O frango que viveu sem cabeça por 18 meses

Por , em 12.10.2013

Quando resolveu ajudar sua esposa, Clara, com os preparativos para o jantar em 10 de setembro de 1945, Lloyd Olsen não imaginava que se tornaria protagonista de uma história bizarra, que seria lembrada por décadas.

Clara queria servir um belo frango assado, e Lloyd ficou encarregado de escolher e executar a ave, usando um machado. Para o horror de Lloyd, o frango saiu correndo logo depois de ser decapitado, dando início à lenda de Mike, o frango sem cabeça.

Na manhã seguinte (depois de jantar sopa de legumes ou algo assim, provavelmente), o fazendeiro encontrou Mike dormindo com sua cabeça debaixo da asa e resolveu que daria um jeito de ajudá-lo. Como era impossível simplesmente costurar a cabeça de volta, Lloyd começou a alimentar a ave usando um conta-gotas.

Uma semana mais tarde, Mike foi levado para a Universidade de Utah, em Salt Lake City (EUA), e naturalmente surpreendeu alunos e pesquisadores.

Eis a explicação científica: o corte do machado não atingiu a jugular, e um coágulo impediu que Mike sofresse uma hemorragia; além disso, um ouvido e boa parte de seu tronco cerebral (responsável por reflexos e funções vitais) permaneceram no corpo. Golpe de sorte (ou não, já que sem a cabeça Mike não podia enxergar, e dependia completamente de seu dono para comer e beber).

Um agente ajudou Lloyd e Mike a fazer tours pelo país, atraindo milhares de curiosos que viajavam por quilômetros e pagavam 25 centavos para ver o “frango milagroso”. A história rendeu boas doses de dinheiro e reconhecimento (com reportagens nas revistas Time e Life, além, é claro, de uma aparição no Guiness, o Livro dos Recordes).

Tumblr_mbdpyiAK7h1qbz9meo1_1280

Em 18 meses de “vida nova”, Mike cresceu e se tornou praticamente uma lenda. Infelizmente, durante uma das viagens, ele se engasgou (!), e Lloyd não conseguiu encontrar o conta-gotas a tempo de salvá-lo.

Anualmente, o Mike the Headless Chicken Festival celebra sua memória. [MikeTheHeadlessChicken.org]

mike and manager - c Miketheheadlesschicken1

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (6 votos, média: 4,00 de 5)

21 comentários

  • Assinoê Oliveira:

    Absurdo total, bizarrice e maldade pura permitir que o bichinho continuasse vivo sem cabeça, ja q não conseguiu matá-lo.. Nao venham com essa que ela nao estava sofrendo.. Permitir que o animalzinho volte p a mae terra qdo está numa situaçao assim ou pior é compaixão e permitir que continue vivo é egoísmo.

  • Wilson Sousa:

    Como sempre surpreendente!

  • Henrique Telles Dos Santos:

    matéria interessante mais olha do que o frango morreu,descuidado do dono.

  • Roselio Mattes:

    mulas sem cabeças tambem podem existir

  • Gabriel Costa:

    Bom, pra início de conversa, ele não fez nada de errado!
    Ele tinha decaptado o frango para matar e comê-lo, não para deixar ele vivo e expô-lo, pois antes de tal acontecimento pensava-se que era impossível tal coisa, e só foi possível pois ele não atingiu o tronco cerebral, ou seja, apenas seu corpo estava vivo.
    O que aconteceu foi, digamos, “sem querer”. Não era sua real intenção.
    Agora, se ele pretendeu expor um “zumbi” por assim dizer, isso é problema dele.

  • Marcelo Ribeiro:

    Entendo que a imagem é pode ser perturbadora para alguns e causar indignação.

    Mas temos que observar que o frango não tinha cognição suficiente para sofrer, apenas restou o tronco cerebral, que funciona para controlar as funções vitais do corpo. Ele estava basicamente vegetando, não diferentemente de um humano em estado catatônico após demência avançada, em que apenas o tronco cerebral permanece funcionando e o cérebro mesmo já era. É, no máximo uma curiosidade olhando de maneira imparcial..

  • Sérgio Moreira:

    Essa estória é um monumento à idiotice de um homem que nao sabe arrancar a cabeça de uma galinha.

  • JOTAGAR:

    Como esta “coisa” poderia interagir com o meio ambiente com tamanha privação??

  • Cida Carniel:

    muito interessante isso…

  • Chiago Pallano:

    Bem loco isso =)
    Mas estamos numa cultura onde a bunda vale mais que a cabeça, né?

  • Chiago Pallano:

    Na natureza não tem essa de irmão animal. O mais forte mata o mais fraco. Isso é natureza, você sabe, e cá para nós, somos superiores. =)

  • Valdivino Pinheiro Safiralife:

    Quando a gente pensa que já leu ou viu de tudo, aparece uma história como esta. O hipescience é show!

  • Eduardo Luiz Luiz:

    Q crueldade deixar o bichinho viver nessas condiçoes…,sem comentarios

  • MarceloPC:

    Agora eu acredito no Homem do cavalo sem cabeça!

  • Roh Gonzaga:

    Muito Sádico..

  • JCarlos Dias:

    Estou me esforçando para acreditar…..

  • pmahrs:

    Isto é muito normal; eu conheço gente sem cabeça com mais de 50 anos.

    • Deivy Cruz:

      Comentário inteligente!

  • Luiz Alberto Rotiroti:

    Derrepente o frango assado de domingo ficou desinteressante rss.

    Se bem que (pir pir corococor) como fazia um comediante da praça é nossa para notícias, digamos, … duvidosas vai.

    • Guilherme de Souza:

      Notícia “duvidosa”? Time, Life e Guiness discordam 😉

  • O Corretor Meireles:

    Muito interessante a matéria, depois de curtir a pagina do hypescience, nao tenho mais visto páginas de revistas famosas sobre notícias, a freqüência e o nível de informações postado por vocês ê muito bom!

Deixe seu comentário!