Depois de breve abertura as escolas na Coreia do Sul fecham novamente

Por , em 2.06.2020

Escolas da Coreia do Sul reabriram na última quarta-feira e voltaram a fechar na sexta, após aumento de número de casos de Covid-19. No início de maio começou o relaxamento de medidas no país e no dia 20 foi autorizada a reabertura de algumas escolas. Em segunda fase, classes selecionadas voltaram à escola na semana passada.

De acordo com o Ministério da Educação do país, 838 escolas, que deveriam retomar as atividades no mesmo dia, permaneceram fechadas. Algumas instituições de ensino fecharam após poucos dias de reabertura e os estudantes passaram para o ensino remoto.

Um dia depois da reabertura das escolas forma registrados 79 novos casos da doença. Este foi o maior registro diário em dois meses.

A maior parte dos casos foram ligados a um centro de distribuição fora de Seul, na cidade de Bucheon, operado por uma das maiores empresas de e-commerce do país. Oficiais da saúde disseram que a instalação não seguia com rigor as medidas de controle de infecção.

A orientação do Centro de Controle e Prevenção de Doenças da Coreia do Sul foi para que os trabalhadores do centro de distribuição fizessem quarentena de forma voluntária e fossem testados para o novo coronavírus. Professores e estudantes que moram com algum desses funcionários também deveriam ficar em casa.

Outras medidas

Parques, galerias de arte, museus e teatros dirigidos pelo governo foram fechados na área metropolitana de Seul pelas próximas duas semanas. Também serão cancelados ou adiados eventos organizados pelo governo. Autoridades ainda recomendaram o fechamento de academias e cafés até 14 de junho, além de encorajar trabalho mais flexível.

O ministro da Saúde, Park Neung-hoo, também pediu para que as pessoas que moram na região metropolitana de Seul evitem sair e realizar eventos na próxima quinzena.

Exemplo de controle

A Coreia do Sul foi considerada modelo de contenção da disseminação do novo vírus sem adoção de lockdown. Para isso, no país foram realizados testes de forma rigorosa, programa de quarentena e rastreamento de contato.

Apesar dessas medidas, a Coreia do Sul tem tido dificuldade em prevenir novos surtos da Covid-19, o que dá indícios do que outros países podem enfrentar conforme relaxam as medidas de restrição. [CNN, BBC, The Korea Times]

Último vídeo do nosso canal: A Terra não orbita exatamente o sol mas um ponto virtual no espao

Deixe seu comentário!