Foto incrível: Buraco negro binário

Por , em 25.04.2010

O que você vê é uma enorme galáxia e as duas grandes fontes de brilho são buracos negros supermassivos, que estão co-orbitando. Apesar de parecerem próximos, eles estão a 25 mil anos luz de distância um do outro.

Cercados por gás que emite raios X e jatos de partículas eles estão no centro de duas galáxias vizinhas, no conjunto de galáxias Abel 400. Eles estão a, aproximadamente, 300 milhões de anos-luz da Terra.

Os astrônomos acham que os buracos negros estão “juntos” por causa da gravidade de um sistema binário, além dos jatos de gás que passam por eles terem a velocidade média de 1200 km por segundo. Cenas como essa em grupos de galáxias (pelo que estimam os cientistas, pois não há como comprovar isso) seriam comuns nas partes mais distantes do universo, pela proximidade de uma galáxia com outra. [APOD]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

48 comentários

  • tay:

    e muito legal as fotos sera que egiste o jogo

  • leonardo vieira:

    Aaaaaahhh! Não gostei da fotinha com meu avatarzinho!

    • Cesar:

      Cadastre-se no Gravatar.com que você vai poder escolher a foto que aparece aqui.

  • leonardo vieira:

    tem um filme que chama:Best Player, lá na nick(ou nickelondeon) . Lá, o Crhins (ou sei lá como escreve)descobriu um jogo chamado:Buraco Negro. Quando o seu amigo falou desse jogo pra ele, uma voz dizia que o buraco negro abriu um portal para uma dimenssão. Quem já ouviu falar desse filme, pode me dizer se o jogo:”Buraco Negro” existe mesmo?

  • herivelto:

    voce concorda que o buraco negro não seria um portal para outra dimenção,ou um outro universo 100 vida

  • RODOLFO:

    PARABÉNS CESÁR VOCE E MUITO INTELIGENTE EXPLICOU A MAIORIA DAS MINHAS PERGUNTAS E UMA PERGUNTA : É VERDADE QUE ELES ESTAO FAZENDO UM PROJETO DE MENDAR UM PROJETIL HA UM BURACO NEGRO?
    E TAMBEM HA PROBABILIDADES DE UM BURACO NEGRO ATINGIR A TERRA CESÁR?

    • Cesar:

      Rodolfo, não tem como mandar um projétil para um buraco negro, primeiro por que todos os que identificamos como sendo buracos negros estão muito longe, segundo por que não temos a tecnologia para viagens interestelares (e talvez nunca tenhamos).

      Sobre a Terra ser devorada por um buraco negro, a possibilidade sempre existe, mas deve ser extremamente baixa. O espaço entre uma estrela e outra é de alguns anos luz no mínimo, e entre estrelas e buracos-negros deve ser maior ainda. A probabilidade de que exista um buraco negro nas vizinhanças, e que ainda não tenha sido detectado é muito baixa. Ela existe, mas é o tipo da coisa que a gente não se preocupa, e por dois motivos, a probabilidade é baixíssima, e se existir um nas redondezas, a gente não pode fazer nada a respeito.

  • ketlin:

    um homem,acho que ele é um astronomo me disse que seja em qualquer foto, na irternet, qualquer…
    ele disse que é mentira, porque para tirar uma foto de um buraco negro é preciso emitir muita luz, por isso se chama um buraco NEGRO.
    mas achei muito da hora essas imagens, bem interessantes.

    • …:

      Em que epoca você vive?Buracos negros são assim exatamente por emitirem muita luz.

    • Cesar:

      Não. Buracos negros não emitem luz nenhuma. Por isto são chamados de buracos negros. O que emite luz é a matéria que está caindo dentro do buraco negro, por que ela se aquece tanto que chega a emitir raio-x.

      Qualquer imagem que tivermos de um buraco negro, seja real ou seja de raio-x ou raio-gama, é a imagem do que cerca o buraco negro, nunca do buraco em si.

    • maria56056:

      mas essas imagens foram tiradas quando houve uma emissao de luz forte,que foi a morte das estrelas

    • Cesar Grossmann:

      Maria, suponha que uma explosão de luz aconteça em um dos buracos negros. Se a gente tirar a foto neste mesmo instante, só o buraco negro e seus arredores estarão iluminados. Para a luz desta explosão chegar no outro buraco, tem que esperar 25.000 anos! Para esta luz iluminar toda a região em torno dos dois buracos negros, tem que esperar mais algumas dezenas ou centenas de milhares de anos!

      Então a imagem tem a luz refletida de um evento contínuo, que tem brilhado por centenas de milhares de anos, no mínimo.

    • ediwanuerj .:

      Na verdade, buracos negros emitem radiação hawking, que tem a mesma natureza da luz.

    • Cesar Grossmann:

      Acho que sim. Mas até agora parece que não detectaram esta Radiação Hawking.

  • Cesar:

    A princípio, cair em um buraco negro é como cair em um planeta. A diferença está que o céu fica completamente esquisito, e à medida que você vai acelerando, o tempo vai indo mais devagar, e parece que você não vai chegar nunca. Quando estiver muito perto do buraco negro, o que está mais perto estará sendo puxado pela gravidade por uma força maior que o que está longe, e você será rasgado ao meio pela força gravitacional. Não só ao meio, mas em zilhões de pedacinhos, até ser reduzido a uma nuvem de átomos que continuarão caindo em direção ao centro do buraco negro.

  • vivian:

    nossa eu nuca pensei em fazer essa pergunta!!mas vou perguntar!como sera que é dentro de um BURACO NEGRO e quando chegarmos ao fiim dele o que vai ser?um amigo meu disse!que se cairmos dentro de um buraco negro ele encolhe a gente até a gente morrer isso é verdade?gostaria muito de saber obrigado a todos por leren a minha pergunta

  • natalia thalia de oliveira:

    um buraco negro ou um buraco de verme e nada mais do que uma obra de deus

  • natalia thalia de oliveira:

    demais,incrivel e maravilhoso isso e muito interesante

  • Cesar:

    Não, buracos negros não são o início de uma nova galáxia. Eles não explodem – jamais se presenciou um buraco negro explodindo e não existe uma previsão teórica sobre este tipo de evento. Ou seja, quem quer que tenha dito que buracos negros explodem não é um cientista e não está falando do que a ciência conhece.

  • =]:

    Buracos-negros, são o começo de uma nova galáxia…
    Uma galáxia começa com um buraco-negro, pois ele explode e assim a nova galáxia vai se tornando…
    No começo o buraco-negro ele é muito grande, mas depois com o tempo, ele vai se acalmando e ficando menor, em todas as galáxias que existem por ai, há um buraco-negro nela. Nós também temos um buraco-negro em nossa galáxia, mas ele está quase “inativo” mas não pode subestimar ele =p
    Cientistas que estudam o universo, eles não sabem bem o que aconteçe quando se entra em um buraco-negro, uns afirmam que quando se entra nele, você irá para otra dimensão, outra geração, otros dizem que se entrar nele, ele serve como um “Teletransporte” para viajar por outras galáxias, mas ninguém entrou nele para saber…
    Um buraco-negro, ele vai “sugando” as estrelas por onde ele está, quando ele está cheio de estrelas, ele faz uma explosão que sai um raio azul muito lindo de se ver, não me recordo o nome agora, mas buracos-negros são um mistério ainda para o homem…, levará anos para o homem descobrir ou até entrar em um deles.
    (Não sei se isso é verdade ou não, mas é o que dizem por ai…)

    Abraços ae 😉

    • Rafael Macedo:

      NOSSA, nunca vi viagem mais louca KKKK

  • DÉLIO NUNES GONDERIM:

    OS BURRACOS NEGROS E TODO O UNIRVESO É MISTERIO DE DEUS QUE PARA O HOMEM TALVES NÃO PODE SER REVELADO,
    MAS É BOM SABER QUE TEM CIENTISTAS QUE ESTUDAM SOBRE TUDO ISSO…

    • Arthur Reboredo:

      Vaza daqui religioso alienado para de ficar falando que tudo é de deus!
      Se você que se acha tão culto em relação a religião,Deus não fez o universo ele encontrou o planeta terra quando era tudo ”escuridão”
      Ele moldou a terra só isso…
      OBS: Aprende a escrever um pouco não é ”BRURRACOS NEGROS” é Buracos Negros!

  • cabosa:

    Buraco negro parece ser uma construção bem fundamentada na física-matemática, o ponto fulcral para a sua existência é a luz(fotão) ser afectada pela gravidade (aceleração)tudo isso nos revelado pela relatividade restrita (comprovado supostamente pela experiência de Eddington) por sua vez elaborada bem antes da física quântica (QED) que coloca em evidência novos e estranhos comportamentos para os seus constituintes sendo um deles o fotão a partícula de luz.
    A questão é , será possível encontrar um outro motivo para a luz deflectir à volta da matéria além do efeito da gravidade??
    Os diagramas de Feynman, de percursos possíveis de energia mínima entre A e B , pois o fotão como partícula é bem diferente das restantes (mesmo neutrinos), o portador de energia e informação por excelência dos corpos que constituem o Universo, será difícil modificar a sua trajectória para alcançar o seu propósito aquando da sua criação, transportar energia o mais rápido e eficiente possível sem por em causa as leis da física.

  • Guilherme:

    provavelmente é um misterio
    os buracos negros encontramsse no espaço e na galaxia

    os buracos negros são muitos estranhos e provavelmente dentro do buraco nele não a oxigenio nada voce morre no buraco negro pq ele leva voce a um lugar so preto

  • gleice:

    maravilhoso!!!

  • valdeci:

    Buracos negros, e outras existências no universo como galaxias, nebulosas, são meios que REVELAM a existencia de uma inteligência que vai muito além do entendimento de qualquer mente mais brilhante que seja,existente na terra…mas aos poucos essa inteligencia que denominamos DEUS, vai se revelando, permitindo que a ciência avance e o ser humano descubra o véu de sua imaturadida e pequenez ante a garndiosidade do infinito.

  • Ananias:

    O que á depois de um buraco negro??? nova dimenção???

    Mistérios que nóssa vã filosofia nunca respondera!

  • Jorginho:

    Ok Cesar. Mas em nenhum momento estava dizendo que haveria mudança de tempo!
    Apenas disse que seria difícil captar um evento de 1 minuto, tendo apenas uma fração do esfero radiano do Universo.
    Quando dei a visão de um longo e grande evento, deveria sim, ser extramente longo… Apesar de nos parecer quase parado, lá perto está numa velocidade colossal.
    Imagine uma explosão que dure 1 segundo e imagine outra que dure 1ano.
    Certamente, verá ambas com os respectivos períodos… Embora aquela de maior potencial propague por mais tempo e você poderá acompanhar sua transformação por longos anos. apesar de nos parecer quase parado… à velocidade de deslocamento é enorme .
    Esperava ter sido claro, mas acho que não fui.
    É sabido que a velocidade do evento não muda por apenas ser observada … Mas sim, sua percepção, devido à longa distância que os separam… Como você mesmo colocou.
    As medidas astronômicas têm como unidade a velocidade da luz, pois unidade métrica não seria viável.
    Então, pode-se imaginar que são eventos de milhares de anos. …pois esses eventos não é como soltar uma bombinha de São João!
    Abraço e continue observando as binárias até elas se acalmarem… Se elas agora são apenas uma (neste momento); você só a verá após 300 milhões de anos… Embora, possa acompanhar suas transformações desde de agora!
    Abraço caríssimo .

  • Cesar:

    Não é bem assim, Jorginho.

    Um evento que dura uma fração de segundos vai continuar durando uma fração de segundos, visto de longe. Uma explosão dura uma fração de segundos – a comparação com o avião não tem nada a ver, mesmo que você esteja dentro dele, se a velocidade dele for 1000 km/h, ele vai continuar vencendo uma distância de 100 km em 6 minutos. Da mesma forma, uma erupção solar que leve uma fração de segundos para atingir o comprimento de centenas de milhares de quilômetros, vai levar a mesma fração de segundos para percorrer a mesma distância, não importa se visto de Mercúrio, da Terra ou de Saturno. O que vai ser diferente é que os 100km do avião vão parecer pequenos vistos de uma grande distância, e da mesma forma, as centenas de milhares de quilômetros que a erupção solar vai percorrer em uma fração de segundos vai parecer pequena – mas ela vai continuar levando uma fração de segundo para percorrê-la.

    Perceba que quando você vê algo de longe, a distância não torna o objeto mais vagaroso, a velocidade com que ele se desloca não muda, o que muda é a percepção da distância percorrida, que, quanto mais longe você está, menor parece. Mas o tempo que o objeto leva para percorrer a mesma não muda.

    Imagine um par de estrelas que complete uma órbita uma da outra em uma hora. Você vai ver as duas estrelas completarem uma volta no seu balé em uma hora, mas se estiver muito perto das estrelas, vai ter uma impressão muito maior da velocidade delas. Mas é só impressão.

  • Jorginho:

    Caríssimo Ernesto, bem colocado sua visão.
    Estamos enxergando uma imagem segundo ela foi a ‘’300 milhões de anos…
    Embora, 300 milhões de ano/luz não seja tão grande quando estamos falando de grandezas a nível de Universo .
    Certamente ela deva ter alterado seu formato ao menos em alguma coisa.
    Um ‘’conflito’’ no espaço sideral só poderá ser percebido se foi muito longa. Pois do contrário seria muita sorte algum astrônomo pegar em flagrante um evento de curta duração. Se assistirmos uma ‘’briga’’, digamos duas estrelas ‘’roubando’’ massa da outra; nem sempre damos conta que esses eventos são velozes e debatem, gerando grandes níveis de energia – espalhando partículas à raios gama . Imagem de galáxia nos parece parada devido à astronômica distancia. Enfim, imagine um avião a 1000 km/h à distância de100 km. Imaginará que o avião está quase parado. Um evento no Sol demora um pouco mais que 8 minutos.
    Abraço .

  • Ernesto:

    Se a galaxia Abel 400 e suas vizinhas “estão” a 250 milhoes de anos-luz – elas “estavan lá” há 250 milhoes de anos (certo? estou entendendo bem?).
    Então. onde eles estarão “agora” … ?

  • danubia moro:

    que legal cesar, adorei a explicaçao!

  • É didícil mesmo…:

    Os caras nem conseguiram pisar em Marte,nunca chegaram nem ao fundo do nosso oceâno,tem lugar na amazônia que nem se atrevem a ir!
    E ainda se acredita que é possível ver essas coisas tão longe,fora de nossa dimenssão matemática,o cara aponta o treco pro nada,vê umas luzes e diz que isso e aquilo sem sequer ter tocado ou nem depois da morte vai poder ver! Besteira!

  • Robson:

    Uau que foto 🙁

  • Eliakim Ferreira Oliveira:

    Então há, com certeza, grande probabilidade de eles se unirem formando um buraco negro ainda mais supermassivo e com um campo gravitacional imensamente mais intenso. Incrivel!

  • Jose A.:

    Bah esta foto tirei uma igual perto de casa, com meu telescópio….

    Brincadeiras a parte, muito bom saber as novidades, cada vez mais descobrimos que sabemos tão pouco do Universo….

  • Geraldo:

    Afff… buracaidas iguais as estradas de meu país!!!

  • Ruben Zevallos Jr.:

    Interessante essa informação, porque apesar de 25 anos luz eles estão atraindo um ao outro e quem sabe um dia irão se colidir?

  • Jorginho:

    A luz que percebemos são luz laterais…devido explosões e choques de matérias entre si .
    Me parece que estão trocando afetos …tipo amor de cavalo !
    Como em uma transação comecial bem capitalista – a mais densa levará vantagem .
    Irá formar uma… claro que parte delas ”espalhará” pelo cosmo como partículas e em vários níveis de energias!
    A luz que caminha num buraco negro é invisível por ser ”sugado”… considerando que dele nada escapa … exceto numa determinada distância de segurança que pode ser aquacionada .

    Você não verá uma luz (visível) se no meio não haver matéria… pois ela passa como invísivel ou segue seu caminho sem reflexão e difração .
    Então a luz que vermos são laterais (além dos retoques de imagens) .

  • Everton:

    vejo que muitas pseudo Neo cientistas analisam com frequencia esse site, ainda mais pelos comentario mais que explicativo do Sr. Cesar! ow então poderia dizer que ele é alguem que comia cerel do Star Trek no café da manha rsrsrs…!

  • César:

    Outra coisa, o buraco negro não atrai a luz à sua volta. A luz que entra nele não consegue sair, mas ele não atrai a luz. Ele é um corpo com gravidade, e, fora do horizonte de eventos, não há nada muito especial em um buraco negro, além da matéria que está caindo nele.

    Se você passar perto de um buraco negro, poderá escapar tranquilamente dele, desde que tenha combustível e potência, e não atravesse o horizonte de eventos. Se ultrapassar o horizonte de eventos, aí já era, nem toda a energia do Universo vai ajudar a tua nave a escapar do buraco negro.

  • Felipe:

    bah senhor Silva, nao precisava ter falado isso hahaha
    eles nao precisam estar no campo gravitacional dos buracos negros pra fotografar, veja pro outro lado que nós NUNCA poderiamos ver as fotos do Hubble por exemplo hehehe

    um abraço

  • César:

    Silva, em torno do Buraco Negro se forma um disco de matéria que está caindo no buraco negro. Este disco gira e, onde ele está mais próximo do buraco negro, a velocidade é tal que a matéria se torna incandescente e acaba brilhando e emitindo não só luz visível, mas raios-x. É daí que vem o brilho do buraco negro: não é o buraco negro que o emite, mas a matéria que ainda não caiu nele, que está sendo acelerada a velocidades incríveis.

    O interessante é que parte desta matéria acelera tanto que acaba não caindo no buraco negro, mas pega um desvio e é lançada em um jato de matéria, chamado de jato relativístico por que a velocidade é bastante próxima da velocidade da luz – como no LHC. Estes jatos também são vistos a longas distâncias e existe uma foto de uma galáxia sendo destroçada por um jato destes: é como se ela estivesse na frente do bico de um cortador de plasma.

  • Milton Mourão:

    Eles usan cores erradas para revelá-los, Silva.

  • Jean:

    Amigo, como assim 1200 km por segundo?

    Não seria 120, porque 1200 passa um pouco da velocidade da luz…

  • Silva:

    Se um buraco negro atrai a luz que está à sua volta, como eles conseguiram fotografar não um, mais dois?!

  • José Gonzaga Fabregat:

    Não vou criticar nada, pois o trabalho de vcs está cem por cento.
    Uma maravilha.
    Abaraços

Deixe seu comentário!