Fóssil animal de 500 milhões de anos atrás mostra sistema de alimentação bizarro

Por , em 26.01.2012

Pesquisadores descobriram recentemente uma estranha criatura em forma de tulipa eternizada em fósseis de 500 milhões de
anos.

O animal se alimentava atrás de um “filtro”, tinha um corpo em forma de tulipa e uma haste que o “ancorava” no fundo do mar.

Os fósseis que continham esses animais foram descobertos em uma camada rochosa nas Montanhas Rochosas canadenses.

Chamado de Siphusauctum gregarium, a criatura tinha o comprimento de 20 centímetros e uma estrutura bulbosa que continha seu sistema de alimentação e intestino.

Segundo os cientistas, esse animal tinha um sistema de alimentação como nenhum outro animal conhecido. “O mais interessante
é que este sistema de alimentação parece ser único entre os animais”, disse a pesquisadora Lorna O’Brien. “Os avanços recentes têm ligado muitos animais bizarros a membros de grupos primitivos de animais encontrados hoje, mas Siphusauctum desafia esta tendência. Não sabemos onde ele se encaixa em relação a outros organismos”, explica.

Siphusauctum vivia em aglomerados no fundo do mar, com algumas placas de fósseis contendo restos mortais de mais de 65 indivíduos.

Os pesquisadores descobriram mais de 1.100 espécimes individuais, dando a área o apelido de “canteiros de tulipas”.[LiveScience]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4 votos, média: 5,00 de 5)

44 comentários

  • Profº Jeferson:

    As materias do site são muito legais. Continue publicando, aposto que muita gente gosta. Quanto a sessão de comentários quem sabe um dia esta discussão inútil entre criação vs. evolução acabe perdendo a graça.

    • Gilberto M.:

      Acho que isso de perder a graça já está acontecendo. Noto uma queda de hostilidade mútua entre os dois grupos (os que acreditam e os que não acreditam em Deus). Se simplesmente os comentários sobre a existência ou inexistência dEle fossem ignorados por todos, não haveria essa agitação toda. Mas basta aparecer uma leve menção sobre isso, pronto, ambos os grupos se preparam pra batalha. Nesse aspecto fico um pouco decepcionado com os ateus, pois dar atenção a esses comentários só alimentam a inútil discussão e atrapalham nosso site. Quanto aos religiosos brigões, bem eles se vêem como dignatários de uma grande missão divina que envolve converter ateus em deistas. Bastava ignorá-los que logo se cansariam de pregar o evangelho no lugar errado. Não tente explicar a Teoria da evolução a quem não acredita nela, pois a fé sempre falará mais alto para estes.

  • Marcos Felipe:

    A Hype critica criacionistas como os religiosos criticam os Ateus. Deixem as pessoas comentarem sobre o que quiserem, e as pessoas discutirem o que elas quiserem. Perdeu um leitor! “Posso não concordar com nenhuma das palavras que você disser, mas defenderei até a morte o direito de você dizê-las”.

    • ediwanuerj .:

      é verdade, o mais importante atributo de um material de divulgação científica é a isenção. Os artigos não podem vir acompanhados da opinião dos autores, ou se acabará correndo o risco de o material se tornar um divulgador de dogmas e um fomentador da fé.

  • Rômulo:

    O mais legal (e indiscutível) é que este fóssil marinho(assim como muitos outros) foi encontrado no alto das montanhas.

    Mais evidências das mudanças catastróficas do relevo terrestre: um leito oceânico que se elevou ou ondas gigantescas que arremessaram sedimento oceânico sobre as Rochosas?

  • Andrégis Cezarotto:

    ”500 milhões de anos, balela, alguém esteve lá pra saber?
    Evolução, evolução, evolução, tem gente que acredita.
    Teoria sem pé nem cabeça”
    ”Somente Deus tem o poder da inteligência criativa do universo”

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Sabias palavras de INRI CRISTO.

    • Valter José:

      Cara, respeito a opinião e ponto de visto de todos… mas dizer…SABIAS PALAVRAS DE INRI CRISTO?????? vc é xaropeta mesmo hein….!!!!!!!!!

    • everaldo:

      concordo,INRI CRISTO é avacalhar

  • Emerson Brito:

    Ainda bem que encontraram um fóssil de 500 milhões de anos ATRÁS.

    Já pensou se fosse de 500 milhões de anos a frente ???

  • alx:

    Rapaz, essa imagem me lembrou aqueles desenhos psicotecnicos kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Maia:

    O assunto é um espécime que contraria as ultimas descobertas fósseis de agrupamentos e evoluções.

    Mas a seção de comentários partiu pra velha e chata discussão Deus existe ou não . Evolução X Criacionismo. Agora me diga quem é o culpado?

    O que um religioso fanático, um anticiência e conhecimento, evoluçãop do saber e busca da verdade faz num site como esse?

    Me poupe. Quem acredita em dogmas religiosos não deve entrar nesse site. Vai comentar no site do vaticano, santa ignorancia.copm, sei lá.

    Fica atrapalhando discussão pessoas (boa parte) inteligentes.

    Gosta de contrariar? Põe uma camisa de um time e vai na torcida organizada de outro. Não faça isso em sites, coisa de covarde que se esconde atras de uma tela.

    Mil perdões pelo meu tom, gente.
    Eu acredito na ciência e acredito em Deus. Mas o tema aqui não é deus, ou o criacionismo. É a evolução e a criatura “tuliposa”.
    😀

    A Favor de um botão negativar comentário, como citado pelos outros!

  • Jack:

    Como faz falta o botão de negativar [3]

    Conversar com certas pessoas é como jogar xadrez com pombos: eles derrubam todas as peças, defecam no tabuleiro e ainda saem cantando vitória…

  • Doug:

    500 milhões de anos, balela, alguém esteve lá pra saber?
    Evolução, evolução, evolução, tem gente que acredita.
    Teoria sem pé nem cabeça.
    Somente Deus tem o poder da inteligência criativa do universo.

    • Vixi!:

      Como faz falta o botão de negativar

    • Capitão Caverna:

      Doug, muita gte estudou sobre o assunto e eles sabem todas essas informações observando os fósseis. Não faz mal vc apoiar a teoria da evolução, procure sobre o assunto e veja qe não é uma teoria sem pé nem cabeça. Vc pode muito bem crer em uma teoria e crer em um Deus. Eu creio na ciência e em Deus.

    • Sempre Livre:

      Registro fóssil:
      Tatu gigante: http://www.d24am.com/amazonia/ciencia/fossil-de-tatu-gigante-e-descoberto-em-caverna-no-tocantins/49022
      Cobra gigante: http://eptv.globo.com/emissoras/emissoras_interna.aspx?245130
      Preguiça gigante: http://201.76.44.25/video/2011/10/17/fossil-de-preguica-gigante-e-apresentada-oficialmente-em-periopolis-durante-a-semana-de-tecnologia
      elefante gigante: http://www.bbc.co.uk/portuguese/multimedia/2009/06/090619_fossilelefante_video.shtml
      Canguru gigante: http://noticias.terra.com.br/ciencia/interna/0,,OI1067640-EI319,00.html
      Tubarão gigante: http://www.tvi24.iol.pt/ambiente/tvi24-fossil-tubarao-descoberta-cientistas-gigante/1142661-4070.html

      Comparando o registro fósil com esses dados: http://g1.globo.com/Noticias/Ciencia/0,,MUL18644-5603,00-GENE+FAZ+CAO+SER+PEQUENO+DIZ+ESTUDO.html
      parece muito mais é que nesse tempo, só ocorreu com esses animais citados uma “involução”. Mas como falar em involução causaria uma grande dor devido à torção no braço de quem afirma isso, então se diz simplesmente: essas espécies estão extintas.

    • Neto:

      HAHAHAHAHHAHAHAH

      Alguem viu e comprovou seu deus para saber?

    • Ana:

      Você comprovou que Ele não existe?

    • Rodrigo:

      Como faz falta o botão de negativar [2]

    • Marcus:

      aos que me contrariam, só falta vcs quererem teimar q tudo veio de uma explosão e se formou certinho. Cientistas. aff..
      um carro precisa de um engenheiro certo? nós também.
      Me positivem os que agrado.

    • João:

      Sugiro mais leitura meu amigo. Se você acha que as coisas ficam organizadas aleatoriamente você não entendeu nada.

      Existe o princípio da Emergência, onde sistemas simplistas em conjunto emergem em um sistema mais complexo. Quer um exemplo? Nosso Sol é basicamente Hidrogênio, ainda assim, em grande quantidade o hidrogênio é capaz de iniciar uma reação termonuclear duradoura, sem a qual, não estaríamos aqui. E tudo isto a partir da mais simples das moléculas.

    • Cesar:

      Só criacionistas afirmam uma besteira destas, que tudo surgiu certinho de uma explosão. Pode procurar em qualquer livro de ciências, nenhum deles afirma esta besteira.

      Por que é uma besteira. O Big Bang não “formou tudo certinho” e também não foi “uma explosão”. A evolução também não é “o acaso”, e também não “formou tudo certinho”, por que existem muitas idiossincrasias nos seres vivos, são coisas que mostram que não somos “perfeitos”, não somos “planejados”, mas somos um amontoado de “remendos” que funcionam e que foram se acumulando com o tempo. Olha o nervo laríngeo recorrente da girafa, ele é tão comprido (tem 4 metros quando bastariam 20 centímetros) que a girafa não consegue emitir sons com a laringe dela. A molécula da hemoglobina faz muito bem o serviço dela, mas ela não precisava ser tão grande, e tem ainda o defeito de ter mais afinidade com o monóxido de carbono que com o oxigênio, o que já matou um monte de gente. A posição da coluna vertebral em um animal bípede como o homem é um defeito sério, causa tensões extras na região lombar, o que leva a hérnias de disco e dores nas costas.

      Existem bilhões de evidências que não existe projeto na natureza, que tudo foi modificado ao acaso e se tornou comum por que favoreceu o seu portador na luta pela vida e pela oportunidade de reprodução.

      Mas para ver estas evidências é preciso ter os olhos limpos, sem preconceitos e sem medo da verdade.

    • João:

      Cesar, perfeito.

    • Marcelo Ribeiro:

      Esqueceu dos olhos que fazem microvibrações de um lado para o outro para corrigir o fato de que há veias que atrapalham a visão.

    • Marcus:

      Grande César. Então vc é cheio de remendos?
      Sugiro que deveria se chamar César, o Espantalho.
      E não nos chame mais de besta.
      Perdoa-o senhor pois não sabe o que diz este pobre de espírito.

    • João:

      “500 milhões de anos, balela, alguém esteve lá pra saber?”
      “Somente Deus tem o poder da inteligência criativa do universo.”

      Usando teu próprio argumento, alguém viu Deus fazer alguma coisa? Ou pelo menos viu ele?

      Cara, se tu não curte ciência, procura um site teológico.

    • Ana:

      Eu VI Deus fazer muita coisa na minha vida. Eu sinto pena das pessoas que infelizmente não conseguem vê-Lo em sua vidas.

    • Luciano:

      Caro Doug, é possível determinar a idade de fósseis através do carbono 14.

    • Aléxia:

      Cada um no seu quadrado? Em site teológico também está cheio de ateus incansáveis pregando o ceticismo. Espaços assim propiciam a discussão e a diversidade de opinião; artigos podem ser criticados ou elogiados, tomados como verdade ou desacreditados.

    • Capitão Caverna:

      Não precisa ser ateu para acreditar na ciência.

    • Cesar:

      Acho que 500 milhões de anos está além da capacidade de datação do Carbono-14 (o C-14 serve para amostras com no máximo 50 a 60 mil anos). A técnica utilizada é a datação radiométrica, ainda, mas alguns truques tem que ser utilizados. Por exemplo, dá para fazer a datação de camadas de lava. Se um terreno sedimentar está acima de uma camada de lava, então provavelmente a camada de lava é mais antiga. Da mesma forma, se uma camada de lava está sobre um terreno sedimentar, a lava é mais recente. Se você encontrar o mesmo terreno aqui sobre uma camada de lava de mais de 500 milhões de anos, e ali uma camada de lava sobre o terreno sedimentar com menos de 500 milhões de anos de idade, podemos afirmar que aquela camada sedimentar tem aproximadamente 500 milhões de anos de idade, com os sedimentos mais antigos mais próximos da camada de lava mais antiga (se não houve uma inversão geológica). Quando você consegue datar uma camada geológica, não precisa fazer isto novamente quando encontrar a mesma camada, basta demonstrar que é a mesma camada.

      O capítulo 4, “Relógios”, do livro “O Maior Espetáculo da Terra”, de Richard Dawkins, explica de forma extremamente didática o que é datação radiométrica, quais os elementos que estão à disposição da ciência para fazer datação, e como são feitas as datações.

    • Luciano:

      Pode se utilizar ainda o isótopo urânio-235 (235U), cuja meia-vida é de 700 milhões de anos ou o potássio-40 que tem meia vida de 1,3 bilhões de anos.

    • deio:

      a tá, e vc quer que eu acredite?
      vcs fingem que comprovam e eu finjo que acredito.
      precisamos de perseverança não de carbono.

    • João:

      Discordo, tem gente aqui precisando ESTUDO.

    • LorD FeniX (Marthins):

      Como faz falta o botão de negativar [3]

    • Hypescience:

      procure você e todos os que acreditarem ainda nisso por provas que contrarie a nossa teoria.

      eu acredito que alguém pode ter criado o nosso universo, mas que criou toda estas organizações de matéria, NÃO.

      se alguém criou o universo deixou andar e ir evoluindo.

    • gabriel:

      mano, acretido em DEUS tb, mas pense em uma coisa, DEUS fez os seres vivos, a mutaçao, para que pudessem sobreviver

      o fato de existirem pessoas brancas e negras, ja é uma evoluçao, teoria sem pe nem cabeça uma ova, a unica coisa burra e eles dizerem que agente evoluiu dos macacos.

    • João:

      De fato, evoluímos a partir de símios do velho mundo, macacos possuem cauda, símios não. Assim fica fácil comprovar que quem não acredita em evolução simplesmente não entende nada sobre o assunto.

    • Cesar Crash:

      João, ao que me consta, livros antigos dividiam os primatas em duas ordens, a dos símios e a dos pro-símios (agora deve ser prossímios). A dos prossímios era dos lêmures, társios, ai-ais, esses bichinhos assim, os símios eram todos os macacos, chimpanzés, orangotangos e nós também. Talvez eu esteja equivocado em algum indivíduo no meio dos prossímios, mas é praticamente isso aí.
      De qualquer forma, quando se trata de nome popular, não o científico, isso pode variar na abrangência que se dá ao termo, não é nada condenável chamar chimpanzés de macacos. É como no inglês, quando se fala em “bug”. Bug podem ser insetos, mas podem incluir um grupo mais abrangente de artrópodes: aracnídeos, quilópodes, diplópodes, crustáceos…
      Mas os “true bugs” são na verdade apenas os hemípteros da subordem heteroptera.
      Vejo que os dicionários consideram símio e macaco como sinônimos, fazendo disso muito mais uma questão linguistica.
      http://www.dicio.com.br/simio/
      http://michaelis.uol.com.br/moderno/portugues/index.php?lingua=portugues-portugues&palavra=s%EDmio
      http://www.dicionarioweb.com.br/s%C3%ADmio.html
      Dizer que quem não acredita no evolucionismo simplesmente não entende nada do assunto baseado nisso, acaba eliminando também a grande maioria dos que acreditam por aqui.

    • Cesar Crash:

      Digo, dividiam a ordem dos primatas em duas subordens.

    • Brenner:

      Ó pai, ele não sabe o que fala! rsrsrs

    • Elias Sá:

      Ciência meu velho! Já viu falar em ciência?
      Gostaria de saber se você tivesse tendo um enfarte, se ficaria esperando por Deus ou se correria para os braços da ciência

    • everaldo:

      esse botão de negativar faz uma falta

    • junior:

      Jesus! Acabam encontrando um ser vivo com 500 e la vai cacetada de idade com um sistema digestivo único no planeta e vocês vem falar se acreditam nisso ou não?

      Sinceramente, Isso não é um site teológico pra se discutir crenças E MUITO MENOS UMA COMUNIDADE DE ASPIRANTES PARA INTELECTUAIS pra sair falando de coisas que leem em sabe lá diabos onde e se acham os donos da verdade.

      Ninguém tem provas concretas de que Deus existe, e todos os cientistas da terra podem trabalhar por mil anos que nunca vão chegar perto da certeza de que algo funciona daquele jeito.
      Mas existe sim algo que é perceptível a todos, Humildade está em extinção.

      aproposito, podem até tirar o botão positivo também, mas coloquem um botão “Não concordo, mas pelo menos respeito a sua opinião!” esta fazendo falta.

Deixe seu comentário!