Consumidores ainda não conhecem carros híbridos

Por , em 13.04.2011

O primeiro veículo híbrido – o Prius da Toyota (foto) – chegou as estradas do Japão em 1997 e foi para os EUA e outros países no início da década de 2000. No entanto, segundo uma nova pesquisa, muitos consumidores ainda não sabem nada sobre esses carros.

Pesquisadores entrevistaram 1.898 consumidores que estavam interessados em comprar um carro novo. Segundo eles, o conhecimento sobre os híbridos é tão baixo que pode representar um bloqueio para as vendas desse tipo de carro.

A pesquisa revelou que poucos consumidores sabiam que os híbridos tinham baterias internas, e apenas 2/3 dos entrevistados sabiam que os híbridos tinham baterias e motores a gasolina. Muitos dos compradores acreditavam que era necessário carregar todos os híbridos na tomada.

A pesquisa também notou que apenas 50% dos entrevistados sabiam que um híbrido que pode ser carregado na tomada pode ser executado exclusivamente na eletricidade, e muitos não tinham ideia de que eles rodavam a gasolina também.

Segundo os pesquisadores, a curto prazo, os concessionários terão de gastar muito tempo explicando o funcionamento dos híbridos e a bateria de carros elétricos para compradores interessados. Eles sugerem que educar os compradores é uma tarefa da indústria automotiva, do governo e dos negociantes de automóveis.

Por exemplo, os consumidores podem ficar desiludidos quando descobrirem as necessidades reais dos veículos elétricos. Será que um comprador que vai à uma loja para comprar um “Volt”, da Chevrolet, ou um “Leaf” da Nissan, ainda vai comprar o veículo se souber que precisa de plugues e tomadas 220 volts? E, se desanimar com a opção elétrica, eles ainda comprar um carro dessas marcas? [DailyTech]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

4 comentários

  • Elton:

    Olá, aqui é brasil, tem alguém aqui?

  • alessandro antonio:

    Na verdade o que me desanima no hibrido e o preço, sou louco para obter um, mas 110 mil poxa ai não ne, o dia que ele chegar a 40 mil abaixo eu compro um para mim. caso contrario colaboro como posso com motor 1.0 flex. 🙂

  • juliana:

    olha, conhecer se conhece… mas não é lá muito acessível, né? Sou toda a favor de sustentabilidade, mas um carro flex é mais economico e bem de preço beeem mais acessivel a qualquer um.

  • Mike:

    HÍBRIDO: elétrico + outro combustível.
    ELÉTRICO: recarrega na tomada.

    corrija o texto.

Deixe seu comentário!