Energia solar pode ser revolucionada por essa esfera de vidro

A energia solar representa um futuro melhor para a humanidade. A energia limpa, não só pretende poupar nosso planeta do desgaste da produção de outras formas de energia, como também vai baratear seu acesso.

O arquiteto alemão André Broessel, da companhia Rawlemon, viu o futuro da energia renovável em sua bola de cristal. No caso, um globo que rastreia a luz do sol e gera energia solar – basicamente uma bola de gude gigante em uma estrutura robótica de aço. Mas isso não é nenhum brinquedo. A estrutura concentra tanto a luz do sol quanto a da lua, em até 10.000 vezes – tornando as suas capacidades de captação 35% mais eficientes do que os projetos fotovoltaicos de eixo duplo convencionais.

Como essa esfera vai revolucionar a energia solar?

André Broessel foi finalista no Prêmio World Technology Network 2013 com esse projeto, e depois produziu uma versão mais recente, chamada “Betaray”, que pode concentrar a luz difusa, como a que está presente em um dia nublado.

É isso mesmo que você leu: ele é 35% mais eficiente do que os painéis solares atuais e é capaz de funcionar nos dias nublados. A seguir você pode ver em dois vídeos um pouco mais sobre como essa maravilha funciona. O primeiro está em inglês e o segundo, em espanhol. [The Mind Unleashed]

— Você também pode gostar desses artigos:

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Curta no Facebook:

Uma resposta para “Energia solar pode ser revolucionada por essa esfera de vidro”

Deixe uma resposta