Carrapatos de 99 milhões de anos sugaram o sangue de dinossauros

Por , em 14.12.2017

Carrapatos são uma praga desde sempre. “Desde sempre” significa aqui pelo menos há 99 milhões de anos. Os parasitas são verdadeiros mestres da sobrevivência, e já estavam sugando o sangue de dinossauros nessa época.

Esta informação veio da descoberta de vários fósseis preservados em âmbar e encontrados no Mianmar. Uma das amostras é de um carrapato agarrado à pena de um dinossauro voador (imagem), e é a evidência mais antiga do que esses parasitas comiam.

Carrapato de Drácula

A descoberta foi descrita como um “sonho paleontológico”, por Ricardo Pérez de la Fuente, um paleontólogo que trabalha no Museu da História Natural da Universidade de Oxford (Reino Unido). Ricardo ajudou a liderar o trabalho sobre os carrapatos que foi publicado na revista Nature Communications.

As amostras de âmbar são formadas por resina de árvore que preservam perfeitamente o que ficar preso nela, normalmente animais. Nesse caso, a descoberta foi descrita como um sonho por conter não só o parasita, mas também pistas de seu alimento.

A pena pertenceu a uma ave do grupo Theropoda, que mais tarde teve como descendentes as aves modernas. Outra amostra contém dois carrapatos juntos e pelos que pertencem a uma larva de besouro que vivia em ninhos de dinossauros. Hoje, essas larvas de besouros são encontradas em ninho de aves e mamíferos, e se alimentam de pele morta e penas. Os pelos são parte de seu sistema de defesa, e neste caso provavelmente fez com que os dois carrapatos acabassem presos quando visitavam o ninho de um dinossauro com penas.

Até hoje os carrapatos se alimentam de sangue de pássaros, então a descoberta mostra que esta relação entre as duas espécies é muito antiga.

Uma das amostras contém um carrapato cheio do sangue de dinossauro, e um pesquisador dos Estados Unidos, Scott Anderson, anunciou em um encontro de paleontologia que pretendia testar o fóssil para tentar recuperar o DNA do dinossauro. Isso não foi possível, mas pelo menos ele passou a integrar a equipe de pesquisadores ingleses.

O carrapato foi nomeado de Deinocroton draculi, ou “terrível carrapato de Drácula”. [Nature Communications, Science, BBC]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (10 votos, média: 4,90 de 5)

2 comentários

  • Paulo Felix:

    Caramba! Isso daria um ótimo filme!
    Hã? O que? Já fizeram?
    Ah é! Como fui esquecer!

  • Abelanarco Carpen Die:

    Cúmulo da alimentação: Carrapato de drácula

Deixe seu comentário!