Irá demorar um ano para limpar a área afetada pelo vazamento de químicos na Hungria

Por , em 6.10.2010

O governo húngaro estima que irá demorar um ano para limpar o vazamento de alumina – além disso, o custo estimado da operação é 10 milhões de dólares.

Até agora sabe-se que quatro pessoas morreram por causa do vazamento (extremamente tóxico), 120 foram feridas e seis ainda estão desaparecidas. Pelo menos sete vilas húngaras foram afetadas pelo vazamento, incluindo Devecser, onde o alagamento chegou a dois metros de profundidade.

A enchente arrastou carros, danificou pontes e casas, além de ter desalojado, como já comentamos neste artigo, cerca de 400 pessoas.

A área afetada, por enquanto, é de 40 km quadrados. O Ministro do Meio Ambiente húngaro, Zoltan Illes disse que o país, provavelmente, irá precisar de assistência da União Européia.

Cerca de 500 policiais e soldados estão trabalhando para conter o avanço dos químicos. Foi preciso jogar gesso no rio Marcal para impedir a progressão da inundação e as equipes de emergência tentam impedir que os químicos avancem para o rio Danúbio.

O impacto ambiental total ainda não foi estimado, mas sabe-se que é o pior desastre ecológico que já aconteceu na Hungria. [BBC]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

Deixe seu comentário!