10 invenções malucas da Feira de Exibição de Genebra que merecem sua atenção

Por , em 5.05.2012

Um dispositivo que amarra os laços do seu tênis, um veículo que utiliza bolas grandes como pneus, uma roupa que protege agricultores enquanto aplicam substâncias tóxicas nas plantações. O que essas invenções têm em comum?

Todas elas foram exibidas na 40ª Feira Internacional de Exibição de Invenções em Genebra, que aconteceu de 18 a 22 de abril. A mais importante do mundo nesse filão, a feira de Genebra deste ano reuniu 789 expositores de 46 países diferentes, que estão mostrando mil invenções. “Temos que admitir que momentos de crise também são momentos de criação, sempre”, afirmou o presidente da feira, Jean-Luc Vincent. E os números não mostram o contrário. Confira:

1 – Amarrador de tênis

Uma invenção para amarrar os laços do tênis. Bem prático, não?

2 – Ball Rider

O alemão Ulli Boehme criou o que ele chama de Ball Rider (cavaleiro da bola, em tradução livre). Trata-se de um veículo que utiliza bolas grandes no lugar dos pneus. Essa moda pode pegar. Veja o vídeo de uma das primeiras demonstrações do veículo alemão.

3 – Veste para agricultores

Lin Yung-Chi criou uma roupa especial, que protege de substâncias químicas que os agricultores podem ser expostos quando aplicam pesticidas.

4 – Caixa Futebol

Visitantes jogam uma partida de ‘Caixa Futebol’, um jogo no qual as crianças brincam dentro de um pequeno campo. Ele foi desenvolvido pelo venezuelano Jose Pires.

5 – ‘Suspensório carregatório’

O italiano Marco Pagnini mostra sua invenção. Ele desenvolveu um tipo de suspensório, que fica apoiado sobre os ombros e que permite ao usuário carregar um guarda-chuva sem utilizar as mãos.

6 -Termômetro de leite

Uma mamadeira que mostre a temperatura do leite é sonho de toda mãe com um filho recém-nascido. E agora isso já é possível. Essa é a invenção de Hsia Jung-Wen, de Taiwan, que, dependendo da temperatura do leite, muda de cor.

7 – Escova nutritiva

Uma nova escova para cabelos. Essa é a invenção do estadunidense Andre Piatetsky, que pode dispensar tratamentos para o couro cabeludo.

8 – Sistema de pouso de emergência

A chinesa Yu Gao apresenta sua ideia: um sistema de pouso de emergência. O sistema usaria múltiplas camadas de paraquedas.

9 – Robô inteligente

Um pequeno robô acena para visitantes. Criado pela Escola Vaud de Negócios e Engenharia, na Suíça, a criaturinha consegue até dirigir um pequeno veículo.

10 – Ursos wi-fi

Yong-Fu Chang, de Taiwan, e suas criações: dois ursinhos. Em um primeiro momento, eles podem aparentar ser como qualquer outro urso de pelúcia, mas não. Eles são conectados à internet – pois vêm com dispositivo para internet sem fio – e são equipados com microfones e alto-falantes.[BBC]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

25 comentários

  • Acrisio Gonçalves Da Silva Junior Junior:

    sou professor de Química em São Luis do Maranhão e no dia 10 de outubro de 2013, vamos realizar uma feira de inventos denominada de “Loucos por ciência”, idéias absurdar mas que com uma boa filtragem poderá servir em nosso dia-a-dia.

  • VersuS:

    a do aviao e hilaria…quem vai testar?

    • Ala Ahmad:

      sistema de pouso de avioes e muito util

  • Luís Hideo:

    Delícia!!! Adorei todas as novidades, principalmente o carregador de burundangas e o Zariguiiiiiiiiiim. Rsss Parabén a criatividade humana e a esta matéria

  • Rockson Pra:

    sistema de pouso de emergenciakkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    e se o avião cair de bico? vai usar o que?freios abs?
    kkkkkkkkkkkkkk

    • Luís Hideo:

      Adorei, kkkkkkk. Mas que é criativo é né? kkkkk

    • Ala Ahmad:

      vai salvar do mesmo jeito ele vai abrir e voultar ao normal

  • Alberto Campos:

    No caso do para quedas de avião, seria bem mais fácil e pratico que ficasse colocado na cauda. Não ocuparia espaço, e travaria a queda, não importando a maneira como caísse.

  • LuizEdz:

    Nôs do baixo clero temos o direito apenas de pagar altíssimos
    impostos para que a elite gaste sem nos dar nenhuma explicação quanto a necessidade dos gastos. Deve existir sim, mil e uma outras pesquisas por trás disso.

  • Paulo Eduardo:

    O ball ride e a caixa futebol parecem ser divertido, mas a invenção mais importante na minha opinião é a roupa especial para agricultores pelo simples fato de prezar pela saúde do próximo.

    • Elizabeth:

      Boa tarde, Paulo Eduardo!

      Muito mais importante do que uma roupa para proteger agricultores não seria a redução na aplicação de agrotóxicos? (eu até prefiro a eliminação dos mesmos).
      Simplesmente protegendo o agricultor, não se está prezando pela saúde do próximo… a não ser que o próximo seja o próprio agricultor.
      Só o agricultor que coloca veneno no alimento é que deve ser protegido? E os que consomem esses alimentos, como ficam?

    • Paulo Eduardo:

      Éssa é uma questão de regulamentação, o agrotóxico tem como finalidade ter um controle de pragas, em sentido amplo, que possa oferecer risco ou incômodo às populações, mas o armazenamento de grandes quantidades de agrotóxicos pode representar significativos riscos ambientais e à saúde humana e por isso há estritas especificações no seu uso.

      Convém lembrar que muitos dos mesmos princípios ativos usados como agroquímicos, e mesmo agrotóxicos, são também usados como medicamentos humanos diferindo apenas na concentração e forma de apresentação. Milhões de vidas tem sido salvas de verminoses, doenças fúngicas e varias outras por medicamentos que usam exatamente as mesmas moléculas usadas de outra forma para o controle de pragas e doenças agrícolas, pecuárias e também de animais de estimação.

    • Elizabeth:

      Sua réplica faz parecer que os agrotóxicos são até inócuos, quando diz que o mesmo princípio ativo usado nos agrotóxicos pode salvar vidas.
      Se a diferença está na concentração, continuo afirmando que melhor que a vestimenta de proteção é a diminuição dessa concentração no uso agrícola.

      De qualquer maneira, não faço uso de medicamentos químicos e meus animais são tratados com sucesso com homeopatia e acupuntura. Também evitamos produtos da agricultura convencional e os industrializados. Infelizmente não podemos escapar da contaminação ambiental… nem mesmo com uma roupa dessas…

  • Dahn___:

    eu quero uma ball rider…

    • Tatiane:

      Se andarmos pelas ruas daqui essa bola vai furar rapidinho kkkk.

  • Andhros:

    Ah, mas esse ursinho aí, o engenheiro maluco do seriado Smallville já tinha feito. E ainda tinha câmera nos olhos. E, se não me engano, também explodia…

  • Wesley Leandro:

    1- eu nunca usaria isso no meu tenis, parece gambiarra de pobre

    2- muito legal, eu compraria um

    3- já existe essa roupa se eu não me engano, talvez esse tenha melhorias

    5- criativo, mas é meio estravagante, se tiver como deixar mais discreto e pratico vai vender bastante

    6- genial! eu já vi um parecido, só que era pra medir a temperatura ideal da agua, pra fazer chá, não é lá uma novidade.

    8- já existe

    9- eu já vi esse robo na novela da globo ‘-‘, esse deve ser mais avançado, e esperto o suficiente pra não aparecer nas novelas da globo

    10- não entendi o intuito de um urso de pelucia estar conectado a internet. o que ele faz com isso?

    • arturfreddy:

      E a caixa futebol??? A melhor das invenções e você nem comenta???

    • Wesley Leandro:

      Pra mim isso não é uma “invenção” é só mais um jogo, coisas desse tipo surgem quase todo dia

    • Junior:

      voce não achou nada da sete? Rs

    • Wesley Leandro:

      sinceramente não, assim como a caixa de futebol, que pra mim é só mais um jogo adaptado, essa escova é só mais um apetrecho de cabeleleiro, é mais uma adaptação de um instrumento do que uma invenção

    • claudiohagra:

      concordo!

    • Rodrigo Piedade:

      O urso se comunica com rádios online e podcast então você ouve musicas através deles e eu já vi um desses pra vender no barra shopping em porto alegre semana passada pra não não é nada inovador fora que tem o urso para ipod e celulares por bluetooth

    • Tatiane:

      É um urso bem grande, para apenas escutar música, não vale a pena rs. Não é inovador mesmo.

      E o tênis da Adidas vai custar uma fortuna por causa dessa engenhoca que amarra os cadarços.

    • Tatiane:

      O robô parece mesmo o da novela.
      O do leite é bem útil, porém ele só inovou na forma, pois certamente isso já existe.

      A caixa para jogar futebol achei bem sem graça.

Deixe seu comentário!