Os melhores vídeos e imagens da semana

Por , em 9.03.2013

Chuva de plasma no sol, capa da invisibilidade da vida real, nova Ferrari superpotente, cabeça humana dissecada mais antiga… Reveja os melhores vídeos e as melhores imagens da semana de 04/03/13:

Incrível chuva de plasma do sol é filmada em detalhes: vídeo

No sol também chove, mas não água, e sim um plasma extremamente quente proveniente da coroa solar. Um exemplo desse incrível fenômeno foi capturado por uma sonda da Nasa no dia 19 de julho de 2012, no vídeo que você confere acima. O sol estava realmente agitado nesse dia, com diversos eventos eruptivos acontecendo em sua superfície. Uma erupção solar produziu ejeção de massa coronal, que enviou luz e radiação para o espaço. O evento foi seguido de uma bela chuva coronal magnética. A cena é surreal, parecendo uma cachoeira de fogo.

Harry Potter na vida real: cientista revela “capa da invisibilidade” no TED 2013

A capa da invisibilidade do Harry Potter está prestes a se tornar real. O cientista Baile Zhang demonstrou, na conferência TED 2013 (Technology, Education and Design), que uma tecnologia comercial pode estar mais perto do que imaginamos. O que você vê no vídeo é uma demonstração que Zhang fez, usando uma pequena caixa feita de cristais de calcita (um mineral de carbonato que pode curvar a luz) para desviar a luz ao redor de um objeto – assim, qualquer coisa colocada atrás da caixa pareceu invisível para as pessoas da plateia.

Ferrari anuncia “supercarro” com 950 cavalos de força

Capaz de atingir 200 km/h em menos de 10 segundos, o LaFerrari promete dificultar a vida dos concorrentes. Anunciado hoje, o carro conta com dois motores (um V12 a gasolina, com 789 cavalos de força, para alimentar as rodas, e um elétrico com 161, para alimentar os acessórios), em um “sistema híbrido”. O chassi, feito a mão, é composto por fibra de carbono e é o mais rígido e leve que a Ferrari já criou. O “supercarro” pode chegar a 330 km/h. A faixa de preço do veículo ainda não foi divulgada, mas espera-se algo entre 1,2 e 1,5 milhão de dólares (cerca de R$ 2,35 mi a R$ 3 mi, aproximadamente).

Telescópio avista “invasor do espaço” em um conjunto de galáxias distantes

4

O telescópio espacial Hubble, da Nasa, encontrou esta galáxia espiral que parece um dos vilões do jogo clássico Space Invaders. Este formato bizarro ocorre por causa do campo gravitacional ao seu redor, que funciona como uma lente de aumento dobrando e esticando a luz distante. O nome deste efeito é “lente gravitacional”, e foi previsto pela teoria da relatividade geral de Einstein.

O bizarro e colossal peixe-lua

5-

O peixe-lua, também conhecido como mola-mola, é o peixe ósseo mais pesado que se conhece, chegando a somar 1.000 kg, em média, quando adulto. Já foram capturados exemplares com peso bem maior, como um de 1.600 kg em 1910. Nativo de águas temperadas e tropicais, ele tem poucos predadores naturais, embora os leões marinhos da Península de Monterey pareçam gostar de comer seus órgãos internos. De comportamento dócil, o peixe-lua só constitui perigo quando resolve saltar sobre um bote, o que não é tão incomum.

Nos ajude a confirmar se gatos enxergam ilusões de óptica como neste vídeo

As cobras giratórias são uma ilusão de óptica perturbadora. Enquanto você move os olhos dentro da imagem, os círculos aparentemente giram, mas quando você congela sua visão em um único ponto, as rodas param instantaneamente. Aparentemente, os gatos também enxergam as “cobras” girando da mesma maneira que nós – do contrário, porque ele estaria tentando agarrar uma imagem estática neste vídeo? Até onde sabemos, vários animais respondem a ilusões ópticas de maneira similar a nós, principalmente corujas. Veja se o seu bichano tem a mesma reação, e conte para nós!

Nosso modelo heliocêntrico do sistema solar está errado?

No vídeo acima, o músico DJ Sadhu (com base em ideias do pesquisador Pallathadka Keshava Bhat) questiona o modelo heliocêntrico do nosso sistema solar e aponta uma alternativa, o modelo “helicêntrico”, em que o sol se desloca pela galáxia enquanto é seguido pelos planetas em uma espécie de “hélice”. Preocupado com a repercussão que o vídeo ganhou na internet, o astrônomo Phil Plait decidiu desbancar a teoria apresentada por Sadhu.

Cientistas descobrem um raro “polvo beijoqueiro”

7

Muitas espécies de polvos têm o péssimo hábito de devorar seus parceiros durante o sexo. Agora, cientistas descobriram um polvo raro mais pacífico: ao invés do canibalismo, eles pressionam suas bocas às de seus parceiros, em um “beijo” íntimo. Por isso, ele está sendo chamado de “polvo beijoqueiro”, apesar de ainda não ter um nome oficial. O polvo beijoqueiro pode variar sua cor entre vermelho escuro ao preto e branco listrado, com manchas que também podem mudar de formato.

Arqueólogos descobrem mais antigo corpo dissecado humano

8

A imagem acima é uma cabeça e ombros humanos dissecados e bem preservados que remontam aos anos de 1200. Cientistas descobriram a “múmia” recentemente, o que mostra que a Idade Média não era tão “anticiência” quanto alguns estudiosos nos fazem crer – apesar da sua aparência horrível, a cabeça com certeza fazia parte de um projeto de ciência medieval e provavelmente foi usada para educação médica contínua, de acordo com os pesquisadores.

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

5 comentários

  • dudilhas monteiro:

    Todas as reportagens estão ótimas, mas aquela do peixe lua é o máximo pois eu pesco em apnéia há algum tempo mas não conhecia o propalado espécime. Parabéns pelas reportagens que são postadas aqui, são de muito bom gosto e interessantes proporcionando-nos ótimos momentos de leitura.

  • Adrian Lobo:

    esses artigos sao muito da hora ;adorei d+

  • Vera Da Ros:

    Caros
    Desde o último Boletim NÃO CONSIGO ABRIR OS VÍDEOS aparece uma mensagem com foto caricatura de pessoa de óculos e avisa que a página não foi encontrada. O que fazer?

  • José Santana:

    É díficil acreditar no que está escrito na bíblia, vendo imagens como essas.

    • ligodracir:

      Não percebi o seu comentário. Qual é a dificuldade de entender o quê?

Deixe seu comentário!