11 animais que viveram MUITO MAIS do que deveriam

Por , em 22.06.2015

De acordo com dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) de dezembro de 2013, a expectativa de vida do brasileiro é de 74,6 anos. A maioria de nós, assim, fica feliz em chegar aos 70 com saúde. Viver o dobro disso? Parece impossível, não? Certamente nenhum ser humano alcançou a marca de 140 ainda.

Já alguns animais atingiram marcas totalmente impressionantes, como…

11. O peixinho dourado mais velho do mundo

animais velhos do mundo 11
A maioria dos peixinhos de aquário vivem coisa de um mês ou dois, embora os peixinhos dourados possam viver cerca de 6 anos sob cuidados normais, e de 10 a 25 sob cuidados especiais.

Isso sem contar Goldie, um peixe que sobreviveu incríveis 45 anos depois de ter sido dado como um prêmio à mãe de Pauline Evans em 1960. Quando os pais de Pauline morreram no final dos anos 90, ela herdou o peixe e continuou a cuidar dele até a morte do animal, em 2005.

Goldie adotou o título de peixinho dourado mais velho do mundo depois de ultrapassar Tish, que morreu aos 43. Infelizmente, uma vez que não havia registros documentando quando os peixes foram adquiridos, nem Tish nem Goldie são titulares oficiais do Guinness, uma vez que suas idades não puderam ser verificadas com certeza.

10. O koi mais velho do mundo

animais velhos do mundo 10
Koi é uma variedade ornamental da carpa, e um dos peixes mais longevos da Terra. Hanako, por exemplo, viveu até a chocante idade de 226 anos.

O koi escarlate morreu em 1977. Cientistas o examinaram para determinar com eficácia sua idade e descobriram que o animal nasceu antes de os Estados Unidos serem fundados.

9. O lagarto mais velho do mundo

animais velhos do mundo 9
O tuatara é um réptil endêmico da Nova Zelândia conhecido por sua longevidade, vivendo regularmente mais de 100 anos.

O mais antigo documentado é Henry. Ele mora no Museu Southland da Nova Zelândia e tem incríveis 117 anos de idade – sendo que recentemente foi pai de sua primeira ninhada de bebês com a tenra idade de 111.

8. O elefante mais velho do mundo

animais velhos do mundo 8
Se um elefante nunca esquece, Lin Wang tinha muitas coisas para lembrar. Enquanto a média de vida de um elefante é de cerca de 50 anos, Wang sobreviveu 86 antes de falecer em 2003.

Durante a Segunda Guerra Mundial, os japoneses usavam elefantes para transportar suprimentos e grandes peças de artilharia. Lin Wang foi capturado a partir de um campo japonês em 1943 e utilizado para apoiar a Força Expedicionária chinesa pelo resto da guerra.
Em 1952, Wang foi doado para o Jardim Zoológico de Taipei, onde foi apresentado a sua companheira, Malan. Ele se tornou a mais famosa atração no zoológico e era carinhosamente chamado de “vovô Lin Wang” pelos visitantes. Quando morreu, seu funeral durou semanas e atraiu dezenas de milhares de visitantes.

7. A lagosta mais velha (provavelmente) do mundo

animais velhos do mundo 7
Pescadores capturaram George, a lagosta, na costa de Newfoundland, no Canadá, em 2008. O animal foi vendido ao restaurante City Crab and Seafood por US$ 100 (mais de R$ 300, no câmbio atual) graças ao seu tamanho impressionante: a lagosta pesava 9 kg.
George serviu como mascote do local, já que seu tamanho incomum atraía visitantes curiosos para o restaurante. No entanto, a lagosta só ficou no restaurante durante dez dias antes de manifestantes do PETA (organização não governamental de direitos animais) convencerem o City Crab a libertá-lo de volta na natureza.

A PETA interessou-se particularmente por George porque o tamanho de um crustáceo se correlaciona com a sua idade. Uma vez que era enorme, o pessoal da ONG estimou que a lagosta tinha cerca de 140 anos de idade (lagostas de 75 anos são conhecidas, mas com mais de 100… Nenhuma). Como George voltou para o mar, é impossível saber se ele ainda está vivo e quantos anos exatamente têm.

6. O cavalo mais velho do mundo

animais velhos do mundo 6
A média de vida para equinos oscila em torno dos 25 anos. Old Billy ri dessa média. Nascido em 1760, ele viveu impressionantes 62 anos, mais do que o dobro do tempo de vida útil do cavalo médio.

E olha que Billy era trabalhador – ele passou a maior parte de sua vida transportando cargas. Conforme envelheceu, suas costas se dobraram e seus ossos começaram a atravessar sua pele.

Independentemente disso, ele se tornou uma celebridade local – foi até pintado por um artista chamado W. Taylor (foto acima). Após sua morte, seu crânio foi dividido em dois, sendo que uma metade foi taxidermizada e a outra foi deixada nua. As duas metades do seu crânio estão em exposição no Museu de Manchester e no museu The Higgins Bedford, ambos no Reino Unido.

5. O cão mais velho do mundo

animais velhos do mundo 5
A média de vida de um cachorro é de 10 a 12 anos, sendo que a maior expectativa de vida conhecida é de 24 anos. Até agora, não há relatos confirmados de um cão vivendo por mais de 30 anos, mas Max chegou bem perto, morrendo com 29 anos e 282 dias.

Mistura de Beagle com Daschund e Terrier, Max nasceu em 1983 e foi adotado logo depois por sua dona Janelle DeRouen. Registros veterinários provam a alegação de DeRouen e, por enquanto, Max detém o título de cão mais velho do mundo.

4. A gata mais velha do mundo

animais velhos do mundo 4
A grande maioria dos gatos vive em média 11 a 12 anos. Em 2015, a gata Tiffany Two (foto acima) morreu com 27 anos, o que certamente é MUITO. Ainda assim, não é praticamente nada em comparação com a gata mais velha de todos os tempos, que viveu até os 38.

Cream Puff morava em Austin, Texas, nos EUA, com seu proprietário Jake Perry e um outro gato chamado Granpa. Granpa ganhou o título de gato mais velho do mundo quando morreu, mas quando Cream Puff passou seus 34 anos, ficou com o título. Uma vez que dois dos gatos mais velhos do mundo pertenciam à mesma pessoa, muitos especulam que sua escolha incomum de dieta para os felinos (que incluía bacon, ovos, aspargos e brócolis) é o que ajudou seus animais a sobreviver tanto tempo.

3. A tartaruga mais velha do mundo

animais velhos do mundo 3
Há corais conhecidos por viver milhares de anos, e estima-se que baleias vivam por séculos, mas animais terrestres raramente têm longos períodos de vida. O detentor do recorde atual para o animal mais velho ainda vivo passeando por um chão de terra vai para uma tartaruga chamada Jonathan.

Nativa das Ilhas Seychelles, Jonathan foi trazida para os EUA em 1882 para viver na residência oficial do governador de Santa Helena. Uma foto preto e branco de uma coleção de imagens mostra a tartaruga no ano de 1900. Com 182 anos de idade, é improvável que qualquer ser humano bata o seu recorde em breve.

2. O jabuti mais velho do mundo

animais velhos do mundo 2
Como deu para perceber acima, as tartarugas são conhecidas por sua longevidade, mas Adwaita certamente é uma campeã nesse quesito. Tendo vivido no Alipore Zoo, zoológico da Índia, esse jabuti estabeleceu um recorde que não será quebrado tão cedo, sobrevivendo por 250 anos.

A vida de Adwaita começou em 1700, quando o animal macho foi capturado nas Ilhas Seychelles, antes de ser dado ao general britânico Robert Clive da Companhia das Índias Orientais. Clive cuidou de Adwaita como bicho de estimação até 1875, quando a tartaruga foi doada ao zoológico em 185. Por mais de 125 anos, viveu no mesmo recinto até falecer em 2006. Depois de sua morte, o casco de Adwaita foi examinado com datação de carbono para confirmar sua idade.

1. O molusco – e animal – mais velho conhecido do mundo

animais velhos do mundo 1
Com 507 anos de idade, Ming, o molusco, viveu uma vida longa e um tanto banal. No entanto, poderia ter vivido ainda mais se os cientistas não tivessem o descoberto. Infelizmente, não era possível calcular a idade de Ming sem abrir sua casca, de forma que os pesquisadores não perceberam que estavam em posse do (provavelmente) mais antigo animal do mundo vivo – até já o terem matado.

Uma coisa boa saiu da morte de Ming – sua casca pode fornecer aos cientistas dados sobre as mudanças das temperaturas no mar ao longo dos últimos 500 anos, além de eventualmente ajudá-los a descobrir o segredo do envelhecimento.

Bônus: A água-viva imortal

animais velhos do mundo - bonus
Sim, existe um animal imortal no mundo: a água-viva Turritopsis nutricula, que simplesmente não consegue morrer de causas naturais. Sua capacidade de regeneração é tão alta que ela só pode morrer se for completamente destroçada.

A expectativa de vida de uma água-viva comum é de algumas horas (para as menores espécies) a meses e, muito raramente, anos (para as maiores). Como esse animal, que só tem 5 milímetros de comprimento, consegue trapacear esse sistema? Bem, a Turritopsis nutricula pode se transformar de medusa de volta para pólipo, revertendo ao seu estado imaturo, como uma verdadeira fênix aquática. É como se os seres humanos pudessem voltar a ser bebês toda vez que atingissem a velhice (e a inevitável possibilidade de morte). [Oddee]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (9 votos, média: 3,56 de 5)

2 comentários

  • Joseah Carl Bajat:

    Como sabem a iade correta.Nenhum cientista estava vivo a mais de 100 anos pra comprovar isso.

    • Cesar Grossmann:

      Por exemplo, um cientista recebe um réptil com 50 anos de idade, comprovado pelo proprietário que o doou (talvez outro cientista). Em 50 anos, não importa o cientista que esteja cuidando dele, a idade oficial vai ser 100 anos.

Deixe seu comentário!