Doença aviária está se espalhando pelo Reino Unido, matando muitos pássaros

Por , em 3.08.2011

Uma doença de aves relatada pela primeira vez no Reino Unido em 2006, que parecia estar confinada ao sudeste da Inglaterra, agora está se espalhando mais ao norte e oeste.

O vírus que afeta aves de jardim provoca lesões, muitas vezes em torno dos olhos e bico.

A varíola aviária pode ser transmitida através de alimentadores de pássaros contaminados, insetos que picam as aves e através do contacto direto entre aves.

A forma em circulação agora atinge o champim-real (Parus major). Os cientistas acreditam que o vírus é uma cepa nova e mais grave de uma doença que tem afetado outras espécies de aves por várias décadas, como ferreirinha-comum, pombo-torcaz e pardais. Pode ser a mesma estirpe descoberta na Europa Central.

“Inicialmente, os relatórios eram restritos ao sudeste da Inglaterra, principalmente em Surrey, Sussex e Kent. No último ano, vimos o alcance geográfico da doença se espalhar de forma bastante significativa, tão longe ao oeste quanto Wiltshire e tão ao norte quanto Staffordshire”, explica Becki Lawson.

“O que é diferente sobre este varíola aviária nesta espécie é que as lesões podem ser muito mais graves”, complementa Lawson. “Nos piores casos, as lesões causadas pelo vírus podem impedir os pássaros de se alimentar ou de voar, tornando-os mais vulneráveis aos predadores”.

Os pesquisadores buscam a ajuda do público para controlar a propagação da doença. Se a população colaborar com o monitoramento de casos suspeitos do vírus, os cientistas poderão ter resultados mais concretos para traçar um plano de salvamento das espécies.[BBC]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

6 comentários

  • Danilo:

    Espero que essa doença não saia da Inglaterra, pois o Brasil é o país com maior diversidade de pássaros do mundo, porém algumas estão em extinção. De alguma forma o ser humano deve ter contribuído para essa epidemia.

  • PredadorXD:

    É um sinal, é a primeira praga!!!

    • vicente:

      é a praga da mente sem cerebro

  • vicente:

    o perigo é atingir o Brasil se chegar na amazonia lasco tudo

  • José Calasans.:

    O perigo é essa doença contaminar as pessoas.

    • gabriel:

      pessoas? humanos so destroem o planeta se a gente sumir quem ganha é a natureza

Deixe seu comentário!