Ficar mais tempo ao ar livre pode prevenir miopia?

Por , em 5.08.2013

Uma série de estudos ao longo da última década descobriu que crianças que passam mais tempo ao ar livre são menos propensas a desenvolver miopia. Isso parece protegê-las, mesmo que elas façam um monte de coisas que força a vista e seus pais sejam míopes.

Uma equipe de pesquisadores australianos recentemente revisou os principais estudos desde 1993 relacionando crianças, miopia e o tempo passado ao ar livre. Eles descobriram que, em mais de uma dúzia de estudos, analisando mais de 16 mil crianças em idade escolar no total, as mais propensas a serem míopes ou desenvolverem miopia são as que passaram menos tempo ao ar livre. Alguns dos estudos posteriores também descobriram que estar ao ar livre protege até mesmo as crianças que liam muito ou tinham pais míopes. Os estudos incluíram crianças que vivem na Europa, Estados Unidos, Ásia, Oriente Médio e Austrália.

Os cientistas encontraram três estudos, compreendendo cerca de 4.600 crianças, em que não houve associação entre a miopia e o tempo passado ao ar livre. Desses três estudos, um analisava um grupo de crianças predominantemente míopes (83%) que passaram muito pouco tempo ao ar livre em geral (apenas seis horas por semana, em média). Outro estudo analisou crianças mais jovens, com idades entre seis meses a seis anos. A miopia é mais rara em crianças do que nos jovens.

Os cientistas ainda não têm certeza do porquê passar mais tempo fora de casa impede as crianças de usarem óculos. Existe alguma evidência, a partir de estudos realizados em ratos, que a luz solar pode desencadear a produção de dopamina no cérebro, o que por sua vez impede o crescimento de olhos alongados, como os dos míopes. No entanto, alguns estudos conflitantes apontam que os cientistas não podem ter certeza de que isso é o que está acontecendo em seres humanos.

Curiosamente, alguns estudos analisaram os trabalhos que forçam a vista, como leitura e/ou escrita, e mostraram que isso pode provocar a miopia. Além disso, alguns grupos de pesquisa classificam computador e tempo de TV como atividades que forçam a vista, enquanto outros não o fazem. As televisões estão longe o suficiente para que não seja necessário esticar muito o olho, enquanto o uso do computador requer cerca da metade do esforço de leitura, segundo relatórios da equipe australiana.

Alguns cientistas propuseram que olhar frequentemente para longas distâncias ajuda a prevenir a miopia. Isso soa como uma boa razão para os efeitos protetores do tempo ao ar livre, mas os estudos sobre este parecem escassos.Existem ensaios clínicos ainda em curso na China e Taiwan que estão examinando se ter aulas fora das salas pode reduzir o desenvolvimento de miopia posteriormente.

Curiosidades

A miopia é muito mais comum em crianças em alguns países asiáticos do que nos países ocidentais. Estudos de Cingapura, China, Taiwan, Japão e Coréia descobriram que cerca de 80% das crianças são míopes. Nos EUA e na Europa, são 30% e 50% das crianças, respectivamente.

No entanto, a miopia não parece ser geneticamente ligada a raça. Por exemplo, na diversidade étnica de Cingapura, taxas similares de miopia aparecem em todas as etnias que vivem lá, inclusive em pessoas de origem indiana, que são geneticamente mais semelhantes às do Oriente Médio e aos europeus do que as pessoas do Leste Asiático. Em vez disso, os fatores ambientais parecem fazer a diferença.

Outro estereótipo hollywoodiano – de que os inteligentes usam óculos – toca em cima de uma verdade: adultos com mais educação têm maior probabilidade de ser míopes. Estudos também descobriram que as crianças em Cingapura com notas dos exames mais elevadas eram mais propensas a ser míopes.

Isso pode significar que a duração ou a intensidade com que as pessoas leem e estudam pode aumentar o risco de miopia, apesar de que estudos sobre isso têm sido inconsistentes, relatam os pesquisadores australianos. [PopSci]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

1 comentário

  • Keline:

    Quando criança pode até ser que funcione, mas na idade adulta não tem como fugir se vc é propenso a ter miopia. Fui começar a desenvolver no final do ensino médio e hj está mais de dois graus e pra piorar ainda tenho quase um grau de astigmatismo, ou seja, sem óculos ou lentes não enxergo um metro a minha frente.

Deixe seu comentário!