Esses retratos hiperrealistas não são feitos com tinta, e sim com linhas

Por , em 22.02.2018

A artista estadunidense Cayce Zavaglia cria retratos únicos. Com base em um ensaio fotográfico do modelo que ela mesma faz em seu estúdio, ela escolhe a foto que melhor captura a personalidade da pessoa para inspirar um retrato feito à mão, com linha e agulha. Seu objetivo é primeiramente enganar quem vê o seu trabalho para que pense que é uma pintura. Depois que a pessoa percebe que não se trata de tinta e sim de linhas, ela pede aos observadores que se afastem da obra e vejam o trabalho com novos olhos.

Este trabalho requer uma paciência que não se encontra em muitas pessoas, e envolve milhares de linhas.


Para Cayce, o verso do bordado tem ainda mais valor do que a frente, pois um emaranhado caótico é formado, e isso reflete a bagunça emocional que todo ser humano tem dentro de si. Por isso, uma de suas exposições de chama “Verso”, sobre o lado que as pessoas escondem dos outros, especialmente na era das fotografias compartilhadas nas redes sociais. “Todos acham que os outros têm uma família perfeita, mas ao mesmo tempo, todos sabem que toda família tem coisas que são dolorosas”, aponta ela.

“Todo mundo tem um lado que todo mundo vê e também um lado escondido que é muito complicado e cheio de camadas”, diz a artista, originalmente especialista em retratos com tinta e pincel.

Cayce costuma retratar membros de sua família e amigos, por sentir dificuldade em captar a essência de pessoas desconhecidas. “Fazer esses retratos diz tudo sobre essas pessoas que eu não consigo dizer com palavras”, explica ela. “Este trabalho é sobre minha família, mas espero que ajude outros a ver a beleza em sua própria família”.

Uma particularidade de seu trabalho é que apesar de belíssimo, ele não é feito para agradar a pessoa retratada, e as imperfeições da pele e do rosto da pessoa são mantidas. “É uma celebração da beleza comum”, explica.

Para ela, o bordado é uma linguagem familiar para todos, já que a humanidade vem trabalhando com linha e costura há centenas de anos. “Meu trabalho eleva o ordinário”, resume ela. [Sploid]

Confira abaixo vídeo sobre o trabalho da artista Cayce Zavaglia:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (22 votos, média: 4,91 de 5)

Deixe seu comentário!