10 escritórios incríveis com tobogãs

Por , em 21.04.2013

Há mais ou menos 60 anos, o biólogo Jonas Salk sentiu que seu local de trabalho (uma espécie de porão pouco iluminado) era “sufocante”, tanto fisicamente quanto em termos de motivação. Depois de contemplar os arredores de um monastério medieval em Assis (Itália), porém, ele conseguiu inspiração para realizar um dos trabalhos mais importantes da sua vida: desenvolver uma vacina para poliomielite.

Neurocientistas já demonstraram que existe uma relação entre desempenho no trabalho e aspectos do ambiente em que ele é realizado, como a altura da sala e a quantidade de luz natural que entra. Contudo, sem se limitar a questões tradicionais, empresas de diversos países resolveram montar escritórios não apenas confortáveis, mas também divertidos. A seguir você conhecerá dez exemplos impressionantes.

10. AWeber Communications, Filadélfia (EUA)

10

Para começo de conversa, um dos cinco valores centrais dessa empresa é “não se leve tão a sério; divirta-se”. Em seu escritório na Filadélfia, fundado em dezembro de 2012, dois tobogãs complementam um design de ambiente que ajuda os funcionários a não esquecer de se divertir.

9. Google, Tel Aviv (Israel)

9

Aberto no final de 2012, esse escritório do Google é como um “playground sofisticado”, seguindo a tendência de outros prédios da empresa.

Ele ocupa oito andares da Electra Tower, e cada andar representa um lado da cultura israelense. A foto acima mostra um laboratório de computação com o tema “praia”.

8. Corus Entertainment, Toronto (Canadá)

8

Com esse tobogã, você consegue chegar ao térreo em questão de poucos segundos. Outro destaque do escritório são as paredes com hera, que dão (literalmente) um aspecto mais “verde” ao lugar.

7. YouTube, San Bruno (EUA)

7

Teto com trepadeira, parede para escalar, campo de mini-golfe… O escritório do YouTube faz justiça à fama do “pai Google”. Com o amplo tobogã que você vê acima, dá pra disputar corridas nos intervalos de trabalho.

6. Ogilvy & Mather, Jacarta (Indonésia)

6

Nas palavras de um dos arquitetos responsáveis pelo projeto, entrar na recepção é como “entrar em um SPA em Bali”. O escritório tem ambientes extremamente variados e que podem servir tanto para reuniões como para trabalhos em grupo ou conversas sigilosas.

5. iSelect, Melbourne (Austrália)

5

A foto acima não deixa mentir: o escritório da iSelect lembra um “playground para adultos”. Da mesma forma que outros já citados, ele possui diversos ambientes de lazer e de trabalho, entre eles uma sala de reuniões circular que ficou conhecida entre os funcionários como “sala de interrogatório”. Há espaço para dormir, correr, jogar futebol e receber uma boa massagem.

4. Red Bull, Londres (Inglaterra)

4

Em referência ao espírito de “ação” da Red Bull, o escritório da empresa tem um tobogã de tamanho respeitável e uma decoração que procura lembrar “rastros” deixados por carros de corrida e aviões de acrobacia.

3. Grupo LEGO, Billund (Dinamarca)

3

Cores fortes, mesas de tamanhos e formatos variados (algumas com bonsais embutidos) e brinquedos de LEGO (claro) espalhados dão um ar vivo ao escritório do grupo.

2. Electric Works, Sheffield (Inglaterra)

2

Dentro do escritório da Electric Works está o maior tobogã permanente interno de escritório do Reino Unido (que recorde específico, não?), com 26,5 m de altura.

1. Tate Modern, Londres (Inglaterra)

1

Esse aqui é uma exceção à regra, pois não se trata propriamente de um escritório, mas de uma instalação na galeria de arte Tate Modern que ficou aberta de outubro de 2006 a abril de 2007 – contudo, trabalhadores podiam “se inspirar” lá, o que garantiu sua vaga na lista. O tobogã podia ser acessado a partir de diferentes andares, dependendo do nível de adrenalina que você desejasse.[Top Management Degrees]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

2 comentários

  • Juliana Gomes Barbosa:

    O escritório do Google em São Paulo tem diversos ambientes divertidos e funciona muito bem. Inclusive foi um dos únicos escritórios da Google a crescer em anúncios no último semestre.
    O que não funciona no Brasil é o complexo de inferioridade de alguns brasileiros.

  • Marisa Rocha:

    Incrível!!! Mas não iria funcionar com este grau de seriedade aqui no Brasil…haha…não mesmo!

Deixe seu comentário!