Chernobyl vira ponto turístico

Por , em 14.12.2010

Um dos piores acidentes nucleares da história, Chernobyl, aconteceu há 25 anos atrás, na Ucrânia e contaminou um raio de 48 km. Agora a área será aberta para visitação.

Obviamente, partes mais afetadas ainda não serão abertas aos turistas, porque elas ainda são muito radioativas. Será feito um teste para analisar as áreas mais seguras para que seja traçado um caminho para as pessoas andarem “tranquilamente”.

Atualmente 2500 empregados freqüentam Chernobyl para manter a segurança do lugar e fazer testes. Muitas pessoas, obviamente, já conseguiram entrar de penetra por lá, seja por curiosidade ou para visitar sua velha casa.

Agora, se um tour por uma cidade com potencial de causar mutações em seus visitantes irá fazer sucesso é outra história. [Gizmodo]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)

20 comentários

  • Gabriel Costa:

    Eu até tenho vontade de ir lá, só não vou pelos seguintes motivos:
    1 – Falta de grana
    2 – Eu não falo russo
    3 – Nunca se sabe ao certo o que pode acontecer com uma cidade infestada de radiação!
    Eu acho que as pessoas tinham que ter cuidado ao visitar um lugar com níveis altos de radiação!
    Só que daria um bom passeio! Se eu tivesse grana e alguém que falasse o idioma de lá, eu iria, se acontecesse alguma coisa depois, ai eu n sei!

  • Carlos Machado:

    Pesquisei e o tour pala cidade de pripyat esta saindo por 120 euros, o tour é de 1hora e 55minutos com guia, só nao pode entrar na usina de chernobyl(:\)

  • Carlos Machado:

    Concordo com a “ni / 14.12.2010”

    Depois de visitar o japão o meu proximo destino será a Russia e com certeza Pripyat!

  • Daniel:

    Why don’t we look for Strelok?
    Seria uma boa fazer uma tour por lá principalmente para presidentes mais autoritários e quem sabe sejam largados por lá pra sobreviver sem ajuda por umas duas semanas desconhecendo que estão sendo monitorados

  • Lucaz:

    temos q provocar mais acidentes nucleares, sao lugares bem interessantes para virar ponto turistico

  • Marcel:

    Carlos,
    Na boa…ainda assim prefiro não me arriscar. Prefiro ficar na praia do que correr o risco de virar uma versão ucraniana de figurante do The Walking Dead…

  • clarice:

    jamais iria visitar um lugar tão deprimente, com ou sem contaminação.

  • big bang:

    So uma duvida, essa imagem não e do Call of Duty?

  • Cesar:

    Existem lugares onde, se você sair do traçado, vai receber uma dose 1.000 vezes maior que a dose máxima admissível, e provavelmente vai adquirir um câncer em pouco tempo por causa disso.

    Eu, por outro lado, não vejo como pode ser atraente um lugar onde crianças caíram mortas como moscas, por causa do envenenamento radioativo. Lugar deprimente e perigosíssimo.

  • Callao:

    O carro do Google Maps poderia passar por la. Assim ficaria mais facil conhecer o local..

  • lliwill:

    caramba eu sempre quis conhecer chernobyl… nem sabia q nao podia i entrando la.. hauehauehaeeauhae pega nada agora q eu vo mesmo pra la da um role.. é muito foda as fotos de tudo abandonado la

  • PredadorXD:

    @Prego Mestre não tem como, você precisaria de radiação gama e não beta(radiação existente em Chernobyl).

  • big bang:

    Deve ser fascinante! Uma cidade moderna morta como num filme de ficção. Carros, casas, tudo parou a 25 anos. Da uma sensação de medo, uma amostra do veneno radioativo q pode um dia tomar conta do planeta. Bem sinistro e apocalíptico! Eu iria visitar sim, mas com interesse histórico.

  • Carlos:

    Marcel, a radiação que ainda esta em chernobyl ela só é perigosa se ficarmos durante meses/anos lá, e como isto é apenas 1 passeio que nao deve durar mais de 1 dia, creio que nao terá problema algum. Alias depois dessa matéria, tenho mais um belo lugar para visitar em meu futuro!

  • Pri Nascimento:

    eu prefiro a beleza das praias brasileira!

  • Marcel:

    Devia ter a promoção para o otário que vai para lá “Vá a Chernobyl e venda seus futuros filhos como aberrações para o circo”…só doido para ir naquela zica pós-guerra-fria…

  • Prego Mestre:

    será que dá pra ficar verde e forte indo morar lá?

  • ni:

    Eu tenho um verdadeiro fascínio por Припять(Pripyat) e por toda a historia de Чорнобиль(Chernobyl). Passo parte dos meus dias pesquisando sempre mais e mais sobre! Seria um sonho pra mim ir até lá.

  • jeamaral:

    Será que o MST não se interessaria em invadir por lá aquelas terras improdutivas???

  • Rafael Rodrigues:

    Eu acho que as pessoas tem que ter a possibilidade de ver isso sim, nem que não seja “ao vivo” (que seja de forma virtual, por exemplo). Acho que é importante que as pessoas tenham noção dos perigos da energia nuclear e do que os seres humanos são capazes de provocar. Se as próximas gerações conhecerem nossos erros passados, elas terão menor probabilidade de voltar a acontecer no futuro (pelo menos é o que eu acredito).

Deixe seu comentário!