Mãe passa seis anos fazendo vestido com papel de bala para a formatura da filha

Por , em 2.05.2011

Tara Frey, de Wisconsin, EUA, não terá que se preocupar com vestido repetido no seu baile de formatura: ninguém vai ter uma roupa igual a sua, já que sua mãe lhe fez um vestido personalizado a partir de milhares de embalagens de doces e balas da loja Starburst.

Tara e sua mãe, Kerrin Frey, estão trabalhando no vestido há seis anos. Kerrin teve essa ideia depois de ver outra mãe costurando embalagens de chicletes durante um jogo de hóquei.

As duas começaram a recolher embalagens de doces da Starburst, mas não conseguiram juntar o suficiente para o vestido. Antes do grande dia, elas tiveram que se desdobrar para conseguir todas as embalagens que precisavam. Elas pediram a Starburst se podiam comprar apenas as embalagens de bala direto com eles, mas a empresa não ficou muito interessada na ideia.

Então, mãe e filha tiveram que comprar 9 quilos de doce de uma vez, e distribuí-los aos vizinhos e amigos, pedindo-lhes para manter os invólucros e tentar não rasgá-los quando abrissem as balas.

A fim de ser usado para o vestido de baile, cada papel de bala tinha que ser dobrado oito vezes, e apertado com uma pinça para chegar a uma textura firme. Não exatamente uma tarefa das mais fáceis, considerando o tanto de embalagens que elas tinham para preparar.

Kerrin teve que pedir a ajuda de seus amigos. Ela não sabe exatamente quantos invólucros da Starburst foram usados no vestido de Tara, mas a mãe lembra que levou cinco tentativas para que as duas concordassem com o desenho do vestido.

E o projeto dos papéis de bala não parou apenas no vestido. Kerrin também fez sapatos e uma bolsa combinando, mais um colete para o acompanhante de Tara. O rapaz admite que não teve muita escolha a não ser usar o acessório colorido, mas, felizmente, suas roupas se encaixaram perfeitamente no tema da festa de formatura: o jogo de tabuleiro “Candyland” (em português, Terra do Doce).

[OddityCentral]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

12 comentários

  • Marília:

    Muito criativo! Isso é puro artesanato!

  • Shanalise:

    Interessante, e já reciclaram e nem fico tão feio assim.
    Combinou com o tema da festa. ^^

  • AiltonWarrior:

    Só o ato de reciclar estes papeis de bala e dividir com os vizinhos já compensa todo o tempo gasto com o vestido,o resultado ficou bem descontraido,rendera um boa de uma história para contar para os netos e muitas risadas,ela não deve ter lavado depois da formatura o vestido,deve ter deixado de enfeite,e deve ter torcido muito para que não chovesse no dia da formatura,ainda mais se foi ao ar livre o evento,.

  • giovana santos farias vitalino:

    nossa mais essa mulher e louca ou e abestada da cabeça louquicimaaaaaaaaaaaaaaa

  • Lola:

    Ficou lindo muito criativo!!!

  • pri:

    eu não usaria numa festa tão importante, mais em uma festa a fantasia… quem sabe?

  • Bruna Mattos:

    Ideia genial, outra não combinaria mais com os padrõe clamados hoje em dia.

  • érica:

    Muito legal… mais do que um vestido, elas construiram juntas um projeto originalíssimo e, para isso, compartilharam horas e horas de sonhos, trabalho, diversão e companheirismo. Construiram uma memória para sempre!

    É tão bom que existam pessoas que não se prendem à esta horrorosa mentalidade de manada que assola o planeta… que haja gente capaz de atos originais em meio a essa enxurrada de pessoas que copiam eternamente os outros.

    Gente “normal” é muuuuito chata, é bom que existam pessoas como essas duas.

  • Carlos Machado:

    Coitada da menina.

  • PredadorXD:

    Seis anos… e ainda ficou uma porcaria!

  • Elizabeth:

    Deve ter ficado desconfortável pra caramba!

  • cybergirl:

    Parece roupa de festa junina…

Deixe seu comentário!