10 assustadoras criaturas marinhas

Publicado em 28.05.2011

Não precisa ficar com medo do mar. Ainda assim, é bom saber o que esperar: conheça algumas das criaturas mais assustadoras e mais perigosas que vivem nas águas dos nossos oceanos.

1 – Vespa do mar

Essa criatura gelatinosa é mortal. Apesar de não existirem dados, especula-se que dezenas de pessoas morrem cada ano por causa dessas águas vivas. Apenas nas Filipinas, entre 20 e 40 pessoas morreram em ataques de vespas do mar. Uma vespa do mar australiana pode ter dezenas de tentáculos, cada um com mais de quatro metros, com toxinas suficientes para matar 60 pessoas. O contato com a Chironex fleckeri pode matar em menos de três minutos. Algumas espécies do Havaí e da Flórida levam à falência do cardíaca.

Menção honrosa – A caravela portuguesa, outro tipo de água viva, é conhecida por causar uma dor comparável a descarga de um relâmpago. O problema é que não há muita gente que possa comprovar essa comparação.

2 – Tubarão tigre

Os tubarões tigre matam mais pessoas que o famoso tubarão branco. Eles comem qualquer coisa: peixe, focas, pássaros, lulas, golfinhos, placas de carros, pneus velhos e até outros tubarões. Eles chegam a medir mais de 5,5 metros e pesar uma tonelada. Podem ser encontrados em águas tropicais e são muito comuns perto de ilhas do Pacífico central. Dezenas de pessoas são atacadas por ele, mas apenas quatro pessoas morreram por sua causa ano passado.

Ataques de tubarões a humanos geralmente ocorrem porque o predador nos confunde com suas presas usuais: mergulhadores e surfistas podem ser facilmente confundidos com focas quando avistados a partir do fundo do mar. Ataques também são mais comuns em ambientes onde o equilíbrio ecológico foi afetado pela presença humana que pesca desenfreadamente os peixes de sua dieta. De qualquer maneira milhares de mergulhadores avistam tubarões-tigre diariamente e nunca são considerados refeições.

3 – Peixe pedra

Ele é o peixe mais venenoso do mundo e é um mestre do disfarce: se esconde no fundo do mar, como se fosse uma pedra. Ele não vai te atacar a toa, é só você não pisar nele. O veneno pode causar paralisia temporária e até morte, se não for tratado.

4 – Baiacu

Você nem precisa estar perto da água para esta criatura te matar. O Baiacu carrega tetraodotoxina, substância mais forte que cianureto. Se você for em um restaurante e pedir a carne deste peixe, certifique-se que o cozinheiro tem certeza que é uma parte segura.

5 – Serpente do mar

Ela já daria medo só por ser uma cobra, mas o problema é que a cobra do mar é ainda mais venenosa que suas “primas” que vivem na terra. A sorte é que elas vivem reclusas e não são uma ameaça muito grande.

6 – Peixe-leão

Ele é muito popular em aquários por sua beleza, mas tem espinhos venenosos. A sorte é que a substância não é fatal para os humanos, mas dói muito (e por cerca de uma hora) e pode causar vômitos, dores de cabeça e problemas respiratórios. Este peixe não é considerado agressivo, por isso, o dono de um aquário tem mais chances de levar uma “ferroada” que um pescador ou um mergulhador.

7 – Crocodilo

Estes animais podem ter até seis metros, pesar mais de uma tonelada e são conhecidos por caçar diferentes tipos de presas, incluindo macacos, cangurus, búfalos e até tubarões. Sua arma é a força bruta: eles são capazes de arrastar um búfalo e vítimas humanas. Usando uma tática chamada “giro mortal”, os crocodilos trancam suas presas em seu maxilar e as matam com um poderoso giro. A técnica também é usada para desmembrar animais de grande porte.

8 – Raias

A morte de Steve Irwin, o “Caçador de Crocodilos”, em 2006, fez as raias surgirem nas listas de criaturas perigosas. O rabo de uma raia é encapado por dentículos dérmicos que, quando ela se sente ameaçada, se contraem e formam um ferrão que parece uma lança. Além disso, contém veneno. O veneno é uma toxicina formada por proteína que causa muita dor em mamíferos e pode causar mudanças na frequência cardíaca e na respiração. Contudo, não é comum que elas ataquem humanos.

9 – Leão marinho

O que? Aqueles animais tão fofinhos? Sim, porque eles são muito protetores de seu território. Na Califórnia, EUA, uma série de ataques foi registrada nas praias Manhattan, Newport e São Francisco, em 2006, o que preocupou os cientistas. Alguns pesquisadores desconfiam que os leões marinhos tenham comido peixes contaminados com algas tóxicas (o que pode explicar o comportamento pouco característico). No site da cidade de San Diengo, há um alerta: “Como todos os animais selvagens, focas e leões marinhos são imprevisíveis e podem se tornar agressivos rapidamente. Eles têm dentes afiados e podem morder, particularmente se forem perturbados”.

10 – Moréia

Ela tem corpo de cobre, focinho protuberante e um largo maxilar. Estes peixes podem ter mais de dois metros e uma mordida de seus dentes afiados pode causar feridas profundas com chances enormes de infecção pelas bactérias que vivem dentro de suas bocas. A boa notícia é que se ela te morde por medo ou por acidente, acaba relaxando e largando. Elas são caçadoras noturnas e costumam se esconder durante o dia. Para evitar ser atacado, não vá enfiando a mão em buracos e evite um erro comum entre os mergulhadores: não tente alimentá-las.[LiveScience]

Autor: Letícia Resende

Jornalista curiosa, adora novidades, encantada pela ciência e tecnologia

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

51 Comentários

Envie um comentário

Leia o post anterior:
medico
10 coisas estúpidas que você faz no médico

Diversos profissiona...

Fechar