Russos garantem que o Abominável das Neves existiu

Por , em 26.10.2011

Pesquisadores de várias entidades da Rússia resolveram se reunir para transformar um mito em realidade: eles buscaram evidências de que o Ieti (ou “Abominável Homem das Neves”) realmente existiu. Nenhum homem, até hoje, conseguiu provar que o Himalaia foi de fato habitado um dia por um gigante filho de um rei macaco com uma ogra, como diz a lenda. Mas os russos garantem ter achado uma “prova indiscutível”.

As tais provas, basicamente seriam duas: mechas de cabelo e grandes pegadas na neve. O suficiente, segundo os pesquisadores, para colocar as possibilidades de existência do Ieti em 95%.

O Ieti teria habitado, em tese, partes da China, Nepal e Rússia, por onde passa a Cordilheira do Himalaia. Apesar disso, a maioria dos pesquisadores se concentrou na China e Nepal em busca da fera. Mas fizeram suas descobertas em uma caverna na própria Rússia, nos arredores da cidade de Kemerovo (próxima à Mongólia).

Trata-se de uma criatura grande, mas nem tanto: estima-se que o Ieti pese entre 100 e 200 quilos, tenha não mais do que dois metros de altura, seja musculoso e coberto de pelo ruivo ou escuro. Não confunda com outro ser mítico, o “Pé Grande”, que se assemelha mais a um macaco e é muito maior. O Abominável Homem das Neves seria realmente mais próximo de um homem do que de um animal.

Outras expedições, ao longo das décadas, já informaram ter encontrado vestígios do “monstro”. A maioria delas foi feita por escaladores ou “sherpas” (nativos que trabalham como guias de montanha) durante um percurso. Ou seja, as descobertas não forma feitas por pessoas que viajaram com esse objetivo.

Um dos poucos que tentou isso foi o desbravador Reinhold Messner, que chegou a escrever um livro sobre o assunto. Mesmo depois de sua expedição, no entanto, ele não é convencido da existência real do Abominável das Neves. As demais pesquisas, como esta última dos russos, acharam pistas como pegadas na neve ou pedaços de cabelo, mas nenhuma delas passou fase da suposição. E do ceticismo. [Life’sLittleMysteries]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4 votos, média: 5,00 de 5)

52 comentários

  • Marco Santos:

    Que diferença faz de o Ieti existe ou não? Que diferença fará se um OVNI aterrizar no meio da praça da república amanhã? eu vou ter que vir trabalhar do mesmo jeito! e continuar a pagar minhas constas, e as doenças não vão desaparecer nem os problemas…AMEM…

  • curioso:

    Então o Chapolin estava certo todo esse tempo.

    O Abomineve Homem das Naves Existe! Fujam para as colinas…

  • cristiano:

    se vc nao acredita em deus e um direito seu mas deus existe sim

    ta e o criador do ceu e sa terra e ele ja colocou os cientistas na terra pra poder tra zer informaçoes para nos

    ferreira se vc nao acretida o problema e seu nimguem te pergumtou se vc acredita ou deixa de acretitar vc so comentou isso pra aparecer

    so uma coisa se vc vai falar merda então nem comenta ta beleza:(

  • nml:

    O cético frequentemente é alguem que por PRÉ-CONCEITO já vem com uma opinião formada sobre algum assunto, sendo que muitas vezes o próprio pensamento deste já vem manipulado a se limitar e não crer nem ante a possibilidade, uma vez que é muito mais fácil desacreditar sem motivos do que QUESTIONAR, INVESTIGAR, PROCURAR, BUSCAR INFORMAÇÃO do que RACIONALIZAR. Teoria do Menor Esforço Mental.

    • Nik:

      “Teoria do Menor Esforço Mental”, curti… vou me lembrar disso.

      Grato pela informação!

    • curioso:

      Esse que vos fala seria o pseudocético, o atoa. A única “certeza” que o cético carrega consigo é que ele se trata de um ser que nada sabe.

    • Eu:

      Valeu a pena ler 😉

  • Pedro:

    É so um ator disfarçado que foi contratado pelo governo da região pra atrair mais turistas.

    • Nik:

      É uma boa hipótese.

    • Jonatas:

      plausível…

  • Marte:

    Como assim existiu? O verbo deveria estar no presente.

  • Ana Luiza:

    Monstro é o ser humano e nenhum outro.

  • josias:

    Não consigo lê o artigo completo, sempre durmo.

    • Paulo Ricardo:

      Você não consegue LeR. Por favor vamos tentar manter, pelo menos, o português básico em ordem. (:

  • Lucyano Valdez:

    Um DNA dessa pelagem ia bem, né? Dizer que existe sem provar…

    • Elda:

      Luciano Valdez, você está coberto de razão, pra quê existe o teste de DNA? não é para tirar toda dúvida?
      como as pessoas gostam de espalharem mentira….
      esse são pesquisadores barrelas.

  • Romário Huebra:

    Depois dessa matéria e desses comentários, eu naum duvido nem qe bicho papão exista.

  • Jonatas:

    Talvez encontremos a resposta pra estas questões não em mistérios e misticismos, mas na paleontologia. Certa vez li sobre uma espécie de primata préhistorico similar a um gorila com mais de 3 metros, um encontro ocasional com seus ossos ou alguma marca sua já levantaria muitos mitos.

    Se existir os abomináveis, baseado na pesquisa da reportagem, tenho um palpite: O Homem de Neandertal, a descrição de corpo forte e atarracado bate e ele era adaptado ao frio, talvez tenha sobrevivido em terras frias enquanto nossos ancestrais migravam pra terras quentes, e ainda permaneça num estado nômade, o que atrazou o desenvolvimento de sua inteligência e sociedade. O que pensam ser pêlos poderia ser uma casaco de peles de urso ou de lobos.

    • eduardo:

      Cara é uma boa hipótese…. bem observado o casaco de peles…

    • Jonatas:

      É Eduardo, e as pessoas da região quando vêem o bixo saem correndo sem ter tempo pra analisar. E ainda se estiver nevoado ou nevando fica ainda mais dificil definir o que se está vendo de verdade.

  • eduardo:

    Prova mesmo ninguém viu… pegadas e pelos não são provas, são indícios….
    Acho que os pelos deveriam passar por uma análise clínica antes dessa notícia ir pra mídia…

  • MAGOADO:

    Eu acredito em quase tudo….!!!

  • Espectro:

    Essa notícia vem do Pravda, jornal russo prá lá de sensacionalista. Não existe prova nenhuma, não existe nome de cientistas envolvidos e nem teste de DNA do suposto pelo. Veículo de baixa credibilidade + falta de informação = mentira.
    Acreditem se quiserem, mas daí aceitem também OVNIS, ETs, Anjos, combustão espontânea humana, deus, copa do mundo no Brazil, etc…

  • André:

    As criancinhas vão acreditar.

  • felipebleichvel:

    CUIDADO se você achar um jogador da seleção de Voleibol russa, ruivo, cabeludo, e que calce n° 50, pode ser o abominavel homem das neves. CUIDADO este monstro pode: triturar seu cérebro em vários pedaços, arrancar seu figado, arrancar sua coluna e comer suas tripas como se fosse espaguete, devido ao que aprendeu com sua mãe OGRA.
    mas torça para que ele não use os ensinamentos de seu pai O REI DOS MACACOS, pois poderá te matar você de susto com inumeras caretas ou lhe fazer cocegas até a morte.
    RESUMINDO: se for a visitar a Russia ou países perto da cordilheira do Andes, não compre ingressos para qualquer jogo de volei ou basquete e outras atividades que exigem grande altura como 2m, ou cabelos ruivos.

    • Henrik:

      ta doidão mesmo…

    • Nik:

      “A PIOR COISA que uma pessoa sem graça pode fazer é TENTAR ser engraçado.”

    • Glauco:

      Heheheh, o problema é que o Abominável Homem das Neves é herbívoro :P.

      Se vc quer um monstro ruivo, grande, com garras e antropófago, recomendo o Mapinguary.

    • Jonatas:

      Eu tenho medo desse mapinguary, a descrição aponta uma criatura grotesca, bizarra, assustadora. Ainda bem que aparece mais pro norte do país.

    • eduardo:

      Pelo menos nós sabemos que os trolls existem…..

  • Afonso:

    Como já aqui foi dito, já houve seres reais parecidos com esses seres relatados de homem das neves e pé grande. Cientificamente concluiu-se que se extinguiram, e será pouco provável que seres de tão grande porte nunca tenham sido encontrados vivos, ou restos mortais recentes, e eles continuarem por lá. No entanto, já em África, havia uma espécie de macacos (se não me engano) que a determinada altura se concluiu que se tinham extinguido devido a algumas dezenas de anos não se ter encontrado qualquer indivíduo, no entanto, há poucos anos voltaram a encontrar um grupo dessa espécie.

    • Jonatas:

      Os Símios de Bombo?

  • Halanna:

    O que me assuta mais é o monstro que cada um traz em si…
    =X

    • Ulisses:

      Existe monstro pior que um psicopata disfarçado de bonzinho e educado?E um pedófilo sempre pronto a atacar um criancinha desprotegida?Existe?

    • Nik:

      Ulisses, eu aprendi a nunca duvidar do que um ser humano é capaz de fazer então eu afirmo que existe sim, mas também não quero saber quem, como ou por quê… :\

  • Vixi!:

    Monstros não existem, existem animais, de características assustadoras, ainda desconhecidos pelo homem

  • Ze da Feira:

    Haja Vodka

  • FB:

    Havia um primata já extinto que era enorme, o Gigantopithecus que deve ter vivido até há 100 mil anos atrás. Vivia pelos lados da China e Índia.

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Gigantopithecus

    http://www.mhhe.com/socscience/anthropology/image-bank/kottak/chap06/kot37055_0607ta.jpg

    Será que se terão mesmo extinguido? 🙂

  • Glauco:

    Eu acredito em monstros!

    A dificuldade em se comprovar a existência desses animais é que eles são muito reservados, se afastam e se escondem na presença de qualquer humano. A maioria dos encontros ocorre justamente com os shelas e com os monges de alto nível tibetanos pois ocorrem por coincidência durante suas expedições, principalmente quando estão à procura de ervas medicinais raras. Famílias de Ietis já foram vistas por eles, mas assim que avistados eles tendem a se esconder. Essa regiões são tão inóspitas e secretas que vai ser difícil uma comprovação irrefutável de sua existência.

    • FB:

      Monstros em si faz parte da mente humana.

      (Aguando que as minhas mensagens sejam aprovadas pela moderação…)

    • Glauco:

      Depende do ponto de vista.

    • Glauco:

      Pq vc ainda não me viu ao vivo! Boto muita gente prá correr na rua!

    • Nik:

      Dessa vez tenho que concordar contigo, Glauco. Apesar da raça humana ter “infestado” todo o planeta ainda existem muitos lugares intocados pela própria, e se existem milhares de espécies de animais desconhecidas ainda então… até isso é possível.

    • Ze da Feira:

      Como eu consigo colocar minha foto no lugar destes monstrinhos ?

    • Nik:

      Aqui vai um ótimo tutorial que achei e salvei nos favoritos, caso alguém precisasse:

      http://www.tutoriart.com.br/avatar-padrao-em-comentarios-como-criar-uma-conta-gravatar/

    • Ze da Feira:

      Valeu Nik !! Olha como eu fiquei bonito

    • Ze da Feira:

      Gostei.

      ô Nik ai emcima, você abriu a caixa de pandora , isso aqui vai virar uma bagunça, vamos ter saudades dos monstrinhos. kakakaka

    • Nik:

      Para aqueles que gostaram do tutorial eu peço, por favor, para nele votarem positivo na esperança de que este tutorial seja visto por mais pessoas! xD

      Desde já, grato. 🙂

    • Har:

      eu acredito que se existem mesmo não é dificil encontra-los.. com toda essa tecnologia que o homem possui eu acho que podem sem encontrados facilmente para tirar logo essa questão da cabeça das pessoas ( existem ou não) mas por tras disso há sempre aqueles que preferem esconder a verdade por certos motivos financeiros , religiosos…

    • Nik:

      Olha, sinceramente eu acho que seria melhor se não descobrissem nunca mesmo… seria terrível para eles.

      Veja só, golfinhos são animais “amados” pela sociedade, são inteligentes e dóceis… não tem medo de interagir com os humanos e ainda por cima geram lucro com shows e filmes, MÃÃÃS ainda sim lá no Japão há um “massacre anual” de golfinhos ONDE É POSSÍVEL VER O MAR VERMELHO DE TANTO SANGUE!

      Muitos caçadores já devem ter sonhado em caçar seu próprio “Abominável das Neves”, quem sabe para fazer um casaco e exibir para os colegas enquanto conta uma história “emocionante”… desabafei. -.-‘

  • Lola:

    Ora, ninguém nunca viu Deus mas todos acreditam nele!…por que não acreditar nessas criaturas também?até hoje nunca foi errado acreditar em algo improvável!

    • ferreira:

      Tem muita gente que não acredita em Deus e eu sou uma delas.

Deixe seu comentário!