Veja o que 100 mil volts fariam com a carne humana

Por , em 1.06.2016

Um corpo humano ou uma carcaça de porco podem ser usados em simulações de acidentes ou agressões, mas há uma forma melhor ainda para determinar os efeitos de impactos, cortes ou queimaduras na carne humana: gel balístico. Ele tem uma densidade e viscosidade semelhantes ao do músculo humano.

Andy, do canal do Youtube Photonicinduction, mostra como a carne humana reage a uma descarga elétrica de 100 mil volts. Com 25 anos de experiência com eletricidade, ele dedica seus vídeos a apresentar experimentos envolvendo eletricidade a engenheiros elétricos e pessoas com interesse no tema. Sim, seu hobbie é eletrocutar objetos para a alegria dos fãs.

Nesse experimento, ele começa aplicando uma voltagem baixa no gel balístico, e vai aumentando lentamente. Por volta dos 250 volts, a parte metálica do condutor de eletricidade corta o gel como se fosse manteiga. Com 2.500 volts, o gel começa a derreter com muito barulho. Com 100 mil volts, é possível ver raios percorrendo o gel.

Claro que a letalidade da eletricidade não é determinada apenas pela voltagem, mas também pela amperagem e ohms, e a condutividade do gel balístico também pode ser discutida. Mas este vídeo deixa bem claro como a eletricidade é impressionante.

Muitos chamam os experimentos de Andy de perigosos e muito inseguros, mas desde que começou seu canal, há oito anos, ele ainda não explodiu sua casa ou se fritou, então acreditamos que ele saiba o que está fazendo. Não tente reproduzir seus experimentos, no entanto. [Sploid]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (3 votos, média: 4,33 de 5)

2 comentários

  • Diogo Felipe Siedschlag:

    Tensão, corrente e obrigado.

    • Fofao:

      Tensão, corrente E resistencia…

Deixe seu comentário!