Brincar na areia duplica as chances de ficar doente

Por , em 8.02.2012

Pensou que estaria seguro na praia longe do mar e seus perigos, como águas-vivas ou poluição? Mas a areia também não é tão segura assim: ela pode deixá-lo mais propenso a ficar doente. De acordo com um novo relatório, a areia da praia pode ter níveis mais perigosos de bactérias que induzem doenças do que o oceano. Pesquisadores advertem que mesmo as pessoas que são muito cautelosas antes de encostar um único dedo no mar podem ser expostas a níveis perigosos de poluição fecal microbiana.

Não precisa ficar apavorado, mas esses castelos de areia que você fez recentemente na areia não são castelos muito saudáveis – principalmente se a praia que você visita é perto de esgotos ou estação de tratamento de resíduos. Em um estudo feito nos EUA, praias a menos de dois quilômetros desses locais tiveram água coletada com diversos indicadores de contaminação fecal, com vários tipos de bactérias prejudiciais para a saúde.

Pesquisadores americanos questionaram banhistas e descobriram que aqueles que cavaram ou foram enterrados na areia da praia apresentaram mais sintomas de doenças gastrointestinais, como diarréia, vômitos, náuseas e dor de estômago – tudo isso associado à exposição a bactérias fecais. [TreeHugger]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

9 comentários

  • Marcia Mourelli:

    Por enquanto que a população não tiver EDUCAÇÃO não adianta fazer grandes planos, não adianta coleta e por aí vai. O problema do esgoto tem de ser resolvido da seguinte forma: MULTA pro responsável. Talvez assim se de jeito.

  • Roberto:

    Não resta a menor dúvida. A praia recolhe toda poluição do mar e a dos frequentadores, que não são poucos.

  • Andhros:

    Nada como brincar de areia quando criança! Eu fazia rios e corredeiras de água no monte de areia.

    Quem deixou de brincar, perdeu bons momentos. E quem se contaminou, diarreia e vômito nunca foi novidade.

    No pior caso, com infestação de bactérias liberada, você pode chegar pra alguém e dizer: Mas que castelo de merda!!!

  • Carolina:

    Areia de praia não é e nunca vai ser limpa, pois sempre tem um porco que pra jogar lixo.

    • Jonatas:

      Realmente. Uma pena…

    • Lucio:

      Carol,
      O problema não esta nos palitos de sorvetes, latinhas de cerveja e outros descartes de banhistas. Um trabalho de coleta resolve esse problema (que pode ser evitado com boa educação).
      O problema são esgotos jogados diretamente no mar, sem nenhum tipo de tratamento.

    • Jonatas:

      Nah, também tem muita negligência de gente e até empresa largando lixos orgânicos e por vezes tóxicos em areias beira-mar e não só no mar. Essa poluição propicia a proliferação de micro organismos que também vivem na areia e são prejudiciais a nós e ao equilíbrio ambiental.

    • pedro brito:

      eu acho que ha sida na areia

    • Carolina:

      O trabalho de coleta resolve um pouco sim, mas quem faz isso? Nunca vi ninguém recolhendo lixo da praia, pelo contrário, jogam cada vez mais.

      Então seriam DOIS problemas: os esgotos e as próprias pessoas que frequentam a praia.

Deixe seu comentário!