Ainda não foram encontrados alienígenas por 12 motivos

Em 1950, uma conversa durante o almoço abriu o caminho para décadas de exploração astronômica. O físico Enrico Fermi reuniu seus colegas ao redor da mesa e lançou algumas afirmações, resumidas como: 1) A galáxia é muito antiga e muito grande, com centenas de bilhões de estrelas e provavelmente planetas mais habitáveis; 2) Isso significa que deve haver tempo mais do que suficiente para que civilizações avançadas se desenvolvam e evoluam pela galáxia.
Então, onde diabos estão eles?

Este argumento simples, porém poderoso, tornou-se conhecido como o Paradoxo de Fermi, e ainda hoje é uma perturbação para pessoas que se dedicam a estudar o tema. Os alienígenas devem ser comuns, mas não há provas convincentes de que existam de fato.

Aqui estão doze possíveis razões para isso:

1. Não há nenhum alienígena para encontrar.

Por mais improvável que pareça em uma galáxia com centenas de bilhões de estrelas e até 40 bilhões de planetas do tamanho da Terra em zonas habitáveis, podemos estar sozinhos.

2. Não há vida inteligente além de nós.

(Isso pressupõe, é claro, que os humanos se considerem inteligentes.) A vida pode existir, mas pode simplesmente assumir a forma de micróbios minúsculos ou outros animais cosmicamente “silenciosos”.

3. As espécies inteligentes não possuem tecnologia avançada.

Atualmente, os astrônomos usam radiotelescópios para ouvir atentamente o céu noturno. Então, se as espécies alienígenas não estão transmitindo sinais, nunca saberíamos que existiam.

4. A vida inteligente se autodestrói.

Seja através de armas de destruição em massa, poluição planetária ou doença virulenta fabricada, pode ser a natureza de espécies inteligentes se suicidarem, existindo por pouco tempo antes de deixarem a vida.

5. O universo é um lugar mortal.

No tempo cósmico – pense que a galáxia existe há bilhões de anos – a vida pode ser passageira. Tudo o que é preciso é um único asteroide, supernova ou explosão de raios para tornar um planeta vívido em um ambiente sem vida.

6. O espaço é grande.

Só a Via Láctea tem 100.000 anos-luz, por isso é concebível que os sinais emitidos por alienígenas inteligentes, que se limitam à velocidade da luz, simplesmente não tenham nos alcançado ainda.

7. Não temos observado por tempo suficiente.

Oitenta anos. Essa é a faixa de tempo aproximada em que os radiotelescópios nos permitem detectar sinais alienígenas. E estamos procurando ativamente sinais extraterrestres por talvez sessenta anos. Isso não é muito tempo.

8. Não estamos procurando no lugar correto.

Como mencionado anteriormente, o espaço é grande, então há milhões de regiões em que podemos ouvir sinais alienígenas. Se não estamos ouvindo precisamente na direção a partir da qual um sinal é originário, nunca o ouviremos. Como Andrew Fain explicou no Universe Today, é como tentar falar com seu amigo em um rádio CB de 250.000.000.000 de canais, sem qualquer conhecimento da frequência em que estão transmitindo. Você provavelmente ficará procurando o canal certo por um longo período de tempo.

9. A tecnologia alienígena pode ser muito avançada.

A tecnologia de rádio pode ser comum aqui na Terra, mas em mundos distantes, sociedades extraterrestres podem se desenvolver tecnologias de comunicação mais avançadas, como sinais de neutrinos. Talvez não possamos decifrar as tecnologias deles ainda.

10. Ninguém está transmitindo.

Em vez disso, todos podem estar ouvindo. Isso funciona basicamente da mesma forma como é aqui na Terra. Além de alguns esforços insignificantes para transmitir sinais fortes através de uma estreita faixa de frequência em direção às estrelas, mal conseguimos conhecer nossa própria presença no Universo. Na verdade, se os extraterrestres dispõem de radiotelescópios semelhantes aos que temos na Terra, nossas emissões de televisão e rádio só seriam detectáveis até 0,3 anos luz de distância. Essa distância não ultrapassa nem os limites mais distantes do nosso sistema solar.

11. A Terra não está sendo contatada deliberadamente.

Na Terra, temos políticas de contato com povos indígenas, por exemplo, e é possível que o mesmo aconteça conosco. Assim como no Star Trek, as sociedades alienígenas avançadas podem impor regras que limitam o contato apenas a espécies que alcançam um elevado grau de evolução tecnológica ou cultural.

12. Os alienígenas já estão aqui e nós simplesmente não percebemos isso.

Os teóricos da conspiração adoram essa improvável explicação. Embora as chances sejam remotas, não é impossível que as agências governamentais escondam a presença de alienígenas. Embora seja mais provável que os alienígenas já estejam entre nós, observando a humanidade com a aparência inteligente e irônica de ratos de laboratório.[Real Clear Science]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (26 votos, média: 4,85 de 5)
Curta no Facebook:

7 respostas para “Ainda não foram encontrados alienígenas por 12 motivos”

    • Por que não tem evidência. Pode ser que não tenham alienígenas por aí, e estejamos sozinhos neste enorme desperdício de espaço chamado de “Universo”, mas para aceitar esta hipótese como verdadeira precisa mais do que apenas propor ela…

Deixe uma resposta