver…
    É um conforto, mais não deixa de ser um conformismo.
    Pirulito de pobre né amigos…

    Thumb up 14
    • Você está redondondamente enganado, Willy.
      Deus não faz o que o homem tem que fazer, Deus faz somente o que não é possível ao ser humano, porém ele tem que lutar e fazer sua parte.
      Pirulito de pobre é quentinha em época de política.
      O verdadeiro Cristão luta sempre e busca sempre o que é melhor ficar no conformismo, nem Deus aprova, Deus gosta de pessoas ousadas, porém honestas.

      Thumb up 3
    • Exato! Quando não é a religião, as pessoas procuram outras formas de ilusão…Ficar horas viciado em jogos on-line, msn, orkut, ou em outros tipos de hobbys, isto quando não parte para as drogas.

      Thumb up 12
    • Claro mas nem todo hobby é própria ilusão. – corridas, esportes, livros – que promovem a saude pessoal ao contrario de certas religiões que só promovem a robalheira.

      Thumb up 3
    • Colocando todos num só barco, não há ninguem perfeito, todos estão sujeitos a falhas. Seja qual for a instituição, seja governamental, estatal ou religiosa, sempre haverá pessoas que aproveitarão da situação para tirar proveito. Há notícias de roubo em orgãos públicos, mas muitos fazem concursos públicos para trabalhar nessas empresas. Grandes empresas estatais também já estiveram na mídia com funcionários acusados de falcatruas, mas ninguém perderia a oportunidade de trabalhar em uma delas. Já quando se vê notícias de pastores desviando dinheiro de igrejas, julga-se todas por alguns e por isso muitas pessoas deixam de seguir a Deus. Seja como for, haverá pessoas más, aproveitadoras. Roubar já é errado, ainda mais se for usando a palavra de Deus, não quero nem pensar. Sou cristão e não defendo aqui nenhuma igreja ou nenhum pastor, mas defendo o nome de Deus que é desrespeitado e blasfemado por causa dessa pessoas. Que Deus abençõe a todos.

      Thumb up 2
    • como se só nacertas religiões promovem roubalheiras, at´e parece. e nossos políticos?

      Thumb up 2
    • Tudo que é em exagero é errado e torna-se vício.
      Agora, religião pode até ser vicio, quando levado para o lado da religiosidade, porém é preciso ter fé, é a fé que torna as pessoas mais confiantes e felizes, mesmo diante de circustancias adversas.

      Thumb up 2
    • Fé nada mais é do que acreditar em algo sem nenhuma evidência concreta. Ou seja, não usa-se a razão para chegar a tal mas é passada culturalmente como algo que não pode ser questionado nem testado e a “experiencia pessoal” é a unica que auxilia essa crença. Como conhecimento cientifico nao se baseia em experiencia pessoal nem em dogmas está claro que falas tanto em fé por aqueles que cresceram com voce a estimularam a acreditar piamente nisso.

      Thumb up 2

Envie um comentário

Leia o post anterior:
t1larg.bedroom.corbis
Impotência? Tente perder peso

Um homem de meia ida...

Fechar