Contraceptivos salvam 250 mil mulheres todos os anos

Publicado em 12.07.2012

Uma pesquisa recente, publicada no jornal médico “The Lancet”, aponta que a cada ano 250.000 mulheres deixam de morrer de partos difíceis e abortos ilegais por terem à sua disposição métodos contraceptivos.

A pesquisa aponta que no ano de 2008, cerca de 355.000 mulheres morreram no mundo todo. Naquele mesmo ano, mais de 250.000 vidas foram poupadas por conta dos métodos que permitiram às mulheres evitar uma gestação indesejada. As estimativas apontam que se todas as mulheres dos países em desenvolvimento tivessem acesso a métodos contraceptivos, estas mortes seriam reduzidas em pelo menos 30%.

E não são só as vidas das mães. A pesquisa também aponta que as chances de sobrevivência das crianças é maior quando as gestações são mais espaçadas. O risco de nascimentos prematuros e bebês com baixo peso dobra quando a concepção acontece menos de seis meses depois de um nascimento, e crianças nascidas menos de dois anos depois do nascimento prévio têm 60% mais chances de morrer durante a infância do que as que nascem mais de dois anos depois do seu irmão.

Além da não desprezível quantidade de vidas poupadas, há o aspecto demográfico: ano passado a população do planeta atingiu os 7 bilhões de habitantes, e deve chegar aos 9,3 bilhões em 2050, e mais de 10 bilhões em 2100, de acordo com estimativas da ONU. A maior parte deste crescimento demográfico está acontecendo em países em desenvolvimento. É muito importante que as mulheres de todo o mundo tenham acesso a métodos contraceptivos e aprendam a planejar sua família.
[News.Yahoo, BlissTree, NYDailyNews]

Autor: Cesar Grossmann

Sou formado em Engenharia Elétrica, mas trabalho no setor público, gosto de xadrez e fotografia.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

2 Comentários

    • “Métodos contraceptivos matam fetos”.

      Só que não…

      Thumb up 1

Envie um comentário

Leia o post anterior:
brazil-cycling-jail-550x309
Presos brasileiros pedalam para gerar energia e reduzir sua pena

Em uma prisão brasil...

Fechar