Novo macaco é descoberto na Amazônia, já está em risco

Por , em 8.07.2009

Pesquisadores descobriram uma nova subespécie de macaco em uma região remota da Floresta Amazônica. De acordo com a Wildlife Conservation Society (WCS), o primata já havia sido descoberto pelos cientistas em 2007 no estado do Amazonas, sendo parente do sagüi-de-cara-suja, que é identificado pelas costas marcadas.

O macaquinho foi batizado com o nome de sagüi-de-cara-suja de Mura, em homenagem à tribo indígena de Mura, da região da bacia dos rios Purus e Madeira, onde a nova espécie foi encontrada.

O sagüi-de-cara-suja de Mura é da cor cinza e marrom, pesa 213 gramas, possui apenas 24 centímetros de altura, porém com uma cauda de 32 centímetros.

Segundo o comunicado divulgado pela WCS por Fabio Rohe, autor principal do estudo que confirmou a descoberta, o novo macaco representa que mesmo hoje é possível conseguir grandes achados na natureza. “Essa descoberta deveria servir como um alerta em que ainda tem muito o que aprender sobre os locais selvagens no mundo, apesar de que os homens ainda ameacem essas áreas com destruição”, completa.

Apesar disso, o macaco já está sendo ameaçado pelos projetos de desenvolvimento da região, particularmente de uma grande rodovia que atravessa o Amazonas e está sendo asfaltada. O medo dos conservacionistas seria que a estrada promovesse um desmatamento nas próximas duas décadas. [Reuters, MSNBC]

Último vídeo do nosso canal: A Terra não orbita exatamente o sol mas um ponto virtual no espao

6 comentários

  • ENAX:

    A amazônia é rica em espécies animais e suas áreas de preservação deveriam ser monitoradas para evitar desmatamentos criminosos. O restante, ou seja, áreas não APAS poderiam ser usadas pela agricultura e pecuária, porém, tem que ficar bem claro o que é uma coisa e outra para que as autoridades possam monitorar e preservar. A preservação da mata virgem é fundamental no nosso clima, pois a própria agricultura necessita da umidade gerada na amazônia para produzir alimentos. Logo, não é apenas uma questão de preservação é também uma questão de sobrevivência, pois existem verdadeiros rios vindos da amazônia na atmosfera gerando chuvas nas áreas de plantio em todo o país.

  • claudemir da silva:

    a floresta amazônica é magnifica sempre descobrindo novidade

  • CAROLINA:

    ESSE TIPO DE NOTICIA, MOSTRA COMO A NOSSA CIENCIA AINDA TEM MUITO PARA EVOLUIR, E MUITAS COISAS PARA SEREM DESCOBERTAS, E MOSTRA TAMBEM COMO O SER HUMANO SABE TAO POUCO SOBRE A VIDA EM NOSSO PLANETA, E NAO DEVE MEXER NESSE GRANDE CICLO, POIS NUNCA SE SABE QUAL FORMA DE VIDA PODEMOS PREJUDICAR NA NATUREZA. 😀

  • CAROLINA:

    ESSE TIPO DE NOTICIA, MOSTRA COMO A NOSSA CIENCIA AINDA TEM MUITO PARA EVOLUIR, E MUITAS COISAS PARA SEREM DESCOBERTAS, E MOSTRA TAMBEM COMO O SER HUMANO SABE TAO POUCO SOBRE A VIDA EM NOSSO EM NOSSO PLANETA, E NAO DEVE MEXER NESSE NASSE GRANDE CICLO, POIS NUNCA SE SABE QUAL FORMA DE VIDA PODEMOS PREJUDICAR NA NATUREZA. 😀

  • CRISTIANO:

    BOM PELA CARA DO BICHINHO EL4E DEVE SER SIMPATICO
    E O QE VC ACHA HEM?

  • Erivelton Alves Monteiro:

    essa descorberta so emgradeçe a biologia mais e mais tendo em vista as possibelidade de ajudar a floresta ao todo com a presevação desta aréa, o sagui-de-cara-suja de Mura é bastante parecido com o saguim da que de pernabuco mas será que ele e simpatico?

Deixe seu comentário!