NASA: sonda corajosa faz terceira passagem rasante pelo sol

Por , em 3.09.2019

A ousada sonda Parker Solar Probe, da NASA, começou seu terceiro voo rasante pelo sol no último domingo (1).

Os cientistas puderam ativar os instrumentos da sonda mais cedo do que previsto, graças a uma quantidade inesperada de dados liberada pela espaçonave – os operadores da missão receberam muita informação da sonda nos primeiros dois voos rasantes, e fizeram até observações adicionais durante a segunda aproximação.

Agora, para a terceira rodada, os instrumentos da Parker Solar Probe trabalharão sem parar por 35 dias, três vezes mais do que os primeiros dois voos. Isso significa que a sonda fará medições duas vezes mais distante da superfície visível do sol.

Esses dados podem ajudar os cientistas a resolver alguns mistérios de como nossa estrela afeta o sistema solar.

Missão longa

A sonda foi projetada para ajudar os astrônomos a entender melhor o sol, principalmente uma camada de sua atmosfera chamada corona, com milhões de graus Celsius, muito acima da superfície da estrela.

De acordo com o planejamento, a Parker Solar Probe fará 24 voos rasantes na corona até o final de sua missão, em 2025. Cada voo vai deixar a sonda mais apta a resolver os mistérios solares.

O quarto rasante, programado para 29 de janeiro de 2020, deve incluir uma manobra em torno de Vênus usando a gravidade do planeta para empurrar a sonda para mais perto do sol. [Space]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

Deixe seu comentário!