Como revelar um negativo usando apenas o seu cérebro

Por , em 25.01.2012

Encare os pontos coloridos no nariz da moça durante 30 segundos, em seguida olhe para uma superfície totalmente branca e pisque rapidamente.

Por alguma razão nosso cérebro consegue ‘revelar’ a foto durante as piscadelas. Alguém aí entende o suficiente de óptica e de visão humana para explicar este fenômeno? Comente. [Eject]

ATUALIZAÇÃO:

O Cesar tem uma explicação bem plausível:

Não é o cérebro, são os olhos. A visão é um processo químico – quando você olha para uma imagem, algumas proteínas são degradadas, e um sinal neuronal é enviado ao cérebro baseado no equilíbrio químico da células da visão.

Quando você olha para uma superfície branca, a célula ainda está com o desequilíbrio químico, então o sinal dela vai ser diferente de um branco igual ao produzido por uma célula que está com o seu meio celular em equilíbrio.

Vocês podem fazer outro teste, olhem para uma imagem normal pelo mesmo tempo que olharam para a imagem acima, e depois olhem para uma superfície em branco: vão ver uma imagem residual negativa da foto anterior.

Tem um artigo sobre o assunto na Wikipedia em inglês (aparentemente não tem um artigo equivalente em português), no verbete “afterimage”:

A explicação é mais ou menos a mesma que dei acima.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

24 comentários

  • Jeff:

    isso e bruxaria ‘-‘

  • Perônio irmão do Tíbio:

    eh a juliana paes

  • René Haurón:

    —–Por incrível que possa parecer, ao observar atentamente os três pontos coloridos no nariz da moça, criamos as bases das cores que definem o espectro geral. Aqui não só a visão joga seu papel, como também o cérebro que dita todas as cores. O azul, o verde (mistura com o amarelo) e o vermelho (não com os daltônicos) em conjunto com o preto (o próprio negativo) tingirão a imagem “como ele deveria de ser” e não a imagem latente do negativo fotográfico. O cérebro processará a imagem de acordo com cores usuais.

  • Cesar:

    Não é o cérebro, são os olhos. A visão é um processo químico – quando você olha para uma imagem, algumas proteínas são degradadas, e um sinal neuronal é enviado ao cérebro baseado no equilíbrio químico da células da visão.

    Quando você olha para uma superfície branca, a célula ainda está com o desequilíbrio químico, então o sinal dela vai ser diferente de um branco igual ao produzido por uma célula que está com o seu meio celular em equilíbrio.

    Vocês podem fazer outro teste, olhem para uma imagem normal pelo mesmo tempo que olharam para a imagem acima, e depois olhem para uma superfície em branco: vão ver uma imagem residual negativa da foto anterior.

    • Cesar:

      Tem um artigo sobre o assunto na Wikipedia em inglês (aparentemente não tem um artigo equivalente em português), no verbete “afterimage”:
      http://en.wikipedia.org/wiki/Afterimage

      A explicação é mais ou menos a mesma que dei acima.

    • Lexx:

      Lógico que é com os olhos, mas o processamento da imagem é todo feito no cérebro. Do contrário, ainda estariamos vendo a imagem de cabeça para baixo, para começo de conversa…

  • Evelyn Cordeiro:

    Não sei explicar mas tenho uma ideia muito melhor…

    Abra a imagem no “Paint” e aperte “Ctrl + i” ^^

    • Claudio H. Agra:

      Ai mulher, tu és engraçada demais, nota 10 pela saída, nem eu que mecho com o paint há mais de 10 anos não sabia deste segredo. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • alx:

    NOSSAAAAAAAAAAAAAA… Muito legal isso! Realmente nem acreditei q daria certo, mais deu. Muito louco

  • Cacilda:

    É mesmo incrível. Este é um fenômeno bastante conhecido e estudado na área de percepção sensorial.

    É um efeito de ilusão de ótica chamado “afterimage”.

    Quando você fixa os olhos (e para isto servem os pontos coloridos) há uma hiperestimulação de células específicas da retina chamadas “cones”, que depois de algum tempo perdem sua sensibilidade. Podem notar que a “imagem fantasma” tem sempre as cores opostas / complementares.

    Isto não acontece normalmente porque somente fixamos os olhos com esforço voluntário – mesmo que a gente não perceba, os olhos tem pequenos movimentos involuntários o tempo todo – são os movimentos sacádicos. E – lógico – depois de algum tempo volta tudo ao normal.

    Podem testar com qualquer outra imagem, de preferência apenas duas cores e bem fortes. Em seguida, olhem para uma parede branca.

    Boa diversão!

  • paulo:

    Fiz um teste no photoshop.Peguei uma foto e inverti as cores, funcionou sem os tres pontos. Agora , porque acontece isso? Como o cérebro entende as cores de forma invertida?

  • Bruna:

    Disso eu ja sabia a muito tempo, se vc olhar uma fotografia normal fizamente por esses 30 s e depois desviar o olhar rapidamente para uma superficie branca e piscar verá o negativo da foto, é so ficar atento que vc percebe isso, eu brincava com isso desde criança, nosso cérebro complementa as cores para fazer o equilibrio de brilho e contraste, as cores e suas intensidades que enchergamos depende do ambiente.

    se vc estiver no seu quarto com a luz ligada a porta tiver um fresta e do lado de fora do seu quarto estiver com as luzes desligadas vc verá tudo preto lá fora, e se tiver noite e vc olhar pela janela o céu vai parecer mais escuro, se vc desligar as luzes do seus quarto, o exterior vai ficar menos escuro, como se algo o tivesse iluminado ( vc vera mais cinza ao inves de preto ) e o ceu a noite lá fora vai parece mais iluminado também, mesmo não havendo nenhuma nova fonte de luz.

  • Jonas:

    Funciona com qualquer imagem, o cérebro sempre inverte as cores igual um editor de imagens quando você coloca para “inverter cores” olhe uma imagem colorida normal e pisque rápido pra ver se ela num fica em negativo ou invertido como queira.

  • Eu:

    Não vi com cores 🙁

    • Eunice dos Santos:

      Quem não viu com cores, tente ver em um ambiente com pouca luz.

  • Felipe:

    Isso msm que o Utilidades virtuais disse. Como as cores estão invertidas, ao tirar os olhos da imagem instantaneamente o cérebro substitui as cores da imagem pelas suas respectivas cores complementares. Ex: onde está verde, nos lábios, o cérebro substitui pela sua cor complementar, o magenta.

  • Capitão Caverna:

    Funciona com qualqer imagem?

  • Luanna Lyma:

    Ninguém ecomentou sobre pq isso acontece, rs.

  • Henrique:

    Realmente incrivel. Acredito que nossos, olhos injetam as cores das três bolinhas que possuem as cores principais, e de acordo com a colocaração da foto negativa, conseguimos distinguir as cores da foto ou imagem. Esta é minha hipotese, mas não sei se é a correta.

  • paulo:

    Show de bola, em 10 segundoas já funciona.

  • UTILIDADES VIRTUAIS:

    A imagem acima é colorida, porem está com suas cores invertidas. Quando fixamos os olhos no pontos RGB (red, green and blue) e depois piscamos rapidamente, nosso cérebro inverte as cores da foto novamente ( para o correto) e assim por um instante vemos a imagem com suas cores originais.

    • paulo:

      fiz o teste sem os tres pontos e funcionou tambem….

    • Fabio:

      Não tem nada a ver com as três bolinhas coloridas no nariz da moça. Tapei com um pedacinho de papel e a moça apareceu da mesma forma, somente com o pedacinho de papel no nariz. Podem experimentar. De qualquer forma, achei fantástico e não consegui entender como as cores são produzidas contra a parede branca.

  • Milena Karla:

    Incrível! Acho que ela é a Beyoncé né?

Deixe seu comentário!