Chefes despóticos são apenas pessoas inseguras?

Por , em 25.10.2012

Muitas pessoas saem do emprego por terem recebido ofertas melhores ou por desejarem uma nova área. Triste é quando se demitem porque não aguentam trabalhar com chefes destrutivos, que têm sempre uma crítica à mão. Debaixo deste perfil cruel, no entanto, seu chefe pode esconder uma pessoa insegura quanto a si mesma; é o que sugere uma pesquisadora americana.

Teresa Amabile, psicóloga da Universidade de Harvard (EUA), conduziu com sua equipe o seguinte experimento: pessoas que eram notáveis em seus campos profissionais, ou de conhecimento específico, eram convidadas a analisar o trabalho de outros do mesmo ramo.

Antes da tal análise, alguns destes convidados foram colocados em situação de insegurança: os pesquisadores diziam a eles que o trabalho a ser analisado era obra de alguém realmente competente. Em outras palavras, faziam o analisador se sentir “ameaçado”, ainda que indiretamente, pelo autor do trabalho que iria julgar.

O medo de quem está por baixo

As críticas mais severas, conforme os psicólogos apuraram, vieram justamente do grupo dos ameaçados. Quanto mais a pessoa sentia que estava diante de um concorrente em potencial, alguém cujo perfil de especialista poderia ser maior do que o seu, mais pesada era a avaliação. Apenas os avaliadores que não foram induzidos a essa “ameaça” conseguiam fazer considerações mais imparciais.

Em alguns casos, as críticas dos inseguros chegavam a ser iguais às dos seguros, mas com uma diferença de tonalidade: os primeiros usavam palavras rudes e negativas, e os segundos preferiam suavizar o julgamento.

Esta pesquisa gera uma reflexão que, de acordo com a psicóloga, serve para todos os níveis hierárquicos. Se você comanda um grupo de funcionários, será que está fazendo críticas justas ou apenas tem medo que algum deles se destaque mais do que você?

Se, por outro lado, você é um subalterno que volta para casa deprimido com as críticas que recebeu do patrão, não seria a hora de ter a opinião de alguém de fora para descobrir que seu trabalho não é tão ruim quanto ele quer te fazer crer? [Washington Post/Science Direct 1 e 2]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

5 comentários

  • Nivaldo Moreira:

    Uma característica incompatível com a atribuição que lhe foi dada.

  • jodeja:

    Se o cara é autêntico, não precisa temer nada. Inveja e fofoca existem em todo lugar. Tenha consciência de sua capacidade e não tenha medo, pois nunca lhe faltará espaço.

  • Dinho01:

    Eu diria que não são apenas chefes mas pessoas em geral despóticas são inseguras.Sempre com medo de mostrar alguma fraqueza e perder a ilusão da supramacia.

    • Dinho01:

      corrigindo:supremacia

  • Tiagoljr Jesus:

    Geralmente estes chefes dizem uma coisa e fazem outra.Causando assim um desestimulo no funcionário que apresenta um perfil melhor ou parecido com o dele. Podendo também gerar um desafeta a qualquer funcionário que venha critica-lo.E sempre eles tem a tendencia de desaprovar qual quer trabalho que não passou pelas mãos deles.

Deixe seu comentário!