Quer conversar com seus tataranetos, mas não sabe se chega lá? Crie um clone digital!

Por , em 20.10.2010

Uma empresa chamada Interllitar criou um software que permite que você deixe aos seus herdeiros um “clone digital”. Basicamente, é um vídeo interativo que responde perguntas com respostas baseadas em sua personalidade.

A Interllitar passa algumas horas filmando você e fazendo gravações de voz, buscando pegar imagens e sons que imitem sua voz. E o programa não apenas dá frases ensaiadas quando ouve perguntas de uma determinada lista, mas realmente cria frases próprias usando sua voz e os dados que possui sobre você.

Como você pode ver pelo vídeo abaixo o resultado é meio estranho, mas a proposta não deixa de ser interessante:

Apesar de não ser a solução ideal para preservar sua memória e orientar seus tataranetos sobre o que espera deles, o programa pode servir para propósitos educacionais. Cientistas famosos podem, por exemplo, tornar-se acessíveis ao público deixando que o software responda perguntas por eles, mesmo após sua morte. [PopSci]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

17 comentários

  • Hedeson:

    Gostei demais! Até achei o site:
    http://link.brightcove.com/services/player/bcpid27979966001?bctid=641811324001
    Site de empresa: http://www.intellitar.com/

    Vou ver se isso vai alem de interessante.

  • People!:

    Quero ver meu neto mim perguntando como que eu fiz isso! rs…

  • Marcelo:

    Aquele filme “Eu, Robô” tb tem algo assim, com aquele fazendeiro de Babe falando com Will Smith, mesmo após ter morrido.

  • Pedro Martins | glugu:

    já pensou? O tataranetinho pergunta: Oi vovô ??? tudo bem com vc?
    Aí seu holograma responde: mais ou menos…aqui tá um calor infernal…rsrsrs ² uhashuuhashuuhasuhuas

  • Cesar:

    Já fizeram isto com Albert Einstein. Ou quase. Há um simulador de Albert Einstein, onde todas as idéias do gênio foram gravadas, a partir do que ele escreveu. Você pode fazer perguntas sobre a vida particular dele e o que os biógrafos conhecem está lá respondido. Pode perguntar sobre as idéias dele sobre paz e guerra, por exemplo, ou então sobre a Teoria da Relatividade, Mecânica Quântica. Se a sua pergunta foi catalogada e tem resposta, o “Einstein virtual” responde. Só não consegui encontrar a matéria sobre o assunto…

  • jess:

    Muito legal parabéns pela materia

  • jackson_lourenço:

    muito legal, pena eu nao ter conseguido ver o videeeoooo buuuááááááá.

  • michel:

    isso q seria algo bom pra ter nas escolas!!.

  • Bugman:

    No futuro vai ficar que nem a série Caprica. vamos transmitir todas nossas memórias para um computador, dar nossa forma a ele e dar a habilidade de pensar por si só. Resumindo, teremos um clone virtual só nosso!

    Estou ansioso pelo futuro!

  • Betty Cires:

    Achei uma ideia muito bacana! Eu mesma adoraria poder ver e falar com meus antepassados… Vamos perdendo as memórias da nossa família no tempo e no espaço… o que considero uma pena.

  • Inossaf:

    Isso não é novidade. O Jor-El já fazia isto com o Kal-El desde a década de 60…
    rs

  • Edu:

    já pensou? O tataranetinho pergunta: Oi vovô ??? tudo bem com vc?
    Aí seu holograma responde: mais ou menos…aqui tá um calor infernal…rsrsrs

  • flavio:

    Concordo, essa ferramenta sera bastante usada num futuro proximo.

  • Manuel Bravo:

    Uma boa forma de passar para os descendentes o caráter e a ética familiar para manter a honra e o prestígio.

  • claudemir da silva:

    é interessante mais devemos nos se preoupar com coisa mais uteis

  • LUNA:

    sinistro, é como no filme do super man. Isto é muito bom e interessante!É o começo para uma grande evolução, apartir daí será tudo em hologramas.

  • Antonio Tacito de Souza e Silva:

    Prefiro ainda ficar com os métodos convencionais…ou seja…
    fica tudo na memória/saudades

Deixe seu comentário!