Animais podem adquirir DNA de outros seres

Publicado em 4.05.2010

pulgão

É comum haver troca de genes entre microorganismos. Mas até pouco tempo atrás era dada como verdade absoluta que nenhum animal é capaz de fazer o mesmo.

Um time de cientistas norte-americanos busca desmistificar essa afirmação. Os pesquisadores da Universidade do Arizona descobriram que os Afídeos (pequenos insetos também chamados de piolhos-de-planta, ou pulgões) são capazes de produzir seus próprios Carotenoides (tipo de lipídio que tem funções nutritivas para os animais), e conseguiram essa habilidade graças a um gene adquirido dos fungos!

O resultado da pesquisa foi publicado no dia 30 de abril, e causa debates. Para concluir que os insetos produzem seus próprios Carotenoides, os cientistas analisaram sua alimentação e coloração. Primeiro, eles viram que a dieta básica do Afídeo é o floema (seiva interna) das plantas onde vivem, que é pobre em Carotenoides. Depois notaram que, a princípio, os Afídeos eram verdes, mas alguns passaram a nascer vermelhos devido à coloração dos Carotenoides (que são os principais pigmentos de vegetais) adquiridos. Ou seja, os pequenos insetos sofreram uma mutação genética natural.

Essa descoberta pode ter uma enorme importância em longo prazo. Se for comprovado que outros animais, e talvez ate os seres humanos, também são capazes de adquirir novos genes de outros seres vivos depois do nascimento, será algo novo para a ciência.

A líder da pesquisa, Nancy Moran, é otimista:

“Talvez esse seja um caso extremamente raro. Mas quando se fala de genomas, uma descoberta inicial geralmente é apenas um exemplo de casos mais amplos”. [Science Daily]

Autor: Rafael Alves

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

7 Comentários

  1. Existe uma espécie de molusco que vive no litoral leste dos EUA, que pode ser considerado um misto de bicho com planta, é o Elysia chlorotica, ele rouba DNA de algas e passa a sobreviver fazendo fotossíntese sem comer nada. Antes de virar um animal híbrido ele ingere as algas e usa os cloroplastos delas para fazer fotossíntese.

    Thumb up 6
  2. Claro!
    Vcs acham que esses ciêntistas vão fazer pesquisa meia boca !?
    ah fala sério..é muita prepotência dos leigos leitores!

    Thumb up 0
  3. E mais uma coisa. Eles nascem vermelhos e não nascem verdes e mudam de cor. Sacaram a diferença?

    Thumb up 0
  4. Caras , talvez vcs estão se preciptando, provavelmente eles ja levaram isso em consideração e alem do mais vcs não sabem do pq da mudança de cores nos insetos . Pois não existe apenas uma forma de fazer isso.

    Thumb up 1
  5. Concordo com squish, esses cientistas fazem umas pesquisas meia boca e já saem soltando notícias fantásticas.

    Thumb up 0
    • ”Elysia chlorotica” pesquisa isso no Google e depois volta aki manolo.

      Thumb up 0
  6. Tem cara de camuflagem o caso dos pulgões. Afinal, faz sentido ser vermelho quando se está em uma planta vermelha e verde quando se está numa planta verde! Não creio que outros animais tenham essa habilidade.

    Thumb up 0

Envie um comentário