Música clássica ajuda nas cirurgias

Por , em 29.03.2012

Médicos cirurgiões observaram que tocar música clássica enquanto operam seus pacientes pode beneficiá-los tanto que até o período de recuperação é mais rápido.

O estudo encorajou os pacientes a ouvir peças de Beethoven, Vivaldi e Bach durante as cirurgias. Frank Sinatra também foi oferecido aos que preferiam algo um pouco mais “fácil de ouvir” durante as cirurgias.

96 pacientes submetidos a pequenas cirurgias foram divididos aleatoriamente para participar de operações com música ou silêncio. Todos estavam acordados durante seus procedimentos, que incluíram a remoção rotineira de lesões na pele e a limpeza de feridas em membros superiores após acidentes.

A metade dos pacientes que ouviu música clássica durante sua operação relatou níveis de ansiedade mais baixos e respiração mais lenta do que os demais. Os médicos não avaliaram qual artista ou música era melhor para os pacientes.

“Ser submetido a uma cirurgia pode ser uma experiência estressante para os pacientes, e encontrar maneiras de torná-los mais confortáveis deve ser nosso objetivo como clínicos”, disse o cirurgião plástico Hazim Sadideen, que liderou o projeto no
Hospital John Radcliffe, em Oxford, Reino Unido.

Além do fator psicológico, existem também boas razões médicas para encorajar a música clássica. Pacientes mais calmos podem lidar melhor com a dor e se recuperar mais rapidamente.

“Este trabalho pequeno foi a primeira vez que uma tentativa foi feita para medir o impacto da música neste grupo específico de pacientes, ressaltando a necessidade de maior investigação para determinar se a música deve tornar-se parte da prática médica comum”, afirmou Sadideen. [Telegraph, Foto]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

7 comentários

  • kid redman:

    Dependendo da música clássica.. não recomendaria Wilhelm Wagner, por exemplo. Teria um efeito semelhante a um punk metal ! rsrsrs

  • José Senem Alencar:

    É,a música clássica acalma até as plantas. Gostei.

  • Flor de Lis:

    Adoro música clássica… a mim relaxa.

  • Paulo Eduardo:

    Depende se na cirurgia tocarem “Marcha funebre – Chopin” provavelmente o paciente irá fugir do hospital, he he!!

  • JHR:

    “…A metade dos pacientes que ouviu música clássica durante sua operação relatou níveis de ansiedade mais baixos e respiração mais lenta do que os demais..”
    Ou seja:
    50% tiveram reações de pouca ansiedade
    50% tiveram reações de ansiedade.
    Estatisticamente é como jogar uma moeda e escolher cara ou coroa. A probabilidade de acerto é 50% para cada lado.
    Certamente as pessoas com ansiedade baixa tiveram uma experiência de sonho lúcido, vívido ou alguma alucinação não psicótica…rsrs

    • Laércio:

      Todos foram acidentados e necessitados de intervenção cirurgica. Normal então que todos estariam com níveis diversos de ansiedade.
      Então, se música clássica acalma até animais pq não teriam o mesmo efeito com humanos?

    • Jean Carvalho:

      O problema é: que “tipo” de música clássica estava sendo tocada? O que se chama de “música clássica”, de um modo geral, compreende uma diversidade muito grande de tipos de música, que podem ser relaxantes ou estressantes, dependendo de quem ouve. Ainda se especificassem que autores eles usaram, e se possível quais obras destes autores, ficaria + fácil de julgar a questão…

Deixe seu comentário!