Homens são piores do que crianças para comer vegetais?

Por , em 3.04.2013

Segundo uma pesquisa britânica, homens comem menos frutas e legumes do que os seus filhos.

Na Inglaterra, embora crianças em idade pré-escolar consumam uma média de 12 tipos diferentes de frutas e vegetais por semana, o homem médio come apenas metade desse número. Na verdade, o homem médio só come míseras 1,2 porções de frutas e vegetais por dia – longe das cinco porções diárias recomendadas.

No Brasil, uma pesquisa realizada pela Universidade de São Paulo constatou que o brasileiro come menos da metade do que deveria de vegetais, ficando sem as substâncias (os carotenoides) que ajudam a prevenir doenças cardíacas e o câncer.

O estudo

Os pesquisadores britânicos pediram a mães que falassem sobre o consumo de vegetais em seus lares. Enquanto 85% disseram que conseguiam fazer seus filhos comerem regularmente cinco porções de vegetais por dia, a maioria admitiu que o mesmo não podia ser dito sobre seus parceiros.

Além disso, 48% das mulheres da pesquisa admitiram usar “táticas furtivas” para enganar seus parceiros a comer mais frutas e legumes. As táticas mais populares envolviam cobri-los com queijo ou molho, escondê-los na sopa, misturá-los em sucos ou vitaminas ou simplesmente mentir sobre o conteúdo de refeições.

A pesquisa, que foi realizada para a produtora de bebidas SaVse, revelou também quais vegetais os homens menos gostam. Os mais odiados foram repolho, brócolis, couve de Bruxelas, berinjela e cogumelos.

“Tire a batata da dieta de muitos homens, e a realidade é que há muito conteúdo vegetal. Comer vegetais é uma parte essencial de uma dieta saudável e equilibrada e, se os homens não estão preparados para isso, não é nenhuma surpresa que suas parceiras recorram a técnicas furtivas”, disse Guka Tavberidze, fundador da SaVse.

O Fundo Mundial de Pesquisa do Câncer também estudou mais de 2.000 adultos e descobriu que apenas 18% das pessoas que vivem no norte da Inglaterra comem cinco porções de frutas e vegetais por dia. Por outro lado, 26% das pessoas no sul da Inglaterra fazem o mesmo.[DailyMail, RedeTV]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

1 comentário

Deixe seu comentário!