Aves de Chernobyl possuem cérebros menores

Cérebro de passarinho? Algumas aves que vivem próximas à área do acidente de Chernobyl possuem um cérebro 5% menor do que o normal, efeito diretamente ligado à radiação remanescente.

A descoberta foi feita através de um estudo de 550 pássaros de 48 espécies diferentes. A pesquisa também revelou que os filhotes possuem cérebros menores do que as aves mais velhas. E, como você sabe, o tamanho reduzido do cérebro também está ligado a uma capacidade cognitiva menor.

Em abril de 1986, um reator nuclear da Usina de Chernobyl explodiu. Depois do acidente, resquícios radioativos foram encontrados por toda a região e a área foi isolada. Desde então, cientistas tentam mensurar o impacto ecológico causado por lá.

No ano passado, um verdadeiro censo da vida selvagem foi conduzido em Chernobyl – ele revelou que o número de mamíferos da região está em queda, assim como a diversidade de insetos.

Eles também descobriram que o tamanho dos cérebros dos pássaros estava diminuindo e, como o efeito era ainda mais pronunciado nos filhotes com menos de um ano, acredita-se que muitos embriões não sobrevivem, por causa de defeitos no desenvolvimento de seus cérebros.

Ainda não se sabe qual é o mecanismo pelo qual os cérebros dos pássaros estão encolhendo, mas acredita-se que a radiação diminua o número de antioxidantes no organismo dos animais, o que pode levar à redução de massa cinzenta. [BBC]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Curta no Facebook:

8 respostas para “Aves de Chernobyl possuem cérebros menores”

  1. Segundo essa matéria:

    “E, como você sabe, o tamanho reduzido do cérebro também está ligado a uma capacidade cognitiva menor”

    Mas nessa matéria diz o seguinte:

    https://hypescience.com/nossos-cerebros-estariam-encolhendo/

    “Mas não se desespere. Ter o cérebro menor não quer dizer que nós estamos ficando mais burros. Na verdade, pode significar justamente o oposto.”

    E nessa também:

    https://hypescience.com/10-fatos-surpreendentes-sobre-o-cerebro-humano/

    “vale destacar que, embora seja relativamente menor (o cérebro das mulheres), o cérebro feminino possui mais células nervosas do que o masculino.”

    e essa tbm diz o contrário:

    https://hypescience.com/10-comparacoes-entre-humanos-e-nossos-parentes-vivos-mais-proximos/

    “O cérebro de um chimpanzé tem volume de 370 mililitros, na média. Em contraste, os humanos têm 1350 mililitros. Mesmo assim, o tamanho do cérebro não é um indicativo absoluto de inteligência. Houve ganhadores do Nobel com cérebros menores do que 900 ml, até 2000 ml.”

    Alguém poderia me explicar essa analogia?

  2. Interessante é que a pesquisa menciona o fato do acidente está ligado ao problema com os pássaros, mas nem chega a supor se estaria tendo o mesmo efeito nos humanos (que provavelmente está).
    Oras se diminui a capacidade cognitiva dos pássaros que vivem por lá, imagina os humanos! Deve estar afetando o ecossistema como um todo.

  3. Engraçado acabei de ler outra noticia que diz respeito ao cérebro humano que ficou menor, quando comparados com os antepassados Neandertal, e que isso indica capacidade cognitiva maior. Se for assim, esta ave não deveria ter ficado com maior capacidade cognitiva? Para mim parece que a história mostra o contrário, que quem tem cérebro maior tem capacidade cognitiva maior. Analisar eventos do passado nos da uma pista então, quando surgiram as usinas nucleares? Após o cérebro do ser humano diminuir.

  4. Pessoas q nascem em chernobyl tem chances maiores de verem BBB…

    Brincadeiras a parte… acho q isso pode ser bem perigoso, pois as aves podem migrar pra outras partes do planeta pra procriarem…. aumentando a população de aves com defeitos genéticos ocasionados pela radiação…..

Deixe uma resposta