Google quer vender eletricidade

Por , em 7.01.2010

A cada dia penso que os tentáculos do Google não tem limite. Eu estava me sentindo um pouco conspiracionista demais até descobrir que a empresa acabou de formar uma nova subsidiária conhecida como Google Energy para vender eletricidade no atacado, lá nos EUA.

Já que o Gmail é de graça, porque não eletricidade grátis!? Infelizmente parece que não é o caso. O Google Energy pretende fornecer energia limpa, livre de emissão de carbono, para não contribuir com o efeito estufa.

Talvez eles também tenha a intenção de desenvolver pesquisa no ramo, pois o Google já ajudou a criar um programa de gerenciamento de eletricidade para o seu computador, estudou a possibilidade da utilização de baterias automotivas para estabilizar redes elétricas e já se meteram com energia solar.

Quem sabe eles pretendem oferecer conexão de internet através da rede elétrica? Se eles até inventaram um celular novo, quem sabe quais idéias eles tem na mente. [Cnet]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

20 comentários

  • lucianno_frss:

    Nada a ver uma empresa de tecnologia/eletrônicos competir com uma empresa de bebidas .
    Muito sem pe nem cabeça o comentário da Dandara !

  • Ruben Zevallos Jr.:

    Já escrevi um artigo falando sobre o dominio do Google…

  • DOUGLAS:

    PELA 2º vez a google tenta fazer um bem para o mundo…espero que dessa vez deixa éla fazer…PQ sempre tem um que sacaneia e lança uma coisa quase igual… esse rastriador em tempo real vai ser 10…esse estou esperando mesmo… quero ratrea a minha sogra….

  • Marcos:

    Google = Skynet > ?

  • Gray:

    Será que para ter energia elétrica também vai precisar de convite?

  • agroloco:

    Se eu tivesse condições teria feito a mesma coisa que a Google

    investiria em varios ramos, mas sem perder o foco (ganhar dinheiro)

    os caras estão aproveitando todo seu potencial em pesquisas e sua capacidade de ganhar dinheiro, para poderem ganhar mais dinheiro.

  • Fábio:

    @Júlio

    /facepalm

  • Lochas:

    a google deveria montar zona de meretrício em todas as cidades

  • Lochas:

    A google deveria zona de meretrício em todas as cidades.

  • julio:

    A google vai crescer tanto que vai acabar perdendo o foco e, fatalmente, vai quebrar!

  • DANDARA:

    Daqui a pouco o Google irá competir com a Coca-cola…

    É só questão de tempo.

  • wander:

    muito mais rapida?? isso é fato ou é “achismo”

    pelo sei a PLC tem banda teorica de 14mbps

  • Daniel:

    É que no futuro a internet será transmitida através da rede elétrica.

  • Alisson:

    Cézar, a PLC, power line comunicacion, ou a tão comentada internet via rede eletrica foi homologada pela anatel ano passado, mas ainda está em fase de testes por ter apresentado instabilidade e ruidos nas bandas de HF e VHF em radios comerciais e radioamadores, assim como em serviço de radio militares.
    Acredito que esse ano já tenham resolvido esses problemas e sua comercialização se inicie.

  • Wagner Sutil:

    Sobre a conexão com a internet pela rede elétrica; a COPEL no Paraná já fez testes e algumas sedes da empresa só se utilisa deste metodo muito mais rapido e barato – Agora basta chegar o acesso ao publico em geral – Ficamos no aguardo!

  • César:

    Internet pela rede elétrica era um projeto de dois anos atrás, para dar internet grátis no Brasil. Não sei como ficou, alguém sabe?

  • dymmyttry:

    uhauahuaha eu apoio cada iniciativa do google, uma empresa que cresce muitoooo a cada dia q passa e sempre pensando no bem do meio ambiente… eh isso ai google.
    assim q o nexus one chegar aki no meu pai (japao) vou comprar um hehehehe

  • eduardo:

    Não sei porque, mas sempre que vejo esse tipo de notícia relacionado ao Google eu lembro da Skynet do filme exterminador do futuro…

  • Lucas:

    caramba o google realmente vai doiminar o mundo!! vender energia ja e demais, daqui algum tempo ele tambem vende moveis, imoveis e eletrodomesticos, mas que seja o google ele faz bem a populaçao

  • Bruno FV:

    hahahaha ficou um barato essa foto.

Deixe seu comentário!