Cientistas fazem grande descoberta sobre HIV/AIDS

Por , em 3.02.2010

Cientistas destrincharam um enigma sobre a Aids que os intriga há mais de 20 anos. Eles conseguiram desenvolver um cristal que os permite enxergar a estrutura de uma enzima chamada “integrase”, presente em vírus como o HIV e um dos alvos dos remédios para a Aids.

Os pesquisadores afirmam que ter a estrutura da integrase pode ajudá-los a entender como que o inibidor dessa enzima funciona e a desenvolver algum remédio que acabe com a resistência do HIV.

Quando alguém é infectado pelo HIV, o vírus usa a integrase para “capturar” o DNA da pessoa infectada e incorporá-lo à sua estrutura.

Alguns novos remédios para o HIV funcionam com o princípio de bloquear a integrase. Mas, antes dessa descoberta, os cientistas não tinham certeza de como a integrase se estruturava nem de como esses remédios funcionavam.

» Cura da AIDS? Transplante de medula desaparece com HIV de paciente

A única maneira de conferir como os remédios funcionavam e, possivelmente, melhorá-los, era observar a estrutura da integrase. Mas criar cristais para esse propósito não foi uma tarefa fácil. Os cientistas precisaram de mais de 40 mil tentativas até conseguir um resultado satisfatório.

Mais de 25 milhões de pessoas morreram por causas relacionadas à Aids desde que a doença foi descoberta. No entanto, não há vacina e nem cura conhecida para ela, apenas coquetéis de remédios que podem manter uma pessoa que tenha Aids saudável por mais tempo. [Reuters]

Último vídeo do nosso canal: A Terra não orbita exatamente o sol mas um ponto virtual no espao

13 comentários

  • William Moraes:

    Responsabilidade da descriminação.

    A certeza que tenho, que cada dia que se passa, mas pessoas são contaminadas pelo o vírus do HIV, porem não vejo a mídia debater sob a descriminação, em milhares de portadores o que mata não e ter o vírus, e serem descriminados, pois sabemos que um dia de uma forma ou de outra iremos morrer, pode ser com HIV ou outra doença.
    O Meio de comunicação deveria ter a responsabilidade de educar a nossa sociedade a viver sem a descriminação.

  • Josmar:

    Minha opinião coincide com a do Daniel. A industria farmaceutica não tem o menor interesse em achar uma cura pois o comércio de remédios é bem mais lucrativo. Talvez a cura já exista porém eles não querem que ela seja publicada.

  • alberto:

    porque não estudam mais sobre essa transfusão de medula, talvez a cura esteja ai é uma questão de querer e os laboratórios entrarem com fé e respeito aos pacientes,esperamos que as pessoas deixem de lado o egoísmo e pensem mais no ser humano.

  • ivo roberto madureira cesar:

    Bom no meu modo de ver muitas pessoas continuam morrendo a espera desta cura que nunca chega não sou portador do virus mas conhecia e conheço pessoas que espera a cura ate hoje mutas já morreram na esperança de se curar, bom estou na espectativa tomara que este tranplante de medula ossea funcine e traz a resposta que todos esperam anciosas “a cura”
    sei que vai demorar anos mas um dia ela chega a esperança é a ultima que morre
    ass: Ivo Roberto

  • anderson:

    o dono das celulas tem a chave da vida e da morte a chave esta com ele a cura tambem

  • Daniel:

    Num se fala em cura e sim um remedio.Esta esparrado na cara de todos que nunca foi interesse dos laboratorios criar curas,remedios dão mais lucro….

  • Marcos.. Psiquiatria:

    Não wanderson, isso é um estudo “duplo cego” que usa um “placebo”, q é a “pilula de farinha”, para comparar com a medicação de verdade. Procure no google as definições, o q não entender me pergunte, vlws

  • websurffer:

    post errado sorry, delete meu post acima, please!

  • websurffer:

    A mulher da foto está tão linda, tão inofensiva, tão vulnerável, que pena que acorda. hauehuaeuaehuae

  • wilson:

    MARCUS!
    Este método (placebo) é utilizado em todos os medicamentos antes de serem comercializados e assim se descobre também outras finalidades! O VIAGRA foi pesquisado para problemas circulatórios mas é comercializado com outros fins!Esperamos
    que em breve os cientistas descubram um medicamento que cure totalmente o HIV !

  • Wanderson:

    É incrível como se sabe tanto das entranhas de uma célula como hoje,e isso,graças aos estudos de combate a “AIDS”!

    @Marcos

    Esse experimento que vc se refere não seria o chamado “Efeito Placebo”?

  • Marcos.. Psiquiatria:

    Marcus,,, Para demonstrar a eficiência de uma medicação faz-se um experimento chamado duplo cego, dois grupos de pessoas tomam comprimidos, um grupo farinha e outro a medicação, sem saber o q estão tomando, ao final do estudo verifica-se qual dos dois grupos apresentou maior numero de casos de melhora. Simples assim. Estes testes são obrigatórios, sem eles o FDA não libera a medicação para a venda…

    Então não ha necessidade de saber como age exatamente uma medicação para demonstrar q ela funciona, alias varias medicações que usamos hoje em dia não possuem mecanismos esclarecidos,,, as vezes elas estão sendo testada para outras doenças e melhoram sintomas para outras…

    Grosseiramente explicando, converse com um farmaceutico ele ira te explicar como se aplica a estatistica (Matematica) na metodologia cientifica… E com números não se discute…

  • marcus:

    Como que os remedios funcionam sem os cientistas saberem? Enxergo aí uma grande distãncia entre a ciência e as industrias farmaceuticas.

Deixe seu comentário!