Cientistas desenvolvem tratamento potencial para cabelos brancos e vitiligo

Por , em 9.05.2013

Cientistas europeus afirmam ter descoberto a causa e o tratamento para o cabelo branco, o que pode ajudar pessoas com vitiligo, uma doença que causa perda de pigmentos em partes da pele.

Já se sabia que o cabelo ficava branco por causa do acúmulo natural de peróxido de hidrogênio nos folículos capilares, causando estresse oxidativo e branqueamento.

Em jovens, uma enzima chamada catalase quebra o peróxido em água e oxigênio, mas quando os níveis desta enzima caem, junto com baixos níveis das enzimas chamadas MSR A e B, que consertam os danos causados pelo peróxido de hidrogênio, fazem com que os cabelos fiquem brancos em pessoas idosas.

Os pesquisadores chegaram aos resultados analisando 2.411 pessoas com vitiligo. Examinando dois tipos diferentes de vitiligo, eles descobriram que ambos eram resultado de estresse oxidativo.

Ao aplicar um tratamento com uma substância chamada PC-KUS, uma pseudo-catalase ativada por radiação ultravioleta, eles conseguiram tratar a pele e cílios de pessoas com vitiligo.

O resultado da pesquisa foi publicado no periódico de biologia experimental FASEB Journal, uma boa notícia para quem tem cabelos brancos ou vitiligo, condições que são tecnicamente problemas cosméticos, mas com efeitos sócio emocionais sérios, principalmente no caso do vitiligo. [LiveScience]

Último vídeo do nosso canal: A Terra não orbita exatamente o sol mas um ponto virtual no espao

1 comentário

  • Paulo Rosas Moreira:

    O tempo vai passando e o homem vai desvendando os mistérios que envolvem a natureza.

Deixe seu comentário!