Você não vai acreditar no tamanho deste telescópio de busca de vida alienígena

Por , em 5.07.2016

O maior radiotelescópio do mundo agora fica na China. O país asiático finalmente concluiu a construção do instrumento colossal, do tamanho de 30 campos de futebol, e um dos seus objetivos vai ser a busca por vida alienígena.

FAST

Com 4.450 painéis triangulares, o Five Hundred Meter Aperture Spherical Telescope (em tradução literal, algo como “Telescópio de Abertura Esférica de 500 Metros”), abreviado como FAST, deve ser lançado oficialmente em setembro.

Demorou cerca de cinco anos e custou aproximadamente US$ 180 milhões para construí-lo.

“O telescópio é de grande importância para o ser humano para explorar o universo e civilizações extraterrestres”, disse o escritor chinês de ficção científica Liu Cixin durante a instalação final. “Espero que os cientistas possam fazer descobertas que marquem época”.

Enorme

O FAST é quase duas vezes maior que o segundo maior radiotelescópio do mundo, que possui 300 metros e fica no Observatório de Arecibo, em Porto Rico.

Um dos cientistas envolvidos na construção do FAST disse que, se cada painel do telescópio fosse preenchido com vinho, haveria o suficiente para dar cinco garrafas para cada um dos 7 bilhões de habitantes da Terra.

Infelizmente, o telescópio será usado para coisas mais sérias, no entanto, como a busca por vida extraterrestre e o estudo de objetos espaciais como pulsares, quasares e ondas gravitacionais.

O plano é utilizá-lo em pesquisas em estágio inicial por cientistas chineses pelos primeiros dois anos e, em seguida, usá-lo mais amplamente.

Deslocamento de pessoas

Enquanto o FAST é uma conquista incrível para a ciência, mais de 9.000 moradores que viviam a uma distância de 5 km da instalação tiveram que ser realocados durante a construção do telescópio na província chinesa de Guizhou.

Cada um recebeu apenas 12.000 yuans (cerca de R$ 6 mil) em compensação do governo chinês, de acordo com a mídia estatal do país, sendo que recursos adicionais foram dados a indivíduos pertencentes a minorias étnicas.

A China em um histórico conhecido de deslocamento de pessoas. Enquanto 9.000 pessoas pode parecer bastante, é um número relativamente insignificante considerando episódios como o da usina de Três Gargantas, que estima-se que tenha obrigado mais de 1,5 milhão de habitantes a sair de suas casas. [TheVerge, Gizmodo, BBC]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (6 votos, média: 4,67 de 5)

2 comentários

  • Robson Trevelin:

    Espero que os chineses façam jus ao investimento pois acho que a China deveria realocar melhor o recurso pois com UM BI e 200 Mi de bocas

  • Rodrigo Teixeira:

    Que tenham boa sorte nesse procura.

Deixe seu comentário!