No futuro, seu cocô será colorido

Publicado em 11.04.2011

É isso mesmo que você leu – mas não se preocupe, o seu cocô não será tingido por motivos “estéticos”. A cor dele indicará se você tem ou não problemas de saúde.

Essa cor toda vem de uma bactéria E.coli modificada geneticamente e batizada de E. Chromi. A empresa responsável por isso, a Co.Design, espera que a bactéria indique mudanças na constituição das fezes, como químicos nocivos ou sinais de alguma doença.

Basicamente, tomaríamos a bactéria como em um leite fermentado cheio de “lactobacilos vivos”. As bactérias se instalariam no seu organismo e deixariam suas fezes coloridas. E as cores do cocô (disponíveis na foto acima) indicariam o que há de errado com seu organismo.

Agora, temos que concordar que teríamos várias conversas constrangedoras. Imagine chegar no trabalho e comentar a cor do seu cocô com os colegas! [LiveScience]

Autor: Luciana Galastri

é jornalista. Viciada em livros, lê desde publicações sobre física a romances de menininha do estilo "Crepúsculo". Toca piano desde os oito anos de idade e seu estilo de música preferido é o metal.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

20 Comentários

  1. ” – E ae Jony , como é que vai?
    – Tudo bem , ontem eu fiz um coco verde , fiquei muito feliz”
    kkkkkkkkkkk

    Thumb up 11
  2. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK só o que me faltava. mas vai ser bom até, pelo menos nao tem que ta indo fazer exames sempre!

    Thumb up 3
  3. hdsahdshadhsaudhuah comentar a cor do cocô no trabalho, so falta essa moda pegar por pura frescura.

    Thumb up 2
  4. Quem sabe sua fossa vira um arco-iris, dai voce vai la e pega o pote de ouro. QUE CAGADA HEIM!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Thumb up 8
  5. Ah….quem garante que essas bactéria não vão causar nenhum efeito colateral no nosso organismo? confio nisso não!

    Thumb up 10
  6. No futuro, seu cocô será colorido
    eu pensei que foi um erro de digitação esperava “fezes sei lá”
    mais quando li a parada toda vi q era COCÔ mesmo!

    Thumb up 6
  7. Eu me pergunto qual seria o efeito psicológico das pessoas ao ver que o rio de onde é coletada a água, que mais tarde é tratada para ir para as torneiras e ser consumida “in natura” ou na feitura de alimentos, ficar com uma cor que indique envenenamento e substâncias tóxicas mil…

    Que venha a E. chromi, talvez ela faça o que campanhas de conscientização pelo uso racional da água e de preservação de mananciais não fizeram até hoje: apontar para o homem que ele está envenenando os rios.

    Thumb up 30
  8. MUito inteligente mesmo.. seria um otimo avanço em diagnosticos e deveria se estender em varias linhas. Tomara que isso nao sirva somente p doenças diagnosticaveis com exame clinico basico ja que cada vez mais os medicos somente e fixam em resultados de exames e nao no exame clinico q é soberano ou deveria ser ainda mais com tanto erro de laboratorio.. enfim esperar e ver.

    Thumb up 8
  9. esse com a cor roxa ai da foto, alerta que ele esta com um fiofó bem grande! hehehehehehehehehehe

    Thumb up 4
  10. Examinar o cocô é muito importante, sua textura , cor , cheiro , se boia ou afunda , se marca o vazo ou passa direto, se esta muito duro pu mole.

    As pessoas tem preconceito de olhar seu cocô após defecarem o que é um grande erro. sempre que possível dê uma boa olhada antes de dar descarga, e de vez enquanto cutuque com um pauzinho para olhar dentro. Quando for consultar um médico não deixe de passar todos os detalhes do seu bolo fecal para ele , isso pode te levar a diagnosticar uma doença precocemente. só não prove, não há necessidade.

    Thumb up 21
  11. Invenenamento por radiação: “Fiz um número 2 ontem pela noite que brilhava no escuro!”

    Thumb up 46
  12. Só faltava essa…logo depois dessas pulseiras coloridas olha o que eles inventam. Pra mim só a “idéia” do auto-diagnóstico que é interessante. De “resto”…

    Thumb up 1

Envie um comentário