A simples “regra do um dedo” que vai cortar seus gastos desnecessários

O consumismo exagerado é com certeza um dos maiores problemas da humanidade. Que atire a primeira peça com etiqueta aquele que nunca comprou alguma coisa que nunca usou. Ou pensou, imediatamente assim que chegou em casa, “onde é que eu vou com isso”?

Bom, mesmo que você não seja uma vítima do consumismo desnecessário, deve conhecer pelo menos uma pessoa que é. E, sendo assim, vai ficar feliz com o que vamos falar aqui hoje. De acordo com a escritora de finanças Kim McGrigg, existe uma regra bem simples que podemos aplicar na hora das compras e que pode reduzir consideravelmente nossos gastos.

É a chamada “regra do um dedo”.

Segundo um estudo desenvolvido na UCLA – Universidade da Califórnia em Los Angeles (Estados Unidos) -, tocar os objetos pode tornar uma pessoa mais propensa a comprá-lo. Isso porque o toque cria um senso de “propriedade percebida”, que influencia diretamente aquela sensação de “minha vida não vai mais fazer sentido se eu não comprar isso agora”. E foi com base nesses estudo que Kim desenvolveu a regra.

Ela mesma explica como funciona: “Você pode tocar tudo o que quiser, mas com apenas um dedo”.

Ela criou essa técnica depois de fazer uma visita ao museu com 30 crianças de pré-escola. Durante o passeio, as crianças tiveram permissão para tocar tudo o que quisessem, mas com apenas um dedo. “E funcionou tão bem que eu decidi transformar em uma regra de compras”, completa a escritora.

A regra funciona com crianças porque satisfaz a necessidade de tocar as coisas, e também impede o mau uso dos objetos. Como adultos, nós ainda temos resquícios desse desejo de “ver com as mãos”, só que um pouco menos urgente do que era na infância. Usando a “regra do um dedo”, então, podemos satisfazer esse desejo sem, contudo, ficarmos mais suscetíveis a efetuar compras e mais compras – o que nos levaria a gastar menos.

Infelizmente, essa ideia não se aplica à compras online. Mas, da próxima vez que você estiver em uma loja física, em um momento de fraqueza, vale tentar colocar a “regra do um dedo” em prática. [Lifehacker, UCLA]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Curta no Facebook:

Uma resposta para “A simples “regra do um dedo” que vai cortar seus gastos desnecessários”

Deixe uma resposta