Homens são condenados por ‘atacar’ camada de ozônio

Por , em 23.06.2008

Dois engenheiros foram condenados por haverem colaborado para a redução da camada de ozônio.

Os homenn liberaram o gás HCFC22, utilizado nos refrigeradores, enquanto consertavam um freezer. É exigido autorização para utilzar esta substância na Nova Zelândia.

Os engenhieors foram obrigados a pagar uma ‘pena’ de aproximadamente R$ 920.

Os profissionais foram processados com base em uma lei criada em 1996 que protege a camada de ozônio. É a primeira ocorrência deste tipo na Nova Zelândia e o caso deverá representar um aviso para as indústrias. [Fonte]

Último vídeo do nosso canal: A Terra não orbita exatamente o sol mas um ponto virtual no espao

2 comentários

  • Oberdan Cardoso:

    Muito interessante esta reportagem, segundo o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, 1kg de CFC equivale a mais de 10000kg de dióxido de carbono. No Brasil, temos a legislação CONAMA n.º 270, que orienta as boas práticas de refrigeração, nosso país é signatário do protocolo de Montreal e de Quioto, temos muito a avançar na prática de reduzir as emissões dos gases potencialmente destruidores da camada de ozônio, para isso, desenvolvemos em Recife um Centro de Regeneração dos gases CFC e HCFC contaminados http://www.crnnordeste.com.br, acondicionamos, recebemos e tratamos estes gases, para que não sejam liberados agredindo a nossa atmosfera.

  • Clement:

    Condenação por ataque à camada de ozonônio por HCFC, ainda mais de 2 engenheiros…
    Hum..,
    Tá muito longe disto ocorrer por estas bandas, onde é permitido emplacar mais de mil carros novos, sem nenhuma penalidade aos poluentes emitidos e muito menos quanto aos malefícios à saúde.
    E o que dizer das inúmeras mineiradoras e demais indústrias que tem o total direito de explorar até a última gota de vida deste nosso país…
    E o que falar do nosso povo, que acha normal cortar árvores nativas, em áreas sujeitas a alterações climáticas e reduzí-las a carvão.
    Tudo isso sabendo q. já existem motores escalares q. usam somente 5% do combustível de um motor convencional…
    Difícil é mudar as crenças da população em geral, para convencer que finalmente gastar mais, assim como comer a mais, representa anos de vida a menos, não somente a nós, mas ao planeta todo.

Deixe seu comentário!