7 mistérios da física no seu cotidiano

Por , em 16.10.2011

Em uma era na qual os cientistas manipulam o DNA e mandam naves a planetas vizinhos, nem sempre é fácil lembrar que alguns fenômenos físicos do cotidiano, como o gelo ou a espuma de barbear, ainda guardam alguns mistérios. Confira uma lista com sete dessas pequenas ocorrências casuais que seguem intrigando pesquisadores pelo mundo.

Mistérios da física do cotidiano

7 – “Efeito Castanha-do-pará”
mistérios da física cotidiano

Comece a reparar nisso a partir de agora: em uma tigela de aperitivos, onde se misturam pequenos amendoins e grandes castanhas-do-pará, a tendência é que as castanhas fiquem por cima e os amendoins no fundo da tigela.

Um vendedor de castanhas não saberia explicar o motivo, mas não é apenas ele: tal tendência intriga cientistas de várias áreas. Físicos, geólogos e astrônomos, entre outros profissionais, poderiam se beneficiar imensamente se o homem descobrisse exatamente porque os sedimentos grandes (como a castanha) tendem a se sobrepor aos pequenos (caso do amendoim) quando estão inseridos em um mesmo ambiente vertical.

Para explicar o “efeito castanha-do-pará”, existem apenas teorias. A mais simples afirma que os sedimentos pequenos tendem a se infiltrar nos vãos deixados pelos objetos grandes e descem gradualmente, sempre que há um movimento no conjunto. Outras afirmam que isso é ligado ao fenômeno físico das correntes de convecção, que tendem a depositar partículas menores no fundo. A certeza, no entanto, não existe.

Uma curiosidade: apesar da maior parte dos brasileiros a tratar por castanha-do-pará, os americanos a chamam de “Brazil Nut” (castanha do Brasil). Mal sabem eles, na verdade, que o Pará nem chega a ser o maior produtor da castanha no Brasil, esse título pertence ao Acre (cujos habitantes preferem chamar a iguaria de “castanha-do-acre”). Além disso, o próprio nome “Brazil Nut” não faz justiça, já que o principal produtor mundial é a Bolívia. Lá, a chamam de “almendra”.

6 – Espuma
mistérios da física cotidiano

Como você define a espuma? É sólida, líquida ou gasosa? O que é a espuma, afinal? Nós a encontramos diariamente em uma variedade de situações, desde shampoo e creme de barbear até o colarinho da cerveja ou a cobertura de uma torta de limão.

De acordo com um cientista da Universidade da Califórnia (EUA), a espuma é composta de 5% de líquido e 95% de gás. Se você achou esse número estranho porque frequentemente a espuma parece ser mais sólida do que isso, não se preocupe: os cientistas também não têm resposta definitiva para essa questão.

5 – Por que o gelo é escorregadio?
mistérios da física cotidiano

Você já parou para pensar porque andar sobre o gelo (se você já teve a oportunidade de fazer isso) é um eterno sobressalto? Por que, afinal, a superfície é tão escorregadia que podemos cair a qualquer momento?

A origem desse enigma, segundo os cientistas, está na composição da própria água. Quanto mais fina for a camada de água sobre uma superfície plana, mais escorregadia ela é. Isso é fácil de comprovar: você não escorrega, por exemplo, ao andar sobre uma poça de água comum, na rua, mas corre um alto risco em um chão que acabou de ser limpo com rodo. Como a camada de água sobre o chão, após uma faxina, é finíssima, aparece o aviso de “piso escorregadio”.

No caso do gelo, esse fenômeno pode ser observado em pistas de patinação. A maioria dos cientistas concorda com a seguinte teoria: quando os patins cortam a superfície, o gelo naquele exato ponto é derretido por um momento, devido à pressão, e transforma-se em água. Imediatamente após a lâmina deixar aquele ponto, a água se solidifica novamente. Ou seja, o atleta patina sobre água em um piso de gelo, e não sobre o gelo em si. Mas ninguém sabe ainda, exatamente, como esse mecanismo funciona.

4 – Cereais agrupados

Se aquela tigela de sucrilhos com leite faz parte do seu café-da-manhã de todo dia, você certamente já reparou que os cereais são uma sociedade altamente organizada quando está em extinção. No fim da refeição, você pode ver os últimos grãos se atraindo uns aos outros, como se pedissem para a colher capturá-los todos de uma vez. Mas por que isso ocorre?

A resposta, na verdade, é chamada pelos cientistas de “Efeito Cheerios” (batizado em homenagem ao famoso cereal americano), mas não se aplica apenas aos cereais. Experimente colocar, digamos, meia dúzia de pequenos clips em uma caneca de água, e você verá que eles também se atraem.

Esse efeito vale, em linhas gerais, para qualquer objeto flutuante em uma superfície líquida. Descoberto em 2005, o fenômeno se utiliza do conceito de tensão na superfície. Pense na tigela de leite como um conjunto de moléculas.

No fim do seu pote de sucrilhos, você pode ver a maioria dos grão agrupados no meio e alguns desgarrados, colados à borda da tigela. Isso acontece porque as moléculas de água, no leite, são atraídas para a borda, formando um círculo interno ao contorno da tigela. Nesse círculo, alguns grãos acabam presos. Os que escapam disso, no entanto, se prendem no meio da tigela devido ao “vácuo de moléculas” de água que se formou.

3 – Ímã
mistérios da física cotidiano

Campeão de interesse de crianças e adolescentes em uma aula prática de física, o ímã é símbolo de um dos campos científicos mais estudados da história da humanidade: o magnetismo.

Nem todos se lembram disso, mas todo corpo tem magnetismo. Na matéria comum, contudo, a atividade elétrica que dá origem ao magnetismo é orientada em direções diferentes, razão pela qual os objetos não se atraem o tempo todo. No caso do ímã e da maioria dos metais, em menor escala, todos os elétrons da superfície apontam na mesma direção. Isso cria o que nós chamamos de campo magnético. Assim, objetos com campo magnético podem se repelir ou se atrair, dependendo da direção.

Apesar dessa explicação simples, o mecanismo envolvido permanece uma ideia abstrata no nosso imaginário. Até esse ponto, há certezas, mas o conhecimento do homem sobre o magnetismo acaba por aqui.

Ainda faltam explicações definitivas para vários fatores do magnetismo. Por que as partículas irradiam magnetismo, o que exatamente são esses campos que se formam, por que os elétrons correm todos na mesma direção apenas em metais e em ímãs? As teorias mais recentes para tais questões ainda estão em desenvolvimento.

2 – Eletricidade Estática
mistérios da física cotidiano

Além de ímãs, outro artefato de física capaz de despertar interesse é o gerador eletrostático. Trata-se daquele globo que arrepia os cabelos de quem coloca as mãos sobre a superfície do equipamento, figurinha carimbada em feiras de ciência escolares. Este aparato dá uma noção prática de um fenômeno que também esconde mistérios dos cientistas: a estática.

Qualquer choque, na verdade, é causado por essa condição. Quando você toca uma porta, por exemplo, às vezes leva uma descarga elétrica desagradável, e não sabe o motivo. A primeira coisa a esclarecer é que a “culpa” não é da porta, é sua. Seu corpo está com excesso de carga elétrica, positiva ou negativa, e essa corrente é liberada no primeiro objeto que você encontra (em alguns corpos esse efeito é mais sensível do que em outros).

A explicação mais razoável (mas não comprovada), para esse fenômeno, é simples. Quando há contato entre dois corpos com cargas elétricas diferentes, os elétrons saem bruscamente dos átomos de um dos corpos, e são descarregados em excesso nos átomos do outro corpo. A razão de isso acontecer, no entanto, permanece obscura.

1 – Arco-íris
mistérios da física cotidiano

A receita para criar um arco-íris é simples: pequenas partículas de umidade atmosférica atravessadas por raios de sol. Essas gotículas funcionam como prismas (aquele mesmo prisma “triangular” retratado em fotos de livros de física), que refratam os espectros de cor em uma direção transversal ao sol. Mais exatamente, entre 40 e 45 graus transversais aos raios solares.

Pode-se dizer que o mistério científico do arco-íris já foi solucionado. Para a sabedoria popular, no entanto, ainda resta uma dúvida, ainda que pareça ingênua: porque não chegamos ao fim do arco-íris?

Em uma lógica simplória, isso faz sentido: quando vemos o arco-íris surgir por trás de uma montanha, ele teria que “brotar” de algum lugar, ou pelo menos ter um limite visível. A questão, obviamente, é fácil de responder. Não vemos o fim do arco-íris porque ele simplesmente desaparece quando chegamos muito perto. A capacidade de enxergá-lo depende da distância em que você se encontra. [Life’sLittleMysteries]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)

77 comentários

  • K3:

    outro mistério: porque nos desenhos da disney, os personagens tem os dedos anelar e médio juntos , formando um ” M “.
    ???? isto acontece também com pinturas antigas como a de michelangelo , aquela que adão de Deus tocam os dedos.

    estranho, não???

    outro mistério: porque quando perguntamos para alguém o que se comemora dia 25 de dezembro e a pessoa diz ” nascimento de cristo”, mas ninguem sabe quando ele nasceu.

    25 se comemora o nascimento de Tamuz , filho de ninrode, o homem que teve relações sexuais com a própria mãe, no local que Tamuz morreu nasceu um pinheiro onde foi enfeitado com belas pinturas e enfeites.

    estranho, não???

  • Felipe:

    temos o fenômeno da observação quântica e a turbulência

  • Richard Fontana:

    Castanhas e amendoins.
    A própria física explica isto: trata-se de uma simples questão de densidade (peso versus volume).
    SE medirmos a densidade do amendoim com certeza será algo maior do que a densidade da castanha.

    • Ezio José:

      Lembrei-me da história da queda do quilo de chumbo e do quilo de algodão. Qual dessas lesaria quem fosse atingido por elas ao cairem de uma certa altura x

    • Felipe:

      densidade não é peso por volume, é massa por volume. Então não esqueça que as densidades podem ser IGUAIS se as massas forem DIFERENTES. Tem que levar em consideração os volumes e massas das duas.
      Obrigado.

    • Ezio José:

      A densidade de um corpo define-se como o quociente entre a massa e o volume desse corpo. Desta forma pode-se dizer que a densidade mede o grau de concentração de massa em determinado volume.
      O peso de um objeto é a força gravitacional sofrida por este objeto em virtude da atração gravitacional nele exercida por um outro corpo massivo.

      A densidade de um corpo poderá ser determinada pela quantidade de massa que o corpo possui dividido pelo volume que esta massa ocupa.

    • Felipe:

      Isso ae

  • claudemir da silva:

    a física é dificil de ser desventadas

  • vitoria:

    interessante esse argumento,vou testar pra ver essa luz que tanto falam.

  • Cesar:

    O tal do arco-íris não é um objeto real, mas uma ilusão de ótica produzida pela refração e reflexão da luz em gotas de água. Por isto não dá para chegar nele – ele não está em algum lugar, ele só existe dentro da retina de quem o observa, onde se projeta a luz refratada e refletida.

  • Milena Karla:

    Alguém mais concorda que a menina da eletricidade estática tá assustadora?

  • Milena Karla:

    Ainda bem que os sucrilhos não se juntam formando palavras,frases…

  • Milena Karla:

    Todo post desse site tem uma discussão nos comentários.

  • Dr.Moura:

    A fisica coloca aprova que a ciencia não possui certeza pois a arte da ciencia não está na certeza ma na busca dela mesma,mesmo que se fele que a religião pode explicar ė incontestavel que a ciecia tenha certeza pois a verdade esta no metodo esperimental e não no senso comum sendo que tal estudo é sinceramente a alma do mundo!

    • leandro:

      A religião explica algo simplismente inventando uma explicação, assim fica mais fácil não da trabalho.

  • Milena Karla:

    ASSUNTO POLÊMICO: CASTANHA DO PARÁ!

  • José Calasans.:

    Não devemos estranhar fenômenos não explicados,pois existem muitos deles que setimos os efeitos e nem mesmo os cietistas conseguem entede-los,um bom exemplo é a gravidade.

  • Marta B. D.:

    Ta, lindo de ver!!! Topico interessante com comentários interessantes. Mas alguem pode me explicar pq em baixo do Arc-iris é mais claro doque em cima?? Não venha falar que é ilusão de ótica pq fica óbvio que não é, principalmente com a foto que esta no tópico e varias outras que eu tenho aqui.

    • JUMENTO:

      Posso te dar uma explicação, mas outros leitores, também poderão ter outras que agregarão ainda mais seus conhecimentos.

      Refração da Luz…!!!

      E é simples para observar isso. Pegue um Circulo Cromático de vidro ou acrilico. Coloque-o na posição horizontal, cerca de 30 cm de uma superficie e gire-o até que as cores se misturem e parecer que ele ficou todo Branco. Observe que abaixo dele (a partir dele até a superficie), ficará mais claro.
      Existe várias outras formas de se fazer isso com muito mais recursos… mas esta, da pra fazer em casa e sem nenhum risco.

  • André:

    Os cientistas sabem muito, mas não podem saber de tudo.
    Jamais vamos saber de tudo, sempre haverá algo a ser desvendado.

    • Marta B. D.:

      Esta é a principal diferença entre a ciência e a religião. A Religião se diz incontestável, enquanto a ciência, por si só sobrevive se contestando sempre pois pesquisadores e cientistas sabem que a busca pela perfeição da ciência esta no ato de busca-la!

  • Alter ego: Ateu?:

    Ninguém merece… reliosos em sites científicos.

    • JCandido:

      Estamos num país livre, cada pessoa pode expressar sua opinião sobre qualquer assunto, independente se é um site que traz matérias sobre ciência ou não. Deixa os religiosos falarem o que eles querem, afinal você fala o que quer, não é mesmo? Eu tenho amigos que são religiosos, e gosto muito de conversar com eles sobre ciências em geral, e as conversas são sempre esclarecedoras, ou quando surgem as dúvidas para ambas as partes, procuramos estudar sobre determinado assunto.

    • Ezio José:

      Existem religiosos que praticam suas fés em suas comunidades e, existem religiosos que são fanáticos e quem empurrar goela abaixo os seus conceitos em tudo quanto é lugar indevido.
      Podemos ver reliogosos em presídios, alguns nas favelas e todos se dizem estar salvando pessoas dos pecados e levando-as para o paraíso. Nunca ví esses religiosos nos prostíbulos. Por que?

    • Lúcifer:

      Porque lá iam rir deles. Aqui, como as pessoas cultas são educadas e não os trataram com grosserias, eles se sentem mais a vontade.

    • Lucas:

      Na verdade, existem diversos projetos que visam atender pessoas provindas de um prostibulo… Minha igreja por exemplo, tem o projeto Magdala, que as tira dessa vida e consegue empregos dignos para as mesmas. Por favor não fale se não tiver certeza a respeito do assunto.

    • Ezio José:

      Uma coisa é ir na casa da prostituta outra é ir nos prostíbulos. Nas casa de fam´lias de marginais e nos presidios vão os religiosos, porém, nunca os vemos nas casas das vítimas a não ser no velório para se msotrarem às diversas pessoas que alí estão e são de diversos segmentos religiosos.

    • vitoria:

      bato palmas pra voce esta certissimo

    • leandro:

      tenho um conhecido, ele sempre me corta disendo, “não, não é assim, ta escrito que…bla, bla bla”

  • Elza:

    realmente a física tem uma explicação para todos os temas que foram aqui expostos,

  • edmar:

    poxa….tudo tem explicaçao cientifica sim.contradiz o que
    e falado de “nada comprovado” cuidado com materias nao aprofundadas na net

  • Ze da Feira:

    Outro mistério inexplicavel:

    Se o sapatinho da cindelera se encaixa perfeitamente em seus pés porque ele caiu ?

    • Ezio José:

      É porque não diagnosticaram o labirintite para acrescentar na estória.

    • JUMENTO:

      Kakaka, Boa…!!!
      Tudo bem que é uma fábula… mas tem explicação cientifica. Não para a fabula, mas para o fato do sapatinho sair.
      Voce ja deve ter colocado um sapato que, ao colocar ele estava justo, e depois de uma festa ou balada, saia facilmente do seu pé (e olha lá que tem casos que a pessoa ensaia um chute e o sapato vai parar longe).

      Dilatação da Materia com o Calor (neste caso, o calor dos pés).

    • Ana Luiza:

      Acho que cristal não deve dilatar.

    • Ezio José:

      Concordo.
      Vc atirou bem e acertou na orelha do Jumento (por sinal muito inteligente na maioria de seu comentários neste sítio).

    • leandro:

      essa cinderela deveria ficar com o pé horroroso depois da festa de tanto calo, um sapato de cristal deve ser duro e desconfortável.

  • halemao:

    Vou tentar explicar tudo isso tomando uma bela cerveja gelada e comendo castanhas. Ali terá todos os ingredientes citados acima, tem até o magnetismo do copo que nunca sai da mão.
    Depois eu volto aqui pra dizer a vcs como foi essa experiência.

  • JUMENTO:

    Caramba…!!!
    E eu que achava que Escola Publica era fraca.
    Saudade do tempo em que eramos “bombardeados” de informações nas escolas primarias.

    EFEITO-CASTANHA: Se já explicaram porque o Centro da Terra é denso e liquefeito, com certeza ja tem essa explicação. Só muda as dimensões (tamanhos).

    ESPUMA: Tanto tem essa explicação que, dependendo do material ao qual é feita, ela modifica a densidade, exemplos desta variação de Espuma: Veda-Rachadura ou também, Oleo de Manona Injetado, Polipropileno e Visco-Elastico (Famoso nos travesseiros e colchões)

    GELO ESCORREGADIO: A conclusão final está correta… pisamos sobre AGUA e não GELO. Porque desliza? É longa a explicação, mas pra resumir, este principio deu origem a muitas coisas como por exemplo os ROLAMENTOS ou como alguns o chamam, ROLIMÃS. Outro adendo: Duas pedras de gelo (que tem as mesmas propriedades) não deslizam uma sobre a outra.

    CEREAIS AGRUPADOS: Não é só Cereal, até óleo (que é liquido ou liquefeito) tende a acontecer isso. Pressão Atmosferica. Este fenomeno não ocorre fora da nossa Atmosfera.

    ELETRICIDADE ESTÁTICA: Está relacionada ao Magnetismo. Como diz no ítem IMÃS (“Nem todos se lembram disso, mas todo corpo tem magnetismo. Na matéria comum, contudo, a atividade elétrica que dá origem ao magnetismo é orientada em direções diferentes, “), este é o motivo dos cabelos (que é a parte mais leve do corpo) sairem para todas as direções. Quem tem pêlos no corpo, isso também acontece. E porque todos os fios não “se levanta”? Somente os superficiais tem menos densidade para isso… abaixo disso, o peso de um sobre o outro (causando um efeito cascata de peso) impede que os fios mais abaixo sequer receba essa propriedade.

    ARCO-IRIS:(chama-se IRIS por causa do Olho Humano) é uma ilusão de otica, e não um fenomeno externo. Toda Luz ao nosso redor é colorida só que nossos olhos não são capazes de “enxergar isso”. A agua, o Prisma e outras matérias são capazes de trazer isso aos nossos olhos.

    Estas experiencias, fazíamos em laboratório de Ciências,estes aprendizados eram passados do 5o ao 8o ano escolar. Meus pais, tiveram estes ensinamentos do 4o ao 6o ano escolar. Isso sim não tem explicação: Porque o Aprendizado e Ensinamentos são passados para as pessoas mais tardios e em menos quantidade sendo que Cientificamente já está comprovado em Genero, Numero e Grau que quanto menor a idade, maior captação de ensinamentos e aprendizado (efeito esponja). E falar que: Quando aparece uma criança de 2 ou 3 anos falando linguas, tocando instrumentos ou outra coisa, são chamados de prodigios.
    Todos poderiam estar fazendo isso. Quando voce ver uma criança destas, observe… procure saber o que os Pais fazem… 99% dos casos, os Pais fazem o que elas aprenderam.

    Ufa, esse foi grande… espero que passe pela Moderação.

    • Marcelo:

      Tem jumento que acha que sabe de tudo. Se sabe de tudo está no site errado.

    • Ju:

      Eu achei ridículo o efeito castanha até ler o final do texto, só há teorias, isso que vc aprendeu pode ser verdade, mas não há comprovação empírica que seja.

    • Fausto:

      Se não é um fenômeno externo como podemos vê-los em fotos e vídeos?

    • JUMENTO:

      Fausto, boa observação. Se voce pesquisar, verá que a invenção da Camera Fotografica foi baseada no funcionamento de nossos olhos logo, ela capta o que nossos olhos também capta. O mesmo vale para as Cameras de Vídeo. Voce pode questionar: Existe camera que capta o que nossos olhos não vêem…??? SIM, existe… mas o proprio raciocínio responde.. voce não “veria” o que elas captam. Por isso são feito “deduções” de uma “possivel visão” do que não conseguimos ver.
      Espero não ter dado mais nó do que explicação.

    • Hypescience:

      GELO ESCORREGADIO:

      Uma fina camada de gelo derrete por causa de minusculas particulas de pó que existe por todo lado.

      Experimentem meter terra ou sal em cima de gelo e esperem uma hora, verão que haverá só agua

      ARCO-IRIS: A luz é composta de várias cores (com frequencias/energias) e gotas de agua e prismas separam as mais energéticas (roxos,azuis) das menos energéticas (vermelhos e amarelos

    • 3dx:

      bem legal e muito correto

    • JUMENTO ASNO:

      Uma adição no comentário, sobre ARCO-IRIS.
      Hoje, 14-12-2011, saiu uma materia de que os cientistas conseguiram pela primeira vez, simular um Arco-Iris.
      Segue o Link:
      http://info.abril.com.br/noticias/ciencia/cientistas-recriam-pela-1-vez-arco-iris-em-3d-12122011-30.shl

  • bruno:

    A castanha é porque ela é mais lisa e mais leve que o amendoim

  • Ricardo:

    Muito misticismos e pouca vontade de explicar.

  • dipsy:

    São as charadas de Deus, será que somos pareos para elas?
    Deus sabe o que faz, aceite esta condição.

    • Vee:

      Mais um pondo Deus no meio…

    • Ciro:

      LOL …

    • X:

      deus sabe o que faz…
      diz isso para as milhares de crianças que morrem de fome e sede na Africa e deus não faz nada.

    • Big Bang:

      E difícil ler isso e não retrucar. Pq vc acha q isso seria culpa de Deus? Vc acha mesmo q Deus deveria aparecer e salvar criancinhas na áfrica? Esse e o argumento mais pífio q escuto. Pq isso ou aquilo acontece e Deus permite? Será mesmo q o culpado e Deus? Ou será q somo nós q temos todo o poder nas mãos e nada fazemos? Não coloquem a culpa dos erros humanos em Deus.

    • X:

      Não coloquei culpa em ninguem. Se vc acha isso, vc que deve ter essa ideia.
      Apenas acho ironico O Todo Poderoso ficar brincando de cientista e inventando essas coisas ainda não explicadas, enquanto pessoas passam o pior por ai.
      PS: Realmente, algo que não existe não pode ser responsabilizado por nada.

    • valquira:

      DEUS,EXISTE SIM,BASTA OLHAR PARA O CEU,OS PASSAROS,A VIDA,O AMANHECER,VC DEVE SER UMA MAU AMADA,POR ISSO NAO SABE DA EXISTENCIA DE DEUS,MAIS SAIBA QUE ELE TE AMA DO MESMO JEITO,MESMO VC,NAO ACREDITANDO NA SUA EXISTENCIA,TENHA UM OTIMO DIA,EM CRISTO….

    • Lucas Rodmo:

      Está nesse livrinho de vocês aí que nenhuma folha cai da árvore se não for permissão de deus. O problema, meu amigo, é que as crianças na África passam fome porque deus não existe, ora.

    • Milena Karla:

      Lucas,A fome,os assassinatos,é tudo culpa de Satanás o Diabo,não de Deus!!
      Deus está preparando um fim trágico para todos que estão fazendo mau as pessoas. E essas crianças com fome tem lugar guardado no paraíso. Pode ter CERTEZA disso.

    • valquira:

      DEUS O NOSSO CRIADOR,NAO QUER VER NINGUEM SOFRENDO,ELE DUE O LIVRE ARBITRIO PARA SEUS FILHOS,SE A AFRICA ESTA DO JEITO QUE TA ISSO E CONSEQUENCIA,DE ATOS DAS AUTORIDADES,E NAO E O SENHOR DEUS O CULPADO.JESUS DISSE:TUDO QUE PEDIRDES EM MEU NOME EU O FAREI…

    • Ezio José:

      Peça pros americanos pra ver se eles dão. Nos EUA a igreja protestante é maioria.

    • X:

      Tirar frase feitas de um livro antiquado não servem como argumento… desculpe

    • dipsy:

      Deus escreve certo com linhas tortas. tudo tem uma justificativa, nada é em vão. a vida é um aprendizado. todos aprendemos algo com essa passagem.nada é em vão

    • X:

      E alguem que ja passou por essa vida, voltou pra te dizer isto? Francamente…

    • Lucas Rodmo:

      As 4 mil crianças que morrem de fome por hora tem um ‘propósito’? AH ME POUPE!

    • CASTOR:

      e vc faz alguma coisa ? …

    • X:

      Ontem ajudei uma velhinha atravessar a rua. Infelismente é tudo o que posso fazer, não sou o todo poderoso que move montanhas.

    • Ezio José:

      Se ela estava indo, fezistes mal. Se ela estava voltando, aí sim, fizeste algo de méritos.
      Certa vez um cidadão de um coração digno ajudou uma velhinha atravessar a rua. Demorou muito para a família encontrá-la, pois a danada da velha sofria do mal de Alzeimer e se perdeu.

  • Ricardo Soares de Lima:

    Um mistério para adicionar a lista:
    triboluminescência

    • Cesar:

      Verdade, Ricardo. O Feynman, quando escreveu sobre a educação no Brasil, apontou duas formas de ensinar sobre a triboluminescência, um fenômeno que ainda não está explicado. Para quem não sabe o que é a triboluminescência, Feynman dá uma dica de como fazer um experimento de triboluminescência: coloque cubos de açúcar no congelador, e, à noite, pegue estes cubos, leve para um local escuro (para poder ver o efeito), e aperte eles com um alicate. Eles vão emitir uma luminescência azulada, e ainda não há explicação para este efeito.

    • JUMENTO:

      Interessante.

    • Fernando:

      Esse efeito só ocorre com cubos de açúcar ou também com grãos? No Brasil é difícil achar cubos de açúcar para vender.

    • Ezio José:

      Faça um.

    • Gil Mendes:

      LOL, bem pensado 😀

    • Ricardo:

      Você também pode reproduzir a experiência usando um rolo de fita crepe. Em um lugar bem escuro puxe a fita com bastante força e observe que quando ela se descolar do rolo emitirá um pequeno brilho.

    • Cesar:

      Mas este é o efeito de triboluminescência? Por que não é por que é emitida luz que se trata de triboluminescência…

      Por exemplo, em um dia seco, quando você tirar um blusão de lã, vai ouvir uma série de estalos. se estiver em um quarto completamente escuro, poderá até mesmo ver faíscas: é a eletricidade estática gerada por triboeletricidade – outro fenômeno ainda não muito bem compreendido.

    • JUMENTO:

      Cesar, sabe que isso me deixou intrigado…rs.rs… e gosto disso… vou dar um jeito de observar esta experiencia. Me ocorreu que essa Luz Azulada, pode ser Luz Ultra-Violeta não? E talvez essa liberação feita com a alicate, é devido a pressão!!!
      Vou pesquisar mais sobre o assunto, quem sabe este Feynman ja tenha feito algum teste parecido em um daqueles equipamentos de transformar carvão-vegetal em diamante com a força da pressão.

    • Cesar:

      Se fosse luz ultra-violeta, não veríamos. Não vemos com os nossos olhos a luz ultra-violeta, apenas o brilho de objetos que ficam fosforescentes sob a luz ultra-violeta. E eles ficam fosforescentes por que absorvem fótons de ultra-violeta e emitem fótons na faixa de luz visível.

    • JUMENTO:

      To começando a gostar de pesquisar sobre essa coisa viu…rs.

Deixe seu comentário!