Simpatia para ser inteligente? Ganhe na loteria

Por , em 24.08.2011

Você nunca ganhou nenhum tipo de sorteio, rifa ou até mesmo um bingo em família? Se você faz parte do grupo dos azarados, não deve ter mais nenhuma esperança de ganhar na loteria um dia. Talvez você precise de uma simpatia para ser inteligente. Ou, ser como alguns jogadores mais convictos, que não desejam sorte para si mesmos… Porque digamos que eles não precisam.

Simpatia para ser inteligente?

Não. Não estamos falando de nenhuma simpatia para ser inteligente, ou algum poder paranormal que vai te ajudar a prever os números da loteria. Muito menos estamos falando de nenhum tipo de hacker de loterias, que necessitaria de aparelhos de alta tecnologia, como os usados pela equipe de ladrões de cassinos do filme Onze Homens e Um Segredo. Estamos falando de pessoas com um talento especial para detectar padrões em bilhetes premiados e explorar as brechas.

Como, por exemplo, o consultor estatístico canadense Mohan Srivastava.

Ele aprendeu a ganhar na loteria

Em janeiro, Srivastava explicou a uma revista como aprendeu a ganhar na loteria prevendo quais os bilhetes eram os premiados.

Srivastava suspeitava que os cartões vencedores – que contém uma seção visível com números entre 1 e 39 e uma seção em que números escondidos podem coincidir com os visíveis – não era distribuídos aleatoriamente. A crença dele era de que os resultados eram gerados a partir de “números pseudo-aleatórios”.

Ele descobriu que bilhetes com determinados números aparecendo apenas uma vez eram quase sempre premiados. Ele comprou dezenas de bilhetes de loteria, escolheu os vencedores e vendeu o restante. De 20 bilhetes que ele considerava premiados, 19 foram realmente o eram.

Outro matemático ficou conhecido por ter ganhado 20 milhões de dólares (cerca de 32 milhões de reais) explorando a teoria da pseudo-aleatoriedade.

Técnicas que produzem sequências realmente aleatórias, como a seleção de bolas, eliminariam essas suscetibilidades. Mas as loterias evitam esse tipo de seleção para controlar as vitórias dos jogadores e garantir o lucro. Isso significa que quem tem mais experiência com estatísticas pode enxugar os prêmios.

Além disso, as loterias podem considerar a revelação de “falhas” uma coisa boa, porque aumenta o apetite das pessoas pelos jogos. Tem muita gente saindo da toca e dizendo: “Eu posso fazer isso também! Eu posso encontrar o padrão de premiação!”. Se você se considera bom em matemática e estatística, fica a dica. [NewScientist]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

24 comentários

  • PAULO BOUHID:

    Comigo foi bastante diferente. Um certo dia, acordei exatamente à 7h 7min para ir trabalhar. Mas, antes, precisava levar meus filhos (ainda pequenos) ao colégio. A parte numérica da placa do táxi era 7777. Comecei a ficar intrigado. No decorrer do dia, recebo correspondência interna na empresa com o número 77, e pior, me convocando para uma reunião às 7h da noite. ao terminar a reunião, não tive dúvidas. Dirigi-me rapidamente para o hipódromo e lá chegando, fiquei sabendo que seria corrido…

    • PAULO BOUHID:

      … o 7º páreo. Sem pensar duas vezes, apostei todo o meu salário no cavalo nº 7, e aguardei.
      O fdp chegou em 7º lugar…

  • Antenedos da Net:

    E tudo uma questão de probabilidade matemática se você já esta cansado de apostas sem prêmios esse e sua porta de entrada para a riqueza.
    Com esse e-book não tem erro suas chances se multiplicarão.
    >> http://hotmart.net.br/show.html?a=E1417943P

  • Roberto Beraldo Chaiben:

    Organize suas apostas na loteria e as confira todas de uma só vez!

    Já está disponível o aplicativo Minhas Apostas! Cadastre todos os seus jogos na loteria e deixe que o app os confira! Agora é muito mais rápido e fácil saber se você é o novo milionário do Brasil!

    http://mastercoding.com.br/apps/minhas-apostas

    • Carlos Eduardo:

      Técnicas matemáticas cientificamente comprovadas que ajudam qualquer apostador a aumentar as chances de ganhar.
      ACESSE => http://www.apostar.vai.la

  • joao vilanez:

    o cantor falcao, cearense, ja dizia que pobre e que nem lombriga quando sai da merda morre.

  • Pat:

    Okay pessoas vou ajuda-los a ganhar na mega da virada pois não quero ser feliz sozinha, antão vou me concentrar e dizer os numeros que devemos jogar, pois sou boa em intuição, aceitam jogar os mesmos numeros que eu? já que não é necessário acertar todos os seis números?

    • Pat:

      eu fui dizer isso para o meu chefe no trabalho e ele passou a mexer na minha gaveta, até esses dias ele me mostrou um desenho que eu tinha feito e posto no lixo a muito tempo, até no meu lixo ele mexe!!! então sumiram meus números que eu escrevi: jogar na mega. Então vão aqui outros que acho serão sorteados:
      1 e 6 tenho intuição que serão sorteados e 66 16 17 26. Por enquanto é isso !!

    • Carmen Schwertner Stoffel:

      Olá Pat! Aceito a sua ajuda nesta aposta e se ganharmos dividiremos o prêmio.

  • Leocádio Celso Gonçalves:

    Jogar na loteria é pagar para poder sonhar. O sonho muitas vezes é necessário e tem seu lado positivo porque mantém viva a esperança. E estudos científicos da esperança já demonstraram o quanto ela é importante para manter as pessoas saudáveis. Se ter esperança é bom, se o sonho alimenta a esperança, se a loteria alimenta o sonho, então jogar na loteria é válido. Claro, desde que não se torne um vício que leve o indivíduo a prejudicar outros setores de sua vida.

    • EltonPaes:

      E com certeza leva o vício, e mais leva tbm a frustração e decepção a cada jogo, sonhe ouse sonhar, menos com a loteria…

  • Robert:

    Ahh ta!! Nada como dar uma pesquisada para esclarecer algumas duvidas, de fato realmente o Sr.Mohan Srivastava conseguiu prever os bilhetes premiados! Mas não estamos falando aqui de Bilhetes da loteria Federal como sugere a foto do artigo, ou mesmo da megasena, mas sim das famosas raspadinhas , onde vc precisa raspar os numeros premiados, de fato nesse caso e possivel encontrar um padrão, pq nada realmente e aleatorio, se descobrirmos o fator da aleatoriedade, bom assim fica facil ne , so encontrar um padrão e talvez intuição tambem ajuda.

  • Val Brand:

    Sei lá, eu acho que jogando ou não jogando, as chances de ganhar são as mesmas.

    • Ezio José:

      Muito inteligente essa afirmação.
      Isto quer dizer que se eu não jogar estarei ganhando. Ganhando o quê? Posso estar deixando de perder, isto talvez. Perder alguns reais em troca de ganhar alguns milhões.

  • Evandro:

    Fiz umas analises na série da MegaSena, e encontrei alguns “indicios” da n-casualidade; se é que pode ser chamado assim. Todavia nada significante. A melhor que encontrei, foi que se somar o valor dos 6 numeros sorteados; há uma ligeira probabilidade maior de que a soma seja entre 160 e 340. Todavia, além de ser uma diferença bem pequena; não é significativo, pois ainda existem quantidades imensas de combinações que podem dar esse valor.

    Algo legal para se brincar, mas não usual (não se fica rico assim).

    Todavia, lembro de quando criança, um dia x ocorreu uma ocorrencia incrivel num joguinho de roleta no celular. Mais interessante ainda que foi a 1ª vez que joguei. No qual basicamente, acertei 20x seguidas, uma questão de duas possibilidades. Ou seja, no todo tive uma sorte de (1/2)^20.. isso que chamo de sorte de principiante. E com isso, fiz a pontuação máx possivel que foi 9999999999. O mais engraçado de tudo, é que qdo jogava eu ‘pensava’ nas respostas, como se o jogo estivesse tentando me enganar; então ia sempre contra a intuição. Ninguem acreditou, e eu achei que tinha “entendido” como responder; mas nas tentativas seguintes foi só fracasso. rs

    Acho que a maioria joga na loteria por razões de “sorte” do que de “matemática”.

    • Ezio José:

      Uai! Já existia jogos de roleta nos tijolões (celular)?

  • Vireca:

    Jogar na loteria é pagar imposto para Sonhar! mesmo sendo boa em matemática, tô fora!

  • Deby e Loid:

    aqui só o João Alves (anão do congresso) descobriu o macete e ganha na loteria!!!

    • cleiton do nascimento pereira:

      rsrsrs.e ele nao era nem matematico.só pra ver como o deputado era especial….kkk

    • Ezio José:

      Não só o João Alves, mas existe um bando de icógnitos que compram prêmios pagando acima do valor sorteado para legalizar seus dinheiros adquiridos de forma ilícitas.

  • x:

    seleção de bolas não é completamente aleatório. Várias propriedades do mecanismo ou da própria bola, como por exemplo, leve diferença de peso ou uma ranhura a mais em uma das bolas já é o suficiente pra descartar este método como um que produz sequencia realmente aleatoria.

    • Marcus:

      Tah, e como vc vai saber essas informações sobre as bolas?Eles devem trocar as bolas ocasionalmente né?

  • EltonPaes:

    Loteria: Um leve imposto sobre pessoas ruins em matemática…

    • Gyver:

      Sim tá certo. Mas também de acordo com as probabilidade se tivesses a vida eterna e jogásses por exemplo 1 bilião de vezes, alguma havia de sair premiada.

Deixe seu comentário!