Aperto de mão firme é sinal de vida mais longa

Por , em 12.09.2010

Segundo cientistas, se as pessoas reclamam que seu aperto de mão é muito forte, isso é um bom sinal: sua vida, provavelmente, será mais longa.

Pesquisadores da University College of London compararam o equilíbrio, a força do aperto de mão e a habilidade de se levantar de uma cadeira de pessoas mais velhas com o risco que elas tinham de morrer de forma prematura. Aqueles que se saíram melhor tinham uma saúde melhor, no geral.

De acordo com os cientistas, esses testes simples podem ajudar médicos a identificar pessoas saudáveis daquelas que devem ser investigadas em busca de alguma doença.

A pesquisa, que analisou, em maior parte, pessoas acima dos 60 anos, descobriu que aquelas com o aperto de mão mais fraco tinham 67% a mais de chances de morrer mais cedo do que aquelas com a mão mais firme e forte.

Em outras comparações, outras ligações similares foram encontradas: os idosos que caminhavam mais lentamente,por exemplo, tinham o triplo de probabilidade de morrer mais cedo do que aqueles mais ágeis.

Mesmo que os resultados possam parecer óbvios, já que doenças e o declínio próprio da idade causam uma fragilidade maior, muitas pessoas no teste não demonstravam sinal nenhum de doença – a não ser essa fragilidade.

Os responsáveis pelo estudo agora tentam fazer com que médicos adotem o “exame do aperto de mão” para comprovar problemas de saúde mais graves em seus pacientes. [BBC]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

7 comentários

  • LUIZ MARIO A.ROGRIGUES:

    ENTÃO EU VIVEREI UNS 200 ANOS POIS MUITA GENTE JÁ EVITOU APERTAR MINHA MÃO POIS TENHO UMA PEGADA PODEROSA.

  • Everton Carlos da Costa Cardoso:

    Certa vez li que o aperto de mão significa que a pessoa ao estender a mão, está indicando que não está portando nenhuma arma (revólver, faca). Não posso dizer com certeza se é verdade.

  • ana paula camoesas:

    blá,blá,blá.Toda a gente sabe que um aperto de mão firme demonstra a personalidade da pessoa.Nada mais.

  • ThiagoSperandio:

    Peço sinceras desculpas, mas agora tá virando moda aqui essa onda de crendices “científicas”. Tá igual no senso comum, pé maior é sinônimo de “falo” maior.

    Penso ser óbvio que alguém com uma “pegada” mais firme deve estar mais saudável. Então, não tem a ver com o aperto de mão em si, mas com a resistência física do indivíduo.

    Acrescento a questão psicológica. Uma pessoa com baixíssima auto-estima normalmente tem um aperto de mão “frouxo”. Essa auto-estima baixa por si gera tudo o que é ruim para a pessoa, ou seja, pode por conseqüência vir uma depressão ou outras doenças (pois é comprovado cientificamente que uma grande porcentagem das doenças têm origem neurológicas ou psicológicas).

    Portanto: sim, é possível usar o aperto de mão como medidor de risco. Porém, o aperto em si não é o motivo desse risco, é apenas o reflexo físico ou psíquico, ou seja, do interior, do indivíduo. Nada de novo.

    Um abraço!

  • P. Praxedes:

    Nossa, só vou dar aperto de mao forte agora !!!

  • Claudio:

    ….e o que logevidade tem a ver com Deus?!! Se eu encher a cara de trago, isso não é problema dele…. O negócio é saber interpretar textos, para que haja correto entendimento do que está escrito.

  • Dura Lex:

    Conversa fiada ! ! !
    .
    O costume, milenar, do “aperto de mão” , sempre teve o “objetivo” de mostrar que a pessoas “está saudável e com vigor físico” ! ! !
    .
    Nada a ver com a longevidade, que a Deus pertence ! ! !

Deixe seu comentário!