Pessoas solitárias têm menos massa cinzenta na área “social” do cérebro

Por , em 28.10.2012

Como explicar o abismo entre os tímidos e os desinibidos? Será que a natureza dá a algumas pessoas o “dom” de ser sociável ou existe um fator neurobiológico por trás da questão? Pesquisadores da Universidade da Califórnia (EUA) se inclinam para a segunda opção. De acordo com um estudo recente, a solidão está associada ao menor desenvolvimento de uma área específica do cérebro.

O estudo foi conduzido pelo cientista Ryota Kanai, que no mês passado publicou uma interessante tese vinculando o número de amigos no Facebook ao aumento de certas regiões cerebrais. Este mesmo conceito, segundo a nova pesquisa, se aplica aos amigos da vida real.

Uma habilidade essencial a uma pessoa sociável, de acordo com os pesquisadores, é a capacidade de interpretar o olhar, os sinais visuais e as expressões das pessoas com quem se interage. Por isso, uma boa medida de sociabilidade é medir tal capacidade em cada cérebro.

Eles reuniram 108 voluntários adultos e pediram a eles que preenchessem um questionário sobre a própria sociabilidade, em que descreviam suas relações com amigos e colegas. Em seguida, os participantes passaram por uma tomografia, para que os cientistas estudassem a estrutura cerebral de cada um.

Com os dois dados em mãos, os pesquisadores passaram ao teste prático. Cada voluntário deveria olhar para uma tela de computador com três rostos humanos e determinar qual dos três estava com os olhos desalinhados, quem estava olhando para a direita e quem olhava para a esquerda.

Na maioria dos casos, descobriu-se o seguinte: quanto melhor o desempenho neste teste, maior a quantidade de matéria cinzenta (a parte, digamos “útil” do cérebro, que aglomera os neurônios) no sulco temporal superior posterior (pSTS, na nomenclatura em inglês) do cérebro. Trata-se de uma região que, por estudos anteriores, já se sabe estar ligada não somente à sociabilidade, mas ao altruísmo.

Os cientistas teceram, portanto, a relação entre estes três fatores: a massa cinzenta no pSTS, a habilidade de interpretar o olhar das pessoas e o nível de solidão de uma pessoa são proporcionais. Quanto mais massa cinzenta no pSTS, mais sociável a pessoa tende a ser.

Como ser menos solitário

Para os menos afortunados em matéria cinzenta no pSTS, uma boa notícia: essa condição pode ser neurologicamente alterada. O sulco temporal, como qualquer outra área do cérebro, pode ser fortalecida artificialmente se for estimulada da maneira correta.

Segundo os cientistas do estudo, a tendência à solidão pode ser curada com treino. Basta que os psiquiatras desenvolvam treinamentos mentais voltados para esse objetivo. Antes que haja algo muito sólido nesse ramo, eis o que você, leitor solitário, pode tentar fazer: se esforçar para identificar melhor as expressões faciais das pessoas com quem interage. Vai que dá certo… [Medical Xpress/UCL News/Epoch Times]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)

11 comentários

  • Guilherme Amorim:

    eu sou solitário, mas é mais pq eu quero!

  • Jana Almeida:

    Eu sou solitaria sim, mas acredito q já faz parte da minha personalidade, pq apesar de ter quase -0 amigos eu me relaciono bem quando encontro uma pessoa legal, (que por sinal tá raro) e tento começar uma amizade.

  • Fernando Sevzatian:

    EU um pouco solitario e nao consigo conversar com os outros no facebook. Uma pena, pois as empresas valorizam a sociabilidade, se voice nao save libar bem com seus colegas de trabalho voce e boicotado no emprego. Esse foi um breve desabafo. Abraco a todos.

  • samuel Alencar:

    Creio que essa pesquisa tem fudamento,as pessoas solitárias tendem até mesmo sentir-se mal com a presença de outras ao redor.

  • Marcelo Cardoso Cardoso:

    “leitor solitário”.

  • Jose Manoel Castro:

    Não acredito muito nessa teoria, mas facil um homem ficar na solidão do que uma mulher se encontrar na situação da moça da foto(que por sinal muito linda).

    • Krypthus:

      Nessa sociedade feminista, sempre colocam a mulher na situaçao de vitima, e como voce falou, 99% dos solitarios sao homens, uma mulher linda como essa da foto nunca seria solitaria, qualquer homem popular iria querer namorar com ela e facilmente introduziria ela em seu grupo de amigos, ja um homem solitario nao tem essa sorte, a foto da moça nao condiz com o tema do texto.

  • Eduardo Madeira:

    Nunca me sinto mal por não falar com todas pessoas “pela frente”, só não gosto muito quando não falo com alguém que deveria conversar. Pessoas muito sociáveis são superficiais e apresentam um método pré-estabelecido para efetuar a conversa, são muito previsíveis e sem nenhua atitude inovadora, a maioria dos seus comentários são feitos a partir do senso comum, como por exemplo comentar algo que você está usando ou fazendo, usam de piadas repetidas, usam jargões ultrapassados, contam fatos que ocorreram com eles que não fará diferença para mim, e ainda por cima nem sequer é engraçado, fala sério… se quero esse tipo de informação eu compro algum jornal regional do interior da Croácia, tão relevante para mim quanto essas conversas.

    • Ana Mary:

      Só não devemos generalizar ok!

  • Reynaldo Andrade:

    Se eu tenho um monumento destes , pra que eu quero massa cinzenta.

    • Gabriel Ueta:

      Tá cego???

Deixe seu comentário!