Olhar de culpa de cachorros é imaginação dos donos

Por , em 14.06.2009

De acordo com um estudo realizado na Universidade Barnage, em Nova York, Estados Unidos, donos de animais de estimação enxergam olhares de culpa e penitência em seus animais, mesmo quando os cachorros não tenham feito nada de errado.

Em um experimento, os pesquisadores disseram aos donos dos cachorros que eles tinham se comportado mal, pegando coisas que não podiam. Nessa ocasião, os donos afirmaram que podiam ver um olhar de culpa nos cachorros – que eram totalmente inocentes das acusações.

Os pesquisadores insistem que não há motivos para acreditar que os donos conseguem ler a linguagem corporal de seus animais de estimação.

A pesquisa mostrou que os cães tiveram a mesma expressão de culpa depois de terem levado broncas.

Alexandra Horowitz, que realizou a pesquisa, disse que simplesmente chamar o cachorro com uma expressão e tom acusatório é suficiente para que o cachorro tenha um comportamento submisso.

A pesquisa afirma que os donos apenas projetam valores humanos nos seus animais. “Os resultados mostram que o tal olhar de culpa é apenas uma resposta a uma bronca: não é expressado apenas quando o cão é realmente culpado”, afirma Horowitz. [Telegraph]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)

12 comentários

  • Pedro Mendes Cortese:

    o meu cachorro sempre que estou comendo ele fica me olhando com uma carinha,de coitado e eu nao me resisto e acabo dando um pouquinho da minha comida pra ele.Por que isso acontece,mesmo ele tendo raçao no pote dele,ele janta ou almoça mais do que eu.

    • Ravno:

      Dependendo da comida pode fazer mal a ele.
      E se você não tiver firmeza no não uma hora ele pode acabar se tornando “dominante” e começar a trazer problemas, destruindo coisas ou desobedecendo. Além do que, comendo demais ele pode ficar obeso e por ser comida humana com temperos, gordura e tudo mais, ainda pode causar alteração e mau cheiro excessivo nas fezes ou no brilho do pelo.

      Att.

  • Ravno:

    Discordo! Como disse a Daniela, só convivendo pra saber.
    Realmente tem donos que não fazem a minima idéia de como educar um cachorro…acabam “humanizando”. Mas certas formas de tratamento não mudam, seja pra animais, crianças ou outras pessoas. É firmeza e instinto.

    Além do que, o cachorro não é burro (claro que há diferença entre raças) mas eles também raciocinam…o ser humano é que se acha a “cereja do bolo” e melhor do que todos os animais…mas cada ser tem seu grau de consciência…

    Em relação a cães, pelo menos posso dizer sobre a experiência com o meu. Realmente, se você chega nervoso ou procurando alguma besteira, o cão tende a reajir esperando por algo ruim…mas se você chega tranquilo e neutro…pode estar certo, se estiver tudo tranquilo, ele vem te receber na porta, fazendo festa, mas se ele tiver feito algo pelo qual já levou bronca anteriormente…ele nem vai dar as caras, você vai ter que procurar debaixo da cama, sofá ou outro esconderijo, pois ele sabe que fez algo que não deveria.

    E pra vocês verem como esse bichinhos são carinhosos, quando há uma discussão dentro de casa, ela não se esconde de medo, pelo contrário, pula em cima de todo mundo pra lamber e acalmar os animos hehehe

    Abraços.

  • Daniela:

    Os animais tem pensamentos, sentimento, sonhos e etc.
    Convivam com um e verao…..Eu tenho um cao ha 4 anos e sei do que digo..so convivendo para saber mesmo….
    Eles sao unicos..e nao fazem as maldades que os seres humanos fazem.

    • Chiago Pallano:

      Desculpa Daniela, mas os animais também fazem maldades como os seres humanos. Inclusive matar por prazer. Apenas isto eu discordo do seu comentário =)

    • Ravno:

      Chiago Pallano, por favor, exemplifique…qual seria o animal que mata por prazer? Melhor ainda, qual o animal faz “maldades” ou que mata SER HUMANO por prazer?

      Requintes de crueldade…só o ser humano traz pra você…aff

  • ÍtaloXM:

    Augusto…concordo com você, o homem sempre foi pretencioso e sempre quer ser o centro das atenções.
    Mas até que estamos nos endireitando.
    Mas,voltando pro assunto dos cães…
    Os cães realmente fazem essa carinha quando levam bronca, mas nunca vi nenhum com olhar de culpado, e nem nunca vi um ser humano com o mesmo olhar! hoho
    Mas tem uma coisa que eu sei, minha cachorra cobre os olhos com a pata quando brigamos com ela ou então ela vira o fucinho e olha pra trás como se nem estivessemos falando com ela kk cara -de-pau

  • Augusto:

    Até quando ???
    Ser humano é egocêntrico… sempre foi e continuará sendo por muito tempo…
    A terra era o centro do universo (pq o homem vive nela)…
    Deus criou o homem a sua imagem e semelhança (quanta pretensão)…
    O ser humano e somente ele tem racicínio lógico (desmentido por primatas, golfinhos e outros animais)…
    O ser humano e somente ele tem sonhos ou pesadelos (fique olhando seu animalzinho de estimação dormir)…
    O ser humano e somente ele tem sentimentos… SERÁ DESMENTIDO JÁ JÁ… Até quando irá a pretensão do ser mais PARASITA do planeta ???

    • Zepe M.:

      Bem, mas de qualquer jeito o ser humano ainda parece o único ser racional, se não porque alguns primatas não desenvolveram tecnologia e conquistaram a terra? Porque somos nós que andamos nas ruas e eles no zoológico e não o oposto?

    • Chiago Pallano:

      Augusto, concordo com seu protesto, mas de qualquer maneira o ser humano não é parasita, é o maior predador, o dominante de tudo, gostemos ou não. Mesmo assim, somos animais, nem melhores nem piores, somos parte da natureza.

    • Ravno:

      Zepe, o ser humano continua dominado por instintos, só tem a ilusão que não. Outros animais também possuem raciocínio lógico, cada um a seu grau, outros animais usam ferramentas como o ser humano, cada um a seu grau…infelizmente o ser humano, diferente do que o Chiago Pallano falou, se separou da natureza. Para ele ser PARTE da natureza, ele deve pertencer ao ciclo do bioma e biológico, e isso mantém o ambiente em equilíbrio…o ser humano não compactua com isso…ele mata, ele gasta, ele destrói…tudo em nome de si mesmo…ele não permanece sustentável em seu ambiente como os animais daquele bioma, pelo contrário, ele extrai e desgasta ao máximo e quando aquele ambiente se esgota ele parte para o próximo e buscar outras formas de explorar para extrair ainda mais…isso é um modo de operar semelhante a vírus e parasitas (e olha que até grande parte dos vírus e parasitas sabem que não devem matar seu hospedeiro senão morrem). Sabe o que aconteceu com o último “maior predador” assim que suas presas foram extintas??? Sumiu da face da Terra…
      O ser humano não tem mais direito a esse planeta do que todos os outros seres que vivem nela…Consumimos de forma insustentável, nos reproduzimos de forma insustentável, alteramos o ambiente de forma insustentável…infelizmente ainda não aprendemos a fazer por merecer estarmos aqui, temos capacidade…aliás temos obrigação, pela capacidade que temos…mas infelizmente ainda estamos presos na soberba de nos acharmos “a jóia da coroa”…

  • Jussara:

    Antes de mais nada, gostei de ter voltado a receber hypescience novamente, voces fazem falta. Em segundo lugar, é verdade, as pessoas projetam os valores humanos nos animais. Então o certo é respeitarmos os animais como eles são, amá-los não porque fazem o que gostamos, mas por que existem como são.

Deixe seu comentário!