Padre acidentalmente apresenta pornografia gay para fiéis

Por , em 4.04.2012

O padre Martin McVeigh estava para começar mais uma de suas palestras, diante de 26 pais e uma criança de oito anos, quando o inesperado aconteceu. Ao conectar seu USB ao computador, para começar sua apresentação em Powerpoint, ao invés de aparecer o slide com as palavras de deus, o computador começou a rodar um slideshow com pornografia homossexual. Tudo culpa do autoplay do Windows.

Alguns pais, que estavam presentes para ouvir o padre McVeigh falar sobre Primeira Comunhão, ficaram muito zangados. E outros ficaram em choque, tal como o próprio padre. Segundo testemunhas, McVeigh ficou tão envergonhado que desconectou o drive USB e saiu do recinto sem pronunciar uma única palavra. “Eu não sei como isso aconteceu, mas sei o que aconteceu”, declarou o padre mais tarde à imprensa. “Algumas pessoas estão fazendo insinuações, mas sequer estavam lá”.

A arquidiocese de Armagh, na Irlanda do Norte, a qual o padre pertence, chamou a polícia e entregou o drive UBS para investigação. A polícia, contudo, disse aos responsáveis pela arquidiocese que não havia crime algum em assistir pornografia gay e que não havia nenhum conteúdo relacionado à pedofilia.

De acordo com o jornal local The Ulster Herald, a arquidiocese convocou uma reunião de última hora para discutir o ocorrido, já que padres gays parecem ser algo raro, segundo a visão da Igreja. [Gizmodo]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

83 comentários

  • Lucio Lopes:

    como eu digo cada vez mais estes casos, e não param???

  • Ronaldo:

    Raros são os casos de padres que não são gays ou pedófilos,por conta do celibato a maioria esconde o que realmente são!

    • Jonhn:

      Quantos padres vc conhece, para dizer que a maioria trata são pedófilos?

    • Marcos-DF2:

      Olá Johnh,
      é só ler um pouco as notícias que voce vai ver que sempre aparece algo relacionado a padres gays …
      Os pedófilos então, são nojentos !!
      E a igreja, claro, desmente e esconde os safados e os casos.
      Abraços

    • MILTON:

      Que absurdo afirmar que a maioria do padres são gays ou pedófilos!!! Quanto preconceito.

    • Emerson Novais:

      Boa observação. Não é de hoje que existem inúmeras denúncias de padres envolvidos com escândalos sexuais e pedofilia. Notícias sobre o assunto são fartamente denunciadas pela imprensa.

    • Guilherme de Souza:

      Eu queria saber de onde as pessoas tiram essa “informação” de que a maioria (ou pelo menos muitos) dos sacerdotes é composta por gays ou pedófilos…
      Aliás, se casamento solucionasse a pedofilia, não teríamos casos de pais que abusam sexualmente de seus filhos

    • Alex Lima:

      Primeiro, pedofilia não entrou em questão. Segundo, ser gay não é nem um crime. Terceiro, procure se informar direito sobre como a igreja vê a questão da homossexualidade.

  • Bruno Marques:

    Não vejo mal algum!
    O padre estava fazendo mal a alguém?
    Seu erro (grave) foi não guardar direito seus documentos privados!

    Agora é uma besteira achar que padres não tem desejos sexuais, tanto padres heteros quanto homossexuais.

    Se eles guardam tais desejos para sí próprios e os reprimem de maneira razoavelmente efetiva, já são dignos de respeito!

  • Gilberto M.:

    D.R., não me leve a mal, mas esses números que você apresentou está mais para um desejo de limpar a barra dos padres católicos do que para dados confiáveis. Não estou aqui defendendo ninguém, nem pastores protestantes, nem padres. Mas citar números como se fossem verdadeiros, qualquer um pode fazer. Difícil mesmo é fazer uma pesquisa séria sobre um tema tão delicado como a pedofilia. D.R., pessoas mentem, sabia?

  • D. R. – A VERDADE POR TRÁS DA PEDOFILIA:

    E para quem acha que isso é problema somente da Igreja Católica ou por causa do celibato, apresento um PESQUISA ESTARRECEDORA que mostra que em outros meios religiosos e profissionais as estatísticas são BEM MAIS GRAVES:

    “… Segundo os estudos de Philip Jenkins, se se compara a Igreja Católica dos EUA às principais denominações protestantes se descobre que a PRESENÇA DE PEDÓFILOS é – dependendo das denominações – de DUAS A DEZ VEZES MAIS ALTA ENTRE OS PASTORES PROTESTANTES do que entre padres católicos. A questão é relevante porque mostra que O PROBLEMA NÃO É O CELIBATO: a maior parte dos pastores protestantes é casada. No mesmo período em que uma centena de sacerdotes americanos era condenada por abuso sexual de menores, o número de PROFESSORES DE EDUCAÇÃO FÍSICA e TÉCNICOS DE EQUIPES ESPORTIVAS JUVENIS – também esses em sua maioria casados – julgados culpados do mesmo delito pelos tribunais americanos ATINGIA OS SEIS MIL. Os exemplos poderiam continuar, não só nos EUA. E, sobretudo, segundo os relatórios periódicos do governo americano, cerca de DOIS TERÇOS DAS DOENÇAS SEXUAIS de menores NÃO SÃO TRANSMITIDAS POR ESTRANHOS OU PROFESSORES – incluindo padres e pastores protestantes – MAS POR FAMILIARES: padrastos, tios, primos, irmãos e infelizmente também pais.

    Dados semelhantes existem em muitos outros países. Embora seja pouco politicamente correto dizer isto, há um dado que é muito significativo: MAIS DE 80% DOS PEDÓFILOS SÃO HOMOSSEXUAIS, machos que abusam de outros machos. E – para citar ainda uma vez Jenkins – MAIS DE 90% DOS SACERDOTES católicos condenados por abuso sexual de menores e pedofilia SÃO HOMOSSEXUAIS.

    Se na Igreja Católica houve de fato um problema, este NÃO FOI O CELIBATO, mas uma certa tolerância em relação ao homossexualismo nos seminários, particularmente nos anos 1970, quando foi ordenada a grande maioria de sacerdotes posteriormente condenados pelos abusos. É um problema que Bento XVI está corrigindo vigorosamente. O retorno à moral, à disciplina ascética, à meditação sobre a verdadeira, a grande natureza do sacerdócio são o antídoto definitivo contra as tragédias reais da pedofilia. …”

    INFELIZMENTE, ESSA É A ESTARRECEDORA VERDADE POR TRÁS DA PEDOFILIA!!!

    • Danilo M.:

      não,você está enganado está mais comprovado que mais de 80% dos casos de pedofilia são cometidos por HÉTEROS muitos ligados á alguém da família,pode então meu amigo se informe antes de sair comentando bobagens!!!Pode procurar isso em qualquer site pra você se informar melhor.

    • Jonatas:

      A pedofilia é um ato abominável venha de onde vier venha de quem vier, esse desejo é uma aberração que deve ser evitada com todo o rigor, de qualquer pessoa, não importa raça, posição ou crença.

    • Danilo M.:

      concordo plenamente com sua opinião,muitos gays não tem um comportamento decente e não tem a menor falta de respeitos e escrúpulos e que eu acho que alguns são uma vergonha pra sociedade e é claro tem muitos gays pedófilos por aí assim como héteros,mas o que eu não acho justo é jogar praticamente toda a culpa pra cima dos gays como se fossem os grandes culpados por esse tal ato aboninável!!!

    • Kibbutz:

      Qual a fonte dessa pesquisa?

  • D. R.:

    Não vou aqui defender padres pedófilos ou homossexuais que realmente causam muito mal à toda sociedade e à Igreja, abalando a fé de muitas pessoas.

    Porém, devemos lembrar que esse problema não ocorre somente na Igreja Católica e sim em todas instituições religiosas e várias entidades civis. Porém, infelizmente, a mídia geralmente só dá destaque aos casos que envolvem padres.

    A Igreja, por ser uma entidade aberta, entra tanto o bem intencionado como o ‘lobo em pele de cordeiro’. Entre os próprios discípulos de Cristo, um deles era Judas o traidor e nem por isso ele o expulsou.

    E o ‘lobo’ vai aonde a ‘ovelha’ está: seja em qualquer religião, no escoteirismo, no militarismo, na pediatria, na educação física, na família, etc. Em qualquer profissão ou meio onde há ‘presas fáceis, aí vai o ‘predador’ em busca de suas vítimas. Por isso, os pais nunca devem confiar em ninguém, seja padre, pastor, médico, dentista, professor (principalmente de educação física), padrasto, parente, amigo, etc. Pois tais pessoas são verdadeiros psicopatas com muita habilidade de representar e se passar por ‘cordeiros’ mansos; quando, na verdade, são ‘lobos’ espertos e vorazes!

    • Sammael:

      “D. R. / 8.04.2012
      Não vou aqui defender padres pedófilos ou homossexuais que realmente causam muito mal à toda sociedade e à Igreja, abalando a fé de muitas pessoas.”
      Como assim? quais os problemas que uma pessoa gay pode trazer a sociedade? Ligar pedofelia ao homossexualismo é um erro no mínimo estupido, pode existir uma correlação, pois alguns homens abusam de meninos, mas e os que molestam meninas?
      Cara, tire essa essa venda dos teus olhos. Religião não faz bem a ninguém, só faz a pessoa se passar por estúpida como você fez perfeitamente. ‘-‘

  • Elton:

    Quando vcs chegarem à um consenso, me chamem!

  • JHR:

    o padre não tem culpa..foi o satanas que colocou o video la….ehehe

  • Marcos-DF:

    Olá a todos !
    Quando olho uma foto de padre com as mãozinhas postas e cara de anjo já vejo ali um gay pedófilo !
    Para mim são seres nojentos, igualmente à igreja que os protege quando são descobertos !
    Esse assunto me causa nojo !
    Abraços a todos e boa Páscoa !

    • Paulo Eduardo:

      Nossa maluco você fugiu da era medieval?!!

    • Alex Lima:

      Você anda por aí olhando fotos de padres pedófilos??? Vai se tratar ma!

  • Paulo Eduardo:

    É o windows abrindo a janela da verdade, he he!!

  • Neander Tao:

    Por que o espanto? Primeiro: as religiões são uma farsa e todo esclarecido sabe disto. Segundo: a questão é de irresponsabilidade, hipocrisia e imoralidade. Terceiro: uma instituição onde há este tipo de falha não tem inspiração vinda de cima, desqualifica todo seus ensinamentos. Quarto: piores do que o padre são seus líderes que o consagraram. Quinto: piores que seus líderes são os frequentadores da congregação que continuam a acreditar numa instituição altamente duvidosa (esta e todas as religiões, pesquisem por si mesmos). Sexto: isto é Hyperciência? Sétimo: tenho mais o que fazer do que alimentar meu ego com aprovaçõezinhas. Melhor falar a verdade do que ter seguidores e autosseguidores. Esta coisa de aprovar ou desaprovar é alimentar o ego, por favor, NÃO me cliquem.
    Neander sabe! Neander diz!

    • Jomário Gama:

      Pois é, aconteceu! O padre, que não deixou de ser homem quando virou padre, tinha um desequilíbrio sexual!
      Que coisa, não?
      Mas fazer insinuações acerca da Igreja ou de qualquer outra religião a partir disso tem nome e sobrenome: BURRICE DAS GRANDES!
      E ao que teceu o comentário anterior:
      Pense mais! Muito mais!

    • Bruno Coelho:

      Amigo vai ler nietzsche e entender como as instituições religiosas e fé atrasou a humanidade, é claro que cada vez mais algumas religiões estão mais esclarecidas, também pudera né, tamo no seculo XXI!!! e cada vez mais seus dogmas caem por terra, leia assim falou zaratustra se vai ficar um pouco triste mas vai te fazer bem depois.

  • Igor:

    Se fosse pornografia normal já seria constrangedor, mas pornografia gay ai eh pra fude tudo, eu sou ateu mais concordo que um cara desse não pode ser padre, pois independente da opção sexual o padre deve praticar o celibato.

  • Anomimos:

    Padre gay raro? De que multiverso estão falando?

    • Danilo O:

      Gays… não pedófilos.

    • hcs:

      Existem inúmeros padres que estrupam crianças do sexo masculino, isso não é ser gay???

    • Denis:

      Tente entender, ser gay não é ser pedófilo, uma coisa não tem nada a ver com outra! Um homem (HÉTERO)pode estuprar e arrasar com a vida de umA meninA e não um meninO. Sempre pensam: “é pedófilo pq é gay”. Erro! Ser gay é uma coisa, ser pedófilo é outra totalmente diferente!O gay tem uma orientação sexual diferente da estipulada pela atual sociedade, e como o ser humano odeia a diferença, atribui à homosexualidade todos os tipo de coisas vis (ME ADIMIRO A GUERRA DO IRAQUE E ORIENTE MEDIO NÃO TER SIDO ATRIBUIDA AOS GAYS ‘_’)enquanto o pedófilo se compraz tendo sob julgo pessoas indefezas e faceis de dominar, crianças, isso é um desvio comportamental doentio. Então não confunda, gay é uma coisa e pedófilo é outra.

    • JOÃO:

      E A PURA VERDADE PADRES GAYS PEDOFILOS E OS CAMBAOS TUDO UMA CORJA DE SALAFRARIOS, ELES ERAM PARA PREGAR A PAZ O AMOR E A HARM0NIA E O Q FAZEM?? PORNOGRAFIA C FOSSSSE EU EESTARIA PRESO MAS ELE É UM POBRE PADRE PODRE.

  • Vagner:

    No mínimo engraçado… no máximo uma de muitas igrejas cheias de falso moralista!

  • Rone100theone:

    É 99% de chance que as cenas no pen drive foram parar lá por ele mesmo, o Padre que por descuido não deletou. O celibato dos mesmos ajuda nisto tudo. É um dogma que a bíblia não ensina. É invenção de homens. Interesante é que a própria bíblia predisse que este ensino falso viria pelas mãos do homens ” o proibir o casar-se “.

  • Jorge Humberto e Santos:

    A culpa não é do Autoplay Windows. Descuido e irresponsabilidade deste cidadão que antes de tudo é padre deveria perder a condição de sacerdote. Essas e outras autoridades públicas nunca deveriam errar, porque elas são exemplos e exemplos costumam serem seguidos. Mas a sociedade por ser menos esclarecidas e ingênuas perdoa tudo, o que nunca devia acontecer, pois estar em jogo o destino da conduta humana na face da terra, É serio esta questão, isso é para que o povo pense antes de dar votos de confiança a quem vai conduzir tal comunidade. Pensando bem vamos fazer uma investigação técnica; porque aquelas imagens estaria no drive USB do padre? Se ele não tem tendências homossexuais seria um tipo de documento que nunca deveria estar ali naquele objeto. Ele pediu emprestado a quem? Ele peca automaticamente porque nenhuma justificativa foi dada naquele momento, (como disse a reportagem) porque aqueles arquivos estariam ali, que seria para fins de estudo ou porque ele gosta da coisa mesmo e se ele fosse hetero logo, estariam lá imagens de mulheres nuas. Esse tipo de autoridade ‘Padre’ depois de formado deve tratar somente de assunto da igreja e de evangelização espirituais é o seu testemunho e não de assuntos carnais, quer dizer a sua atitude não condiz com o seu testemunho. Que tipos de pessoas cresceriam numa comunidade sob a orientação de um falso moralista? As autoridades julga o cidadão quando ele erra e quem julga a autoridade quando ela erra? Como no país dele não tem democracia fim de papo. Porque tanta violência no seio da vida e em todos os seguimentos sociais devidos o mau testemunho principalmente por autoridades é ai que a coisa pega para o cidadão comum, porque é só ele que vai para cadeia. A humanidade moderna precisa rever os seus conceitos a respeito de faculdades religiosas e políticas. Abusos a dignidade humana são constantes, tanto de forma introspectiva causada pelo próprio sujeito, como a expectativa causada a outros por promessas, principalmente por autoridades e ninguém percebe a gravidade do problema e da coisa ou por falta de visão ou por inconveniência. Se exemplos desses tipos continuarem impunes, à humanidade ficará doente e o oxigênio da Língua que une as pessoas perderá o sentido e ai nenhum fenômeno acontecerá mais no homem, porque não existirão fôlegos para as pessoas pensarem, quando ninguém respeitar mais ninguém em qualquer circunstancias.

    • Gracy:

      Jorge, independente do que aconteceu, eu só vou te perguntar uma coisa: VOCÊ NUNCA ERROU? Todos nós, simples mortais, somos EXEMPLOS pra alguém… sejam nossos pais, nossos filhos, sobrinhos, amigos, parentes, e até mesmo, e principalmente, para aqueles que estão à nossa volta, sejam vizinhos ou colegas de trabalho.
      Eu fico com a Biblia: Aquele que nunca pecou, que atire a primeira pedra.
      E esse padre já foi punido: vergonha é uma das formas mais peculiares de se aprender algo. Ele deve sim, ser perdoado e mudar sua prática, seja sexual ou religiosa.

    • Jorge Humberto e Santos:

      Gracy, Sim eu nunca errei e nunca devo errar, posso fazer alguma coisa errada por não saber fazer a coisa certa é diferente de você fazer realmente a coisa errada. Tipo roubar, mentir ou viver sob dupla personalidades. Esse tipo de comportamento ao meu é uma doença que parece se alastrar. A vida nunca perdoa o tempo para o homem, se ele passa não volta mais. É como nossa idade, como nosso corpo e nossa caminhada e experiência com a vida, precisa ser definida e certa, nós não devemos viver na condição de alguma situação hipotética, principalmente dentro da gente, de nosso coração e da mente, devemos viver sobre a condição da verdade sem que haja desconfiança entre as partes a dignidade passa a fazer mais bem para a saúde do que para o status. E esse estado de guerra que vive a sociedade, promovido pela força do poder e do dinheiro em especial as pessoas muitas delas ficam doente facilmente e querem se dar bem e estão errando por conveniência e não por não saber trabalhar ou pensar. Ai é que tá o problema. Se você quer ter direitos reservados na sua integridade, você não pode concordar ou perdoar autoridades que roubam ou corrompe as leis e as relações interpessoais. Você se contenta viver enganada a vida toda?

    • ULISSES:

      SEMPRE TEM QUE APARECER UM FANÁTICO CEGO PARA DEFENDER ESSE TIPO DE GENTE. A IGREJA CATÓLICA ENTRE TODAS AS RELIGõES, É A MAIS HIPÓCRITA E ALÉM DO MAIS, TODOS SABEM QUE DENTRO DELA EXISTE SIM GRANDE NÚMERO DE PEDÓFILOS E HOMOSSEXUAIS E QUE ELA FAZ TUDO PARA ABAFAR E ESCONDER A VERDADE.

    • Jomário Gama:

      E sempre tem que aparecer um fundamentalista pra condenar o cara.
      Aposto que você é infalível, impecável!
      tsc!

    • Jomário Gama:

      E outra coisa:
      Se você procurar em fontes corretas, vai encontrar a postura da Igreja em relação a casos de homossexualismo e pedofilia na cometida por padres!
      PROCURE!

    • Evandro Eloy:

      Realmente ele errou e foi punido, mas punido quanto? Vergonha?
      Punido são os fiéis que vão a igreja “se confessar a ele”, punidos são as pessoas que têm fé e por esta fé são achovalhadas por um impropério realizado por um idiota que se diz padre e não tem coragem de “sair do armário!”

    • Denis:

      só há um pequeno detalhe Gracy que vc esqueceu: Errar é uma coisa, assinar em baixo do erro é outra. Errar todo mundo erra como vc mesmo diz, mas vc eskece que ele é responsável por orientar a comunidade local!Veja que não estou falando de religião, estou falando de MORAL!Que moral tem uma pessoa dessas de dar sermões?De criticar ou se antepor ante uma situção, sendo que ele próprio faz justamente o oposto, agora digo pra vc um outro proverbio que Cristo disse tambem: “Como tendes a falar do entrave nos olhos de seu próximo, sendo que os teus são bem maiores”.
      Ele tem todo o direito de errar, desde que o erro não entre em conflito com seu “ser”.Se ele matou eu vejo como uma falha, um erro pq existem inúmeras situações que fazem pessoas de boa indole e sadias moralmente cometer tais ações, cada caso é um caso;Agora note que estamos falando de sua natureza enquanto ser humano:”Ser gay ou não”. Veja que isso causa polêmica por se tratar da natureza humana, não um erro e sim uma condição natural do indivíduo.Note: Sou padre, sou gay, logo não posso, moralmente falando, levantar a bandeirinha da “moral e bons costumes” pq kerendo ou não a igreja diz que ser gay é pecado e afeta a moral e bons costumes, entãos e sou padre não posso ser gay, mas, se sou, o que fazer?Facil, deixo de ser padre e sou eu mesmo!Não tenho moral de levantar o dedo a um gay e dizer: “vc é pecador, impuro, e blá blá,blá ” SENDO QUE EU MESMO gosto da fruta :/

  • Roberto:

    Que gracinha… Se parecem com gente mas não são homens nem mulheres. Apenas se parecem com gente, que até poderiam ter sido, mas decidiram que ser gente é nojento, então que sejam bichas, mas não aprontem porque a batata pode assar de repente.

    • Andhros:

      A parte que você é revoltado com a vida eu entendi, mas explica a parte da batata assada?

  • JP:

    aiuhauihauihaihiahia
    Deve ter sido MUITO constrangedor.

    Mas é um bom preço a pagar:
    – Por se manter numa Instituição que fere seus interesses, em troca de poder e dinheiro;
    – Por condenar publicamente algo, que sua mente e corpo desejam;
    Enfim… por se vender e fingir que é, o que não é.

  • MaisOutroCara:

    O que mais tem no meio da “padraiada” é homossexual, fato!

    • Sebastião:

      isso com certeza

    • Neander Tao:

      Pastorada tbm. Fatos.

  • thiago:

    De acordo com o jornal local The Ulster Herald, a arquidiocese convocou uma reunião de última hora para discutir o ocorrido, já que padres gays parecem ser algo raro, segundo a visão da Igreja

    Ironia aki eh mato heim

  • alx:

    ACHO QUE VOCES CONFUNDIRAM O NEGOCIO AI… ACHO QUE ESSE PADRE AO INVES DE FALAR MAL DOS HOMOSSEXUAIS, ELE ERA UM DELES, PORQUE ELE NÃO IA FICAR COM ISSO NO PC POR ACASO

  • telmo flores:

    porra, fiquei curioso agora…que será que tinha de novidade na pornografia gay do padre? kékékékéké, a viadagem tá tomando conta mesmo…pobres mulheres…quáquáquáquáquáquá

  • nght:

    Sei não, ele saiu envergonhado ao invés de ficar furioso ou em choque, Não estou dizendo que alguém pôs ou não as fotos para incriminar o padre, mas também existe a linha de que ele mesmo tenha posto e feito a acusação para não ficar mal falado.
    é possível.

    • André Lucas:

      É um tipo de coisa que não deveria causar espanto aos mais esclarecidos e bem informados! A pratica do homossexualismo esta arraigada no clero há muitos séculos, conforme registros seculares. Na verdade, o que causa espanto é como um padre pode esconder tão mal algo que comprometeria sua posição, uma vez que optou por tal ofício religioso. Deus deu o livre arbítrio ao homem, portanto se este quiser praticar o homossexualismo,o bestialismo, a fornicação, a idolatria, o assassínio, o roubo, entre outros, ele esta livre para o fazer, porém colherá seus frutos. Mas o que indigna é um representante de Deus fazer exatamente aquilo que é condenado pelo ELE! Que Deus tenha misericórdia!

    • JP:

      O problema não é “ser homossexual”.
      O problema é ser padre homossexual.
      Se é pra ser padre, seja um bom padre, cumprindo tudo aquilo que a Igreja prega. Não tenha desejo sexual, se reprima, não se masturbe, não veja pornografia. Quer fazer essas coisas? Então seja honesto consigo mesmo, e com os outros, deixando o clero. Largue a batina, vá trabalhar como um cidadão comum, lutar pelo sustento e pela sobrevivência.
      O que mais incomoda, é ver que aqueles que ditam as regras, são os primeiros a quebrá-las.
      É muita hipocrisia… mas, não vou reclamar. Vou agradecer. É essa hipocrisia que faz as pessoas abrirem os olhos e deixarem de lado, as Instituições falidas e fadadas ao completo fracasso. Amém.

    • ULISSES:

      REPRESENTANTE DE DEUS? QUE DEUS QUE ELE REPRESENTA? O DE SODOMA E GOMORRA?

  • César:

    Engraçado, não?
    A igreja é a primeira apontar o dedo e dizer que o homossexualismo é coisa do diabo. Mas são esses hipócritas mentirosos que são os primeiros a praticar o homossexualismo. O mais interessante é que nessas horas eles nao procuram a justiça e os padrões deles, sim o da policia.

    • akin:

      homossexualismo é coisa do diabo?quem te disse isso?O homossexualismo é escolha de homens e mulheres homossexuais e ponto ,Deus não se mete nas nossas escolhas pessoais.Essa conversa aí é coisa de gente preconceituosa ,que usa a máscara da religiosidade.

  • Jonatas:

    É… a questão é justamente religiosa, eles é que decidiram o destino do título do padre, porque judicialmente nada grave ocorreu, como diz no texto, e de fato foi um acidente, pode acontecer com qualquer um, um descuido. Mas dados os preconceitos e preceitos desse meio religioso, sua credibilidade já era.
    Dizer que é raro padre gay, podem até ser raros, mas são seres humanos como qualquer um e uma pessoa não escolhe seu desejo sexual, ele vem de sua natureza, enquanto não agredir ninguém não haverá nada de errado.

    • Jardel:

      muito bem colocado

    • Ivo Teixeira:

      É como as questões de abusos sexuais a menores praticadas por padres e membros da igreja católica (sem separatismos, também ocorrem em outras religiões), pelo que alguns membros do Vaticano afirmam, alguns desses casos já eram conhecidos pela Diocese e mesmo assim ignorados judicialmente. Porque é que vocês acham que houve uma queixa na polícia?
      -Porque a maioria dos que estavam na sala eram adultos e não crianças, se isso tudo se passasse com meninos(as) de 8 anos vocês acham que ia acontecer o quê? No máximo um julgamento interno da “Santa Diocese” (que diga-se de passagem, de Santa não tem muito) como vem acontecendo ao longo de muitos anos, não só com a pedofilia mas também em casos de furtos, assédio sexual e outros.
      O Vaticano julga estes casos em Tribunal “interno” sem seguir com processos judiciais formais como a lei nos obriga. Agora eu pergunto, são só esses tais individuos que cometem tais crimes e horrores que são os culpados, ou toda a “igreja” em sí? Porque afinal, “tanto é ladrão o que rouba, como o que fica de vígia”
      Isso é compactuar com criminosos!

    • Cláudio:

      Muito sensata sua opinião Jonatas. Essa é a realidade, nua e crua.

    • Fernando Oliveira:

      Na verdade, concordo com o JP, o problema nem tanto é por conta do conteúdo homossexual, mas de este estar num dispositivo do Padre.
      Concordo que cada um possui ou desenvolve uma sexualidade distinta influenciado por diversos fatores podendo ser mais comum ou não, entretanto, ele (o padre) se dispôs a estar inserido num contexto em que claramente não é permitido esse tipo de prática (homossexual) e deixando de lado a hipocrisia o mais sensato seria que o referido abster-se do celibato e da batina para corresponder a sua “natureza”. Outrossim, não será que ele luta contra si mesmo em acreditar que este sentimento é “demoníaco” e prefere continuar exercendo seu sacerdócio para de certa forma extinguir ou diminuir estas vontades e amenizar suas práticas homossexuais perante DEUS? Não seria isto ainda mais profano e ilegal religiosamente (“catolicamente” mais especificamente), além de ir contra os princípios morais e cair na auto-hipocrisia e para com os outros (melhor dizendo, os fiéis)?
      Ainda creio que as pessoas possam se auto-afirmar quando bem definidas, resta saber a definição do padre. Para ele (ou qualquer outro que seja contra isto) práticas homossexuais, normal e aceitável é difícil, ou será que é aquela história… “FAÇA O QUE EU FAÇO, NÃO FAÇA O QUE DIGO!”?

    • Neander Tao:

      O quê? Pode repetir? O padre não agrediu ninguém? Em primeiro lugar agrediu o nome do Deus dos fiéis e que ele próprio jurou respeitar. Agrediu uma instituição milenar que tenta desesperadamente desvincular o celibato do profano justificando-o. Agrediu uma criancinha que estava presente, senhoras e casais. Vc não sabe o que significa aquela batina? Os votos, os anos de estudo para ser consagrado, sua própria consagração? Agrediu o nome de uma instituição! Como podem concordar com um comentário irresponsável destes? Francamente, ou vc tem seguidores artificiais, é vc próprio ou vc é um sério candidato à político. Francamente, não se tem discernimento nestes comentários. Apoia-se, então, por falta de cultura e/ou comodismo. Mais zêlo com suas opiniões internautas! Somos gado mesmo!

    • Jonatas:

      Sei muito bem o que significam, uma instituição com um histórico brutal de mortes por motivos políticos e intolerantes ao longo de séculos usando o nome de Jesus, uma instituição que foi uma das maiores vergonhas da história da humanidade, e uma vergonha ainda maior ao legado do Cristo.
      Muitos católicos traem seus próprios princípios, apontam o dedo em acusação até hoje como se fossem autoridades do mundo, pregam o perdão, mas recusam a da-lo a um membro seu como esse padre, que foi vítima de um descuido que pode acontecer com qualquer ser humano. Não importa quais bens tenha feito anteriormente essa pessoa nem vidas que tenha salvado, seu erro lhe custará toda a sua carreira e por sorte de viver nos dias de hoje não lhe custou a morte, porquê? porque religiosos intolerantes pensam que são perfeitos, e que podem julgar em nome de Deus.

    • ULISSES:

      TÁ ERRADO, NÃO É BEM ASSIM, VC É MAIS UM CATÓLICO FANÁTICO A DEFENDER ESSA HIPOCRISIA DA SANTA SÉ.

    • Jonatas:

      Muito pelo contrário, a intolerância religiosa proveniente do fanatismo é tudo contra os meus princípios. Eu falei desse padre do ponto de vista humano, ele é um ser humano, que cometeu um descuido, certamente foi ofensivo aos devotos e ao meio social presente, certamente, mas judicialmente, não fez nada demais, ele não teve intensão, e não feriu ninguém.

    • Absolluto:

      É Jonatas…. Mas um dos objetivos das religiões é exatamente dogmatizar o erro naquilo que é natural; Ou, até mesmo, profanar a natureza em nome do ego de seus deuses egocêntricos.

    • Jonatas:

      Sim, as religiões tentam mascarar erros como a pedofilia cometida por padres, não por se importar com os padres, mas sim com a imagem da igreja. Pode ver que judicialmente esse padre não cometeu nenhum crime, apenas um erro sem intensão, mas a santa inquisição o mataria, ele tem sorte de viver no mundo de hoje, mas mesmo assim, sua carreira foi pro brejo. Interessante essa posição religiosa, tão pregadora do perdão…

    • Denis:

      “… ele vem de sua natureza, enquanto não agredir ninguém não haverá nada de errado…” Mas aí que mora o problema amigo colaborador, eles são doutrinados para agredir!Principalmente aos homosexuais,não digo agredir fisicamente (que aliás essa forma de agressão é até menos dolorasa que a outra, mas agridem moralmente, incitam à rejeição, segregação.Vc raramente vai ver um padre tendo um dialogo como esse: “É gay, ahhh tudo bem, não tem problema não!”.O padre Marcelo Rossi por ex, no domingo legal qdo ele foi se apresentar para cantar impôs uma condição: “só me apresento se tirarem o Jorge Lafond do palco” (ele estava lá no dia)então tiveram que remover ele do programa para que ele ficasse e o jorge teve que ir embora.Isso saiu na internet é só procurar no google
      Aí te pergunto:”Como que fica a situação de um ser humano que é doutrinado, ensinado a agredir outros seres humanos cuja orientação sexual difere do “senso comum” sendo que ele próprio faz parte dessa categoria?”

  • Vanderlei:

    Uma pergunta a pessoa que selecionou esta matéria? QUE TIPO DE RELAÇÃO ESTE CONTEÚDO TEM COM CIÊNCIA?
    o item “g” das regras para comentar deveria ser aplicado a quem publica também: discussões cíclicas inúteis. a por favor hein!! mais critério!

    • Thulio Moura:

      Mal ai crente, mas o padre pisou na bola e todos tem o direito de expressar sua opnião.

      Não acho errado padre ser homosexual e essas coisas não é novidade.

      O que eu acho errado eh homosexual poer casar na igreja, pois isso eh uma tradição que nao existe na biblia, e a justiça forçar a permitir esse tipo de coisa eh um absurdo. É ferir uma tradição.

      Eh a mesma coisa que obrigar os indios ao inves de fazerem a dança da chuva, escreverem uma poesia. A tradição eh deles eh um absurdo obrigar tal coisa a ser feita fora da tradição.

      Muito boa a materia.

    • Emerson Brito:

      E é tradição padre ser homossexual ???

      Você está se contradizendo !!!

    • Thulio Moura:

      Amigo relia o o qu escrevi! Eu disse que pior do que um padre ser homosexual eh eles casarem homosexuais.

    • Emerson Brito:

      Você disse que o problema é “ferir a tradição”, mas padre ser homossexual é normal.

      Mas ser padre homossexual não “fere a tradição” ?

    • Matheus:

      acontece que com tantas matérias boas para colocar no site, foi colocada uma dessas!
      porque não colocam uma matéria sobre descoberta a cura para tal, sabem que deixe ambos os lados satisfeitos.
      caramba!

    • Fernando Oliveira:

      Interessante é que o slogan diz assim: “O UNIVERSO EM UM CLIQUE”, o que será que tem nesse tal desse Universo hein?!

  • Victor:

    Aposto que esse padre falava mal dos homossexuais e pagava de santo para a comunidade!

  • Emerson Brito:

    O que acho errado é a igreja tentar (quase sempre) encobrir o ocorrido, simplesmente tirando o padre daquela arquidiocese.

    São inúmeros os casos de padres pervertidos que continuam, em outras cidades, na vida religiosa como se nada tivesse acontecido.

  • Renys Kenys:

    Existem infelizmente Pastores charlatões e Padres safadinhos.

    • Andy:

      Talvez sua frase fosse mais bem colocada se fosse assim: Existem felizmente alguns padres e pastores que nao sao charlatoes e safadinhos

    • Ingrid:

      Andy penso que vc esta errado… se conhecesse o mundo Cristao nao ousaria falar isso… acho que devemos pensar para falar…

    • Flor de Lis:

      E eu penso que você não entendeu o Andy…

    • Leia direito:

      Axo q vc poderia ler bem direitinho antes de opinar..

Deixe seu comentário!