Pássaros de verdade enviam mensagens pelo Twitter

Por , em 3.05.2011
Uma revista da Letônia achou que era injusto que os pássaros não pudessem tuitar. Afinal, o microblog foi nomeado em homenagem ao som emitido pelas aves (“tweet” em inglês significa “pio”; “twitter”, portanto, seria o lugar onde esses pios são emitidos). Além disso, ainda existe o pássaro azul, símbolo da rede social. Por isso, a publicação letã decidiu configurar um serviço que lhes permite partilhar os seus pensamentos com o mundo. 

Voldemars Dudum, o fundador do site BirdsOnTwitter.com, sempre foi um grande amante dos pássaros grande, e enquanto alimentava-os de gordura de porco durante um inverno, ele teve a brilhante ideia de dar-lhes a oportunidade de twitar por eles mesmos. Ao fixar pequenos pedaços de carne de porco sem sal em teclas do teclado, as aves conseguem postar suas próprias mensagens na rede social.

A gordura é ligada às teclas com pequenos parafusos de aço inoxidável que aumenta a sensibilidade dos toques, uma vez que os pássaros usados no experimento são leves demais para pressionar uma tecla normal com seus bicos. A foto a seguir mostra o teclado adaptado para a função de dar voz aos passarinhos.

A estação dos tuítes das aves está montada na pequena aldeia de Sarnate, a 200km da capital Riga. No inverno da aldeia, as temperaturas podem atingir congelantes -20 graus Celsius. Comer gordura de porco ajuda os pássaros a sobreviverem a temperaturas adversas, e agora ainda lhes dá a chance de enviar mensagens para todo o mundo.

As aves letãs enviam cerca de 150 mensagens no Twitter, em média. Entre as mais populares estão pérolas como “lololol”, “wowowow” ou “aiaiai”. Pode não perecer lá muito interessante para você, mas saiba que os pássaros já são seguidos por outros 760 usuários do Twitter. [OddityCentral]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

4 comentários

Deixe seu comentário!