NASA divulga mapa mais nítido já feito da superfície da lua

Por , em 21.11.2011

A NASA divulgou o mapa mais nítido e detalhado já feito sobre a superfície da lua. O mapa foi produzido com dados eviados pela nave Orbitador de Reconhecimento Lunar (LRO), que foi lançada ao espaço em junho de 2009 para estudar a superfície do satélite.

As imagens revelam grandes depressões e elevações em quase toda a lua. Essa nova visão topográfica da lua fornece um conjunto de informações esperado desde a era das missões Apollo.

Com o mapa, agora é possível que os cientistas determinem as inclinações de todos os principais terrenos lunares, entendam como a crosta se deforma, compreendam melhor o impacto mecânico de crateras, investiguem as características vulcânicas e planejem possíveis missões à lua, tripuladas ou robóticas.

Dois dos instrumentos usados para produzir o mapa foram a câmera com lente grande-angular e um altímetro a laser. A nave da NASA foi lançada à órbita lunar carregando seis instrumentos projetados para coletar informações detalhadas sobre o ambiente lunar. [BBC]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)

7 comentários

  • aztoufo:

    parece ate o ovo frito que
    eu dexei de baixo da cama por uma semana

  • Jaime:

    Ninguém quer não!!!, os cientistas da NASA e do resto do mundo sempre quiseram, os políticos é que decidiram não investir mais em missões tripuladas por serem mais caras!

  • Arissa Yuka:

    A sonda LRO mostrou os vestígios dos astronautas que foram a lua entre 1969 e 1972 e tem gente que ainda fica duvidando. Sondas chinesas e indianas também fotografaram os locais de pouso das missões Apollo. Ficar indagando por que não voltaram a lua depois de tanto tempo demonstra total ignorância sobre a política e o mundo da época. Não fosse a Guerra Fria que acirrou a corrida espacial nessa época, talvez o homem não teria ido lá até hoje. Mas foi,e 12 homens andaram, fizeram experimentos científicos e trouxeram quase 500 quilos de rochas de lá. Todas as sondas americanas e soviéticas juntas não trouxeram 1 quilo no total pois sondas só tem capacidade de trazer poucas gramas de poeira lunar. Quem não acredita não muda esse fato.

    • Phorushacos:

      Não muda esse fato e também nega a História. É realmente inspirador olhar pra Lua e saber que um dia um humano como nós esteve lá. Por isso eu sempre ficava mordido quando alguém afirmava com toda certeza que foi uma farsa.

      Mas antes eu tinha raiva dos conspiracionistas, hoje não tenho mais. Não é culpa do público a DESINFORMAÇÃO que foi propagada e que se tornou até mesmo algo cultural, se tornando ainda mais difícil de erradicar. Tenho um amigo que acredita que foi farsa porque um parente “inteligente” dele diz que é farsa, mas esse mesmo amigo não quer saber de ouvir argumentos desmistificadores. Para eles negar é não aceitar que os poderosos os enganem, então o pensamento conspiracionista quer, no seu íntimo, apenas liberdade, não ter sua vida controlada pelo Estado. Porém eles acabam se tornando gado de qualquer forma pois não pesam todos os argumentos como deveriam. Talvez um dia alguém proponha que a Pré-História e os dinossauros também são farsa. Que os esqueletos e fósseis são de mentira, que existe um complô dos cientistas para esconder a verdade, nos fazendo crer que o homem não tem origens divinas, vai saber.

  • Gui Melo:

    Não consigo entender como que quase 40 anos depois o homem não pode voltar a lua, a NASA é engraçada né?

    • CASTOR:

      é mais barato enviar sondas do que enviar gente

      mais mesmo assim … é complicado acreditatar nessa historia do homem na lua a 40 anos

    • Phorushacos:

      É complicado isso. Mas naquela época existia um porquê de ir e a NASA tinha total apoio do governo e da opinião pública. Depois que eles pousaram na Lua e fincaram a bandeira “nós americanos somos fodões”, a opinião pública se desinteressou e o governo também. Então ninguém voltou simplesmente porque ninguém quer, e também porque eles foram bastante corajosos já que a tecnologia não oferecia toda a segurança.

      Enfim, a justificativa pra não voltar, existe, agora o fato de terem ido mesmo ou não já é outra história que precisa de outros argumentos.

Deixe seu comentário!