Supernovas podem estar controlando o desenvolvimento de vida no Universo

Por , em 19.08.2010

Segundo um novo estudo, as enormes explosões estelares podem estar por trás do desenvolvimento da vida no nosso planeta (e, possivelmente, em outros mundos). Uma propriedade especial das moléculas orgânicas da Terra pode ter sido causada pela explosão de uma supernova.

Isso sugere que as bases para a formação da vida não foram criadas em nosso planeta, mas em outro lugar no cosmos.

Os cientistas acreditam que isso aconteça porque as bases da vida, como açúcares e aminoácidos, têm formato quiral. Isso quer dizer que, se dividirmos eles ao meio, cada metade seria a imagem espelhada da outra (coloque suas mãos uma do lado da outra e você verá o que é quiralidade).

Na química, a quiralidade significa que as moléculas não podem ser sobrepostas. Elas são consideradas canhotas ou destras dependendo da forma com que seus átomos são organizados. Na Terra, as bases da vida tendem a ser canhotas, assim como no resto do Universo (pelo menos é o que suspeitam astrônomos que analisaram meteoritos).

Pesquisadores do Lawrence Livermore National Laboratory acreditam que as supernovas sejam o motivo pelo nosso mundo ser “canhoto”. Quando uma estrela entra em colapso, ela ejeta partículas que incluem elétrons antineutrinos, que são “destros”. Segundo os cientistas, essas partículas poderiam interagir com partículas canhotas como os átomos de nitrogênio de dentro dos aminoácidos, já que seriam quirais.

Essa interação converteria nitrogênio em carbono, destruindo a parte destra do aminoácido e deixando as partículas canhotas – explicando a prevalência desse tipo de molécula na Terra e em outros lugares do universo.

Se isso for verdade, significa que os aminoácidos da Terra teriam sua origem em outro lugar do espaço e que nós, humanos, assim como todas as formas de vida, seríamos uma espécie invasora em nosso próprio planeta. [PopSci]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

10 comentários

  • Marcelo Cardoso Cardoso:

    Não sei por que os cientistas ficam querendo dar explicações tão complexas sobre esse assunto. Por que não pode ser a super nova que deu origem ao sistema solar ao invés de uma super nova de outras regiões do universo? nunca teremos uma verdade absoluta acerca dos mistérios naturais, a não ser que o homem possa um dia, dominar o tempo. Por isso prefiro acreditar nos fatos, hipóteses, e teorias mais lógicas, obviamente sem desmerecer as especulações (que não sejam absurdas) pois é apartir delas que o conhecimento progride.

  • Richard:

    Cara, muy loco!
    Graças às supernovas, eu sou canhoto!!
    Ei, Starney, vai aprender português!
    Um milagre é algo, normalmente bom, sem explicação científica.
    Não acredito em milagres. Por que Deus ia precisar transgredir as leis que ele mesmo criou?
    Quanto mais a ciência descobre coisas sobre nós mesmos e sobre o unniverso, mais eu percebo uma coisa: Deus é, acima de tudo, extremamente criativo.

  • Diego Uchiha Doppler:

    Aham Starney senta lá.
    Eu não tenho “Serteza” de nada que não sei.

  • starney:

    muito louco isso é milagre !!! oq é milagre? é um fato alem do nosso conhecimento !! ate pros cientista é milagre pq nem eles sabem explica imagina pra nós “leigos” mais vai nessa vc vai chega em algum luga é logico rsrsr !!! eu vou sistematicamente ate quando da qd ñ da mais eu pego o atalho vou pela fé o q é fé ? é a serteza das coisas que ñ sabemos!!! mais como podemos ter serteza de uma coisa q nem sabemos (entendemos)? é quando setimos no coração … tem um ditado q diz q o coração ñ senti o que os olhos não veem é mentira os olhos é q ñ veem o q o coração sente… pq q os sumarios souberam de coisa grandiosas q ate hoje os cientistas não sabem ?? é logico q tem um pq !!! eles usaram o atalho… estou sugerindo esse atalho pq essa teoria ñ esta completa… valeu

  • Marcos:

    Olá a todos !
    Patrix, o planeta só passou a ser ‘nosso’ depois que os aminoácidos baixaram aqui. Antes disso, era um planeta como outro qualquer, sem vida e sem dono 🙂
    Abraços

  • Fanta:

    Parabéns pelo artigo!

  • ana paula camoesas:

    Super!Por essa ordem de ideias,qualquer dia lá vamos de mala aviada,sabe Deus para que planeta,porque invadimos um planeta que não é nosso

  • Patrix:

    É, faz sentido… mas sermos “aliens”(ou aminoácidos alienígenas) invasores em nosso próprio planeta… é sinistro!!!

  • Alberto Carvalhal Campos:

    As explosões de super novas, enchem o espaço com substancias necessárias para várias etapas da formação dos astros,com auxilio da força de gravidade.

  • Paullin007:

    Fascinante!!

Deixe seu comentário!